Santo André suspende consultas e cirurgias eletivas na rede municipal

Neste momento Santo André registra a maior taxa de ocupação de leitos públicos e privados de UTI destinados à Covid-19 desde o início da pandemia. Por isso, a Prefeitura de Santo André readequada o serviço municipal de saúde e suspende consultas e cirurgias eletivas.

Santo André suspende consultas e cirurgias eletivas na rede municipal

Os leitos serão apenas para pacientes com quadro clínico suspeito ou confirmado de Covid-19.

“Todos os esforços para manter a capacidade de atendimento aos pacientes com Covid-19 e também às urgências e emergências estão mantidos para que nenhum andreense fique sem atendimento médico. Por isso, estamos habilitando os leitos de UTI disponíveis pelo Governo do Estado para garantir esta assistência, até que a vacinação atinja um melhor nível e a curva de contágio desacelere”, diz o prefeito Paulo Serra.

Exames e consultas eletivas com especialistas, ou seja, que não são de emergência, também serão suspensos. Os usuários do sistema de saúde municipal que estão com consultas agendadas serão contatados pela Secretaria de Saúde para serem informados sobre a medida e receber orientações, respeitando a fila e quadro clínico dos pacientes. Unidades de saúde e policlínicas estarão abertas para receber casos de síndromes respiratórias. Nestes equipamentos de saúde, as equipes seguem com a avaliação das demandas a partir da gravidade dos casos, e assim encaminhando para acolhimento ou reagendamento.

Gostou de “Santo André suspende consultas e cirurgias eletivas na rede municipal”?

Santo André suspende consultas e cirurgias eletivas na rede municipal

Então, aproveite e assine nossa newsletter e seja noticiado assim que publicarmos novas matérias! Ah, leia mais sobre o que acontece no ABC Cidades todo dia no Grande ABC.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.