Espaço do Movimento Consciência Negra é inaugurado no Metrópole

O Shopping Metrópole, em São Bernardo do Campo, inaugurou um espaço do Movimento Consciência Negra dedicado a reflexões e informações sobre a urgente necessidade de se combater o racismo no Brasil e no mundo.

Até o fim do ano, quem passar por lá poderá ver fotos e conhecer histórias de personalidades que se sobressaem na luta antirracista.

“A ação e a consciência contra o racismo deveriam estar presentes não só Dia da Consciência Negra (20/11) e no mês de novembro, que se tornou referência para o tema, mas o tempo todo, em nosso dia a dia. Isso precisa ser incorporado pela sociedade para que, um dia, exista igualdade de oportunidades”, declara Rodrigo Rufino, gerente de marketing do Shopping Metrópole. 

O espaço foi inaugurado dia 20/11, tem como parceiro o Instituto Iris e está localizado próximo à loja Renner.

Agenda

Espaço Movimento Consciência Negra – “Histórias de vida que merecem um tempo da sua”

Onde: Shopping Metrópole – Praça Samuel Sabatini, 200, Centro, São Bernardo do Campo/SP

Quando: segunda-feira a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados, das 14h às 20h

Sobre o Shopping Metrópole: Inaugurado em maio de 1980, o empreendimento conta com 173 operações, entre elas, cinco âncoras (Academia Smart Fit, C&A, Renner, Lojas Americanas e Marisa), três restaurantes (Outback, Si Señor e Pecorino) e nove salas de cinema multiplex PlayArte (três em 3D e 1 Extreme). Em 2008, o shopping foi o primeiro empreendimento da região do ABC a receber a certificação segundo a norma ISO 14001 do seu Sistema de Gestão Ambiental. Horário de funcionamento: segunda-feira a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados, das 14h às 20h. Praça Samuel Sabatini, 200, Centro, São Bernardo do Campo (SP). SAC: 11 4003-7370. www.shoppingmetropole.com.br

Sobre o Movimento Consciência Negra: o objetivo do movimento é reconhecer a relevância da luta antirracista no Brasil e no mundo, apresentando personalidades que nos fazem refletir e aprofundar nossa percepção sobre discriminações racistas e assumir a responsabilidade pela transformação do estado das coisas.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.