EXPEDIÇÃO NA AMAZÔNIA: Uma lição de vida e de amor à natureza e ao próximo

Texto “Expedição Amazônia” é contribuição de Sueli Mozeika, do FotoClube ABCclick.

A fotografia nos dias de hoje está ao alcance de praticamente todos nós, sejamos fotógrafos ou não. Ela é um meio de se registrar momentos agradáveis ou tristes, como acidentes e catástrofes, manter a memória de uma família, relacionamentos sociais e até a história de um povo ou nação.

Amazônia: o pulmão o mundo. Foto: Sueli Mozeika

Neste post vou destacar a fotografia como um meio de conscientização e preservação do meio ambiente, preservação das espécies e da vida no planeta. Recentemente participei de uma Expedição fotográfica na Amazônia, juntamente com alguns associados do Fotoclube ABCclik. Foi uma experiência incrível.

EXPEDIÇÃO NA AMAZÔNIA: Uma lição de vida e de amor à natureza e ao próximo
Povos e culturas. Foto: Sueli Mozeika

Tivemos o contato com a beleza e as maravilhas que a natureza nos oferece, a fauna, a flora e a simplicidade da vida, quando respeitada. A Floresta amazônica é considerada a maior floresta tropical do mundo e sua preservação é importante na regulação climática não só do Brasil, mas do mundo todo. Na Amazônia existem
cerca de 2500 espécies de árvores e de 30 mil espécies de plantas, das 100 mil existente em toda a América do Sul.

Expedição. Foto: Sueli Mozeika

A oportunidade de participarmos de expedições onde adentramos na mata, conhecemos povos ribeirinhos, suas vidas, seus costumes e culturas, nos favorece a conscientização e a prática do que ouvimos falar e muitas vezes desdenhamos.

EXPEDIÇÃO NA AMAZÔNIA: Uma lição de vida e de amor à natureza e ao próximo
Sumaúma: a árvore gigante e sagrada da Amazônia. Foto: Sueli Mozeika

Sou amante da natureza desde a infância, e sempre procurei fazer a minha parte em respeito a ela, porém vivência in locus trouxe à tona a importância de vermos o mundo de forma a estar tudo interligado, onde um fato qualquer, pode afetar o todo.

Exemplos como queimada, desmatamento, caças ilegais, poluição ambiental, tudo isso
modifica as condições climáticas, o sistema ecológico e pode levar à extinção de espécies além de interferir na nossa saúde e qualidade de vida.

EXPEDIÇÃO NA AMAZÔNIA: Uma lição de vida e de amor à natureza e ao próximo
Navegando mata adentro. Foto: Sueli Mozeika

Apreciar a beleza natural é agradável, o triste é ver o descaso e a mão do homem afetando o ambiente, o jardim da própria casa.

Graças à fotografia podemos relembrar cada momento visto e vivido, as belezas naturais e a grande diversidade de espécies e consequentemente da importância de sua preservação.

Ela mostra a evolução, os retrocessos e a destruição. Mostra a beleza e a feiura. A fotografia registra um fato, um momento único e decisivo, conta histórias de vida e de morte.

Fator humano. Foto: Sueli Mozeika

A fotografia pode ser um meio de conscientização, um alerta de que precisamos fazer algo em prol do nosso meio ambiente, precisamos respeitar e preservar não só as nossas vidas, mas o nosso planeta, pois sem planeta não há vida, não há ser humano.

Não vamos deixar para a nossa descendência apenas fotos, vamos deixar a educação e a sensibilização da necessidade e respeito ao que recebemos de graça, um planeta repleto de vida.

Se este post conseguiu tocar seu coração ou despertar sua consciência compartilhe, pois só uma corrente forte pode suportar a força das intempéries.

Instagram: @smphoto_arte

EXPEDIÇÃO NA AMAZÔNIA: Uma lição de vida e de amor à natureza e ao próximo
A boa convivência: homem e animal. Foto: Sueli Mozeika

Informações do Fotoclube:


Gostou de “EXPEDIÇÃO NA AMAZÔNIA: Uma lição de vida e de amor à natureza e ao próximo”? Compartilhe!