Arquivo da tag: 2021

Estágios abertos na Toledo do Brasil em São Bernardo

Estágios abertos na Toledo do Brasil em São Bernardo em vários setores da empresa dentre elas: Gestão, Importação, Eletrônicos, Administração. A Toledo do Brasil disponibiliza Bolsa auxílio, PLR 50% do valor, Reembolso medicamentos em até 100%.

Vagas de hoje 18 de março 2021

Pensando em mudar de carreira ou se preparar melhor para entrevistas de emprego? Conheça a RC Locus, referência em Recrutamento & Seleção, em todos os níveis.

Quais os requisitos?

Estagiário(a) Técnico Mecatrônica / Eletrônica / Automação Industrial: Necessário ter conhecimento em comandos elétricos e interpretar diagramas elétricas e linguagem Ladder. E irá na área de TI com rotinas help desk, suporte e atendimento a clientes internos.

Estágio Administração : Necessário está cursando graduação em administração, e ter conhecimento sem Word e Excel e ter preferencialmente com conhecimento básico prévio em SAP.

Estágio de Importação: Necessário está ensino superior em Administração, Comércio Exterior ou Negócios Internacionais, e conhecimentos em pacote office e Inglês intermediário.

Estágio Gestão Projetos : Necessário está cursando engenharia elétrica entre o 2º e o 6º semestre, ter curso técnico completo em Eletrônica, Mecatrônica, Mecânica ou Automação Industrial, é imprescindível o candidato ter domínio pacote office 365 e ter facilidade em elaboração de relatórios técnicos e redações em geral.

OBS: Apenas divulgamos as vagas, não solicitamos nenhum dado pessoal ou currículo. Nos canais abaixo compartilhamos mais publicações sobre vagas, NUNCA exigimos cadastro no Jornal Grande ABC. Responsabilidade das ofertas é por parte dos contratantes.

Como se candidatar?

A Toledo do Brasil utiliza o recrutamento online em https://toledobrasil.gupy.io/ , conforme indicado em seu site oficial. Neste site, selecione o Estado de São Paulo e a sua cidade, em seguida. Verás estas e mais oportunidades, de acordo com a disponibilidade da empresa. Lembrando, estas vagas são para o recrutamento online, não há informação sobre recebimento do currículo físico nas lojas.

Conheça todos nossos canais (Whatsapp, Telegram, Facebook, Buscador): https://jornalgrandeabc.com/inicio/nossas-redes-sociais/

Vagas de hoje 17 de março 2021

Conheça nossa parceria com o site Lista de Vagas. Visite e confira mais vagas verificadas e reais.

Mais Vagas no Grande ABC

Gostou “Estágios abertos na Toledo do Brasil em São Bernardo”?

Estágios abertos na Toledo do Brasil em São Bernardo

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

Predator e Intel são patrocinadores Master da Pride Cup 2021

Este ano, o evento Pride Cup 2021 destinado à comunidade LGBTQIAP+ e produzido pela Gamers Club, contará com torneios especiais de CS:GO, VALORANT e League of Legends

Em celebração ao Dia Internacional Contra a Homofobia, comemorado em 17 de maio, e reforçando o compromisso das marcas de incentivo a um ecossistema gamer diverso e inclusivo, Predator e Intel anunciam que serão as patrocinadoras principais da edição 2021 da Pride Cup, campeonato de esports organizado pela Gamers Club e pensado especialmente para a comunidade de gamers brasileiros LGBTQIAP+.

Nesta segunda edição, o evento, que foi pensado para reforçar a importância de questões como gênero, sexualidade e diversidade racial na comunidade gamer promete, mais uma vez, dar visibilidade às minorias e levantar questionamentos sobre respeito e igualdade durante torneios de três jogos de bastante sucesso no cenário – CS:GO, VALORANT e League of Legends.

“Estamos muito orgulhosos de poder fazer parte deste projeto tão importante, em parceria com a Intel. Nosso propósito na Acer, por meio da Predator, nossa marca gamer, é fazer parte do dia a dia dos jogadores e fãs, oferecendo a melhor experiência para todos”, comenta Danilo Santander, Gerente de Marketing na Acer do Brasil. “A Pride Cup é um projeto de inclusão que tem como objetivo transformar o cenário gamer no Brasil para melhor”, complementa Caroline Raimundo, Head de Marketing na Acer do Brasil.

Entre nomes já confirmados para a Pride Cup 2021 estão Olga Rodrigues, mulher trans e jogadora profissional de CS:GO pela Black Dragons, Atlanta que jogou profissionalmente de League of Legends pela Vivo Keyd, Sher, streamer mais conhecida por Transcurescer e a Drag gamer e streamer LolaDvil.

“Na Intel acreditamos e trabalhamos para a promoção de um cenário cada vez mais diverso e inclusivo. Iniciativas como essa, juntamente com os nossos parceiros, nos ajudam a nos aproximarmos de um público gamer mais diverso”, comenta Giovana Gaiolli, Gerente de Marketing da Intel Brasil. “Participar da Pride Cup é um passo importantíssimo para trabalhar os valores da Intel não só internamente, mas também com os parceiros, influenciadores e com o consumidor final”, complementa.

O campeonato será transmitido ao vivo nos canais da Gamers Club na Twitch com direito a um dia especial para cada game: no dia 11 de junho, a partir das 18h, acontece a competição de VALORANT; em 13 de junho é a vez do torneio de CS:GO, desta vez a partir das 16h; e, por fim, no dia 18 de junho será a vez do League of Legends, às 18h.

“Um dos valores da Gamers Club é colocar a comunidade em primeiro lugar e a Pride Cup é um exemplo claro do quanto nos importamos com a relevância da minoria no cenário de esports, e do quanto nos dedicamos para colocar assuntos tão importantes em pauta. É necessário ter cada vez mais, marcas que se importam com causas relacionadas à diversidade, por isso, ficamos extremamente felizes com o apoio de Predator e Intel”, comenta Carla Sernaglia, Diretora de Operações da IGC no Brasil.

_____________

Sobre a Acer

Fundada em 1976, a taiwanesa Acer é uma empresa de tecnologia dedicada à concepção, venda e suporte de produtos inovadores que melhoram a vida das pessoas e as mantém atualizadas e conectadas. Com cerca de 7 mil funcionários, a Acer engloba desde tecnologia ligada à Internet das Coisas para jogos a realidade virtual, com equipe dedicada à pesquisa, design, marketing, venda e suporte de produtos e soluções que quebram barreiras entre pessoas e tecnologia. No Brasil, a Acer está presente há 11 anos e encontra-se entre as líderes em faturamento e volume de vendas no varejo. Com sua linha atual de produtos focada em notebooks, monitores, projetores e acessórios para diversos tipos de uso, a Acer possui equipamentos com alta performance, design com conteúdo e recursos eficientes e inovadores para o gamer, designer, educadores, escritórios e uso doméstico.

Predator e Intel são patrocinadores Master da Pride Cup 2021

Para mais informações

Site: acer.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/AcerdoBrasil/

Instagram: https://www.instagram.com/acerdobrasil/

Twitter: https://twitter.com/acerdobrasil

Sobre a Intel  

A Intel (Nasdaq: INTC) é líder da indústria e cria tecnologias que mudam o mundo, possibilitando o progresso global e tornando a vida mais rica. Inspirados pela Lei de Moore, trabalhamos continuamente no aprimoramento do design e da fabricação de nossos semicondutores para ajudar os clientes a enfrentarem seus maiores desafios. Ao incorporar inteligência na nuvem, rede, borda e todo tipo de dispositivo de computação, liberamos o potencial dos dados para transformar os negócios e a sociedade para melhor. Para saber mais sobre as inovações da Intel, acesse newsroom.intel.com.br e intel.com.br.  

© Intel Corporation. Intel, o logo da Intel e outras marcas Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias. Outros nomes e marcas são de propriedade de seus respectivos donos.

Sobre a Gamers Club

Gamers Club, subsidiária da Immortals Gaming Club (IGC), é a maior plataforma de esportes eletrônicos da América Latina, possuindo todas as funcionalidades para que um jogador amador ou aspirante a profissional precise praticar, jogar, competir e se divertir.

Gostou de “Predator e Intel são patrocinadores Master da Pride Cup 2021“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

A situação do mercado de trabalho quanto a capacitação de trabalhadores ou oportunidades

Este artigo sobre a situação do mercado de trabalho é de autoria de Simone Choin

Nos últimos anos podemos afirmar que o mercado de trabalho teve alguns altos e baixos e com a pandemia o nível de incerteza em relação ao desempenho da economia brasileira tem se elevado de forma extraordinária e está gerando grandes distorções no país, em especial no mercado de trabalho.

Em 2021 o mercado de trabalho prometia uma grande recuperação, mas ainda caminha a passos mais lentos do que era esperado. Isso não significa que quem deseja uma oportunidade no mercado de trabalho não vá conseguir. Significa sim, que precisa entender em que setores estão as oportunidades e o que precisa desenvolver para conquistar aquela determinada vaga que tanto almeja.

Existir vagas existem, mas muitas empresas estão procurando profissionais para resolver problemas que elas não tinham antes da pandemia, outras que foram na contramão do mercado, cresceram durante a crise do novo coronavírus e em necessidade de contratar para conseguir atender a todas as solicitações do mercado. Muitas oportunidades de trabalhar em home office surgiram e assim possibilitou quem tem uma estrutura mínima de trabalho em casa conseguir uma oportunidade dentro dos padrões exigidos pelas empresas, independente do local que é a empresa e de onde mora esse empregado.

Em função da situação em que estamos vivendo, os trabalhadores precisam cada vez mais investir em conhecimentos, um bom profissional está sempre em busca de novos estudos que possam agregar qualidade para o seu currículo. Independentemente da área de atuação ou formação, os cursos também podem contribuir muito para aqueles que nunca trabalharam.

Se está em busca de oportunidade, fique de olho em algumas profissões que estão em alta em 2021 até pelo momento em que estamos vivendo. Algumas são: área da saúde (médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, assistentes sociais), tecnologia da informação (todas as áreas de TI), logística (todo o varejo) e marketing de performance. Entre eles, especialistas em BI (Business Intelligence), segurança digital e infra-estrutura devem continuar em alta.

Simone Choin

Líder de Talentos da Conexão Talento. Especialista em Gestão de RH com experiência de 25 anos em empresas de grande porte, atuando como gestora regional nos subsistemas de R&S, T&D e Comunicação Interna.

Formação em Assistência Social e MBA em Gestão de Pessoas pela UCP/IPETEC. Formação na ferramenta DISC pelo Instituto Brasileiro Coaching. Participou de projetos de grande impacto, como: Reestruturação das áreas de RH com Criação de Políticas de RH, Apoio a Construção de Trilha de Carreira, Comunicação Interna e Processos de RH. Responsável também pelos programas de Jovem Aprendiz, PCD’s, Diversidade, Voluntariado, entre outros.

A situação do mercado de trabalho quanto a capacitação de trabalhadores ou oportunidades
Simone Choin. Foto: Divulgação

Gostou da nossa matéria “A situação do mercado de trabalho quanto a capacitação de trabalhadores ou oportunidades“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

rio grande da serra, refis

Rio Grande da Serra disponibiliza programa de refinanciamento

A prefeitura de Rio Grande da Serra disponibilizou aos contribuintes o programa REFIS 2021, que possibilita o acordo de débitos com o Município até 31 de dezembro de 2020. É possível parcelar os valores em até 36 vezes (parcela mínima de 50 reais), e em algumas opções os descontos nas multas e jutos podem chegar à 100% do valor.

O REFIS 2021 ficará disponível até o dia 25 de julho deste ano. Devido à pandemia da Covid-19, os atendimentos para a adesão ao programa estão sendo realizados somente com agendamento de horário, através do telefone (11) 4821-9532 ou pelo e-mail do Setor de Dívida Ativa da Prefeitura: ctm@riograndedaserra.sp.gov.br

“É muito importante que as pessoas que estão com algum débito se atentem ao prazo e participem do REFIS, pois é uma grande oportunidade para a quitação das dívidas municipais com descontos e parcelamentos que facilitam muito no pagamento”, salientou o Secretário de Finanças de Rio Grande, Cassio Roberto Pegoraro.

Para agilizar o atendimento, a Prefeitura recomenda que o interessado envie por e-mail a cópia da escritura ou contrato de compra e venda do imóvel, além de cópias simples do carnê do IPTU, RG e CPF.

Confira as opções de pagamento e demais condições:

– à vista ou em até 3 parcelas do débito: redução de 100% de multa de mora e 100% de juros.

– em até 12 parcelas: redução de 90% de multa de mora e 90% de juros.

– em até 24 parcelas: redução de 70% de multa de mora e 70% de juros.

– em até 36 parcelas: redução 50% de multa de mora e 50% de juros.

Em todas as opções de parcelamento, as parcelas serão reajustadas ao mês de janeiro de cada exercício, segundo a variação acumulada do IGPM-FGV.

Rio Grande da Serra disponibiliza programa de refinanciamento

Gostou da nossa matéria “Rio Grande da Serra disponibiliza programa de refinanciamento“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias e mais vagas de emprego abertas. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

Os esmaltes da Avon que secam em 60 segundos, visto no BBB21

Com o tema Passou, Secou, a Prova do Anjo trouxe para os brothers e sisters a linha Pro Color 60: uma linha de esmaltes da Avon que secam em apenas 60 segundos, devido à sua fórmula exclusiva, que também é 5 free – livre das 5 substancias que mais causam alergias e irritações: formaldeído, tolueno, DBP (dibutilftalato), resina tosilamida/formaldeído e cânfora.

A prova desafiou os participantes em uma dinâmica de agilidade para encontrarem diferentes cores de esmaltes em um minuto, revelando as mais de 20 tonalidades disponíveis de Avon Pro Color 60, que também traz diferenciais no pincel com mais de 700 cerdas, e que garante aplicação rápida e sem muito esforço, com cor viva em apenas uma camada.

O break da prova também teve super destaque em um novo formato integrado: durante o intervalo de 60 segundos, Thelminha, Mari Gonzalez e Dani Calabresa pintaram as unhas com e conversaram sobre a prova e os produtos, revelando os kits temáticos que foram lançados para o público poder ter a experiência do reality com os esmaltes em casa: eles trazem seleções de cinco cores que traduzem os moods do programa (brigas, romance, diversão) e vêm em uma embalagem especial de nécessaire em formato de boca.

esmaltes da Avon que secam em 60 segundos
Os esmaltes da Avon que secam em 60 segundos. Avon Brasil

Os kits temáticos Avon Pro Color 60 BBB 21 estão disponíveis e-commerce e com as representantes de beleza da marca em todo o país. Conheça cada kit:

Kit Caça Likes

Com cores minimalistas, ele garante looks básicos, sem erro. Os tons disponíveis são: Branco Supremo, Rosa Pétala, Nude Sutil, Nude Areia e Nude Sofisticado.

esmaltes da Avon que secam em 60 segundos
Avon Brasil

Kit Eu Assumo Meus BOs

Traz uma poderosa seleção de vermelhos elegantes e clássicos: Vermelho Ícone, Vermelho Royal, Vermelho Perfeito, Vinho Clássico e Vermelho Bordô.

esmaltes da Avon que secam em 60 segundos
Avon Brasil

Kit O Brasil Tá Vendo!

Uma variedade de cores divertidas, para quem gosta de ter as unhas sempre coloridas: Viva Pink, Azul Petróleo, Coral Fashion, Rosa Moderno e Roxo Profundo.

esmaltes da Avon que secam em 60 segundos
Avon Brasil

Kit Aqui Tem Outra Braba

Para personalidades fortes, esse kit traz tons de preto, vermelho e marrom: Vinho Clássico, Vinho Romântico, Vermelho Bordô, Preto Total e Cinza Sedutor.

Avon Brasil

Kit Tá Suave Tá On!

Esse kit celebra as cores românticas, destacando tons de rosa sutis e criativos: Rosa Pétala, Rosê Delicado, Vinho Romântico, Nude Sutil e Rosa Moderno.

Avon Brasil

Todos os produtos indicados pela marca poderão ser adquiridos com uma revendedora Avon ou pelo e-commerce (https://www.avon.com.br). SAC: 0800 708 2866, de segunda a sábado das 8h às 20h.

(©️ 2021 TM Endemol Shine Group B.V sob licença Globo)

Sobre a Avon: Avon, parte do grupo Natura &Co desde 2020, é uma das maiores empresas de venda direta no mundo. Fundada em 1886, trabalha pela elevação da autoestima, democratização da beleza e a promoção do empreendedorismo feminino. Desde 1958 no Brasil, concentra no país sua maior operação, com cerca de 1,3 milhão de pessoas na força de vendas. Avon é mais do que uma empresa de beleza: é um movimento global pela autonomia das mulheres, com um modelo de negócios ancorado na inovação, geração de oportunidades e na ampliação de suas habilidades empreendedoras, com o objetivo de fortalecer as economias e impactar positivamente a sociedade. Seu portfólio diverso inclui produtos inovadores e de alta tecnologia, com marcas reconhecidas mundialmente como as linhas de maquiagem Avon e Color Trend, as linhas de cuidados Renew e Avon Care e os perfumes Far Away e 300km. Além disso, suas revistas também oferecem diversos itens para Moda & Casa. Para obter mais informações sobre a Avon, visite o site: www.avon.com.br

Gostou da nossa matéria “Os esmaltes da Avon que secam em 60 segundos, visto no BBB21“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

Dia Nacional do Livro Infantil: Leia com as crianças estas obras

Estimular a leitura desde a infância traz inúmeros benefícios para o desenvolvimento da criança. É nessa fase que elas mais absorvem informações e as historinhas têm sido ótimas aliadas para ajudar pais e filhos na hora de enfrentarem um novo ciclo na vida. Por isso é tão importante colocá-los em contato com obras lúdicas e bem ilustradas desde muito cedo.  E neste Dia Nacional do Livro Infantil, 18 de abril, separamos cinco livros lúdicos de escritores nacionais para ler e se divertir com as crianças. Entre as obras selecionadas está o lançamento do ator Lázaro Ramos que ajuda a garotada a desenvolver entre outras habilidades a autonomia. Manter-se familiarizados com a literatura é necessário e esses “amigos lúdicos” vão dar uma mãozinha. Confira!

Dia Nacional do Livro Infantil Lázaro ramos

O Pulo do Gato
Gusmão era um menino “querente”. Queria aprender o passinho de dança, queria tomar chuva sem hora pra acabar, queria acalmar a avó. Queria tudo e ao mesmo tempo – como toda criança.  Um dia, Gusmão teve um sonho, sonhou que era um coelho e que estava em um circo. Mas Gusmão, todo querente, não queria ser coelho, queria mesmo era ser mágico. No meio dessa aventura circense, o menino vai descobrir que o mais importante é não desistir do próprio do sonho.  O pulo do coelho é uma história sobre liberdade, autonomia e esperança – ideal para discutir com as crianças temas como: lidar com as frustrações (os fracassos e os sucessos); lidar com a liberdade; cuidar dos próprios brinquedos; cuidar da própria higiene. 

(Autor:  Lázaro Ramos | Editora: Carochinha | Link de venda aqui)

alessandra camargo

Semente em Versos
Pedidos, vontades e impasses tão comuns no início da primeira infância inspiram os cinco poemas que formam o segundo volume da série “Poesia para Criança”. Entre conscientizar sobre a responsabilidade de se ter um pet e a importância de cuidar do meio ambiente, os versos também apresentam e normalizam para o público infantil a vulnerabilidade dos adultos. O estímulo para a dedicação escolar e do desenvolvimento da espiritualidade são outros assuntos abordados ludicamente por Alessandra em meio as rimas. (Autora: Alessandra Camargo | Link de venda aqui)

Dia Nacional do Livro Infantil maíra lot micales samanta flôor

Careta pra chupeta!
Um ótimo livro para crianças que precisam largar a chupeta e para pais que querem auxiliar nessa jornada! Além de educativo e

ricamente ilustrado traz uma introdução sobre a importância do reflexo de sucção quando bebê e a decisão dos pais de oferecerem ou não a chupeta. Além disso, conta com regras para não banalizar o uso do objeto e dicas de higienização; as vantagens e desvantagens; qual idade é indicada para abandonar o hábito com o passo a passo e orientações para pais de crianças maiores de dois anos. 

(Autora: Maíra Lot Micales | Editora: Caminho Suave | Link de venda aqui)

isabel cintra

Corvo-Correio
Tolerância, igualdade, representatividade. A tríade forma a mensagem principal da obra da escritora Isabel Cintra, que ‘fala’ com crianças sobre racismo sem mencioná-lo. O livro conta a história do Corvo José, que por ser diferente foi impedido pela Coruja Mafalda de fazer parte do seleto grupo dos pombos-correio. Um enredo sensível e fácil de se identificar. Afinal, quem nunca desanimou diante das adversidades, ainda mais quando o pré-julgamento se apresenta, irredutível? (Autora: Isabel Cintra | Editora: Mazza | Link de venda aqui)

Dia Nacional do Livro Infantil leni zillioto

Pirulito RodaPé
É uma história para divertir e interagir, que traz magia para quem escuta e para quem lê. Tem história, tem joguinho, tem desenho pra pintar e folha em branco pra desenhar. Tem amor, tem carinho e muita gargalhada pra dar! Pirulito é doce, é palhaço, é brinquedo de papel. É uma historinha gostosa para aproveitar com os pequenos e trazer a eles o rico universo da literatura e a alegria própria do palhaço de circo. O enredo retrata um pouco de nossa trajetória como educadores e artistas e tem o poder de nos transformar-nos em pessoas melhores. Está traduzido para 5 idiomas: inglês, francês, italiano, espanhol e alemão.

(Autora: Leni Zilioto | Link de venda aqui)

Gostou da nossa matéria “Dia Nacional do Livro Infantil: Leia com as crianças estas obras“?

Dia Nacional do Livro Infantil. Foto: Divulgação

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Caderno Cultural. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

fome pobreza miséria alimentar

A pandemia e a insegurança alimentar

Fernando Rizzolo é o autor de “A pandemia e a insegurança alimentar”

Não há nada neste mundo que humilhe e desespere mais uma pessoa do que a percepção da fome se aproximando. Entre todas as tragédias da humanidade, a fome, a miséria e o desalento formam uma tríade que acaba despersonalizando o ideal de sobrevivência, mormente quando o provedor familiar se vê impotente mediante a realidade econômica de prover sua família.

O grande choque ideológico com a chegada da direita, extrema direita ou “liberais” ao poder, no Brasil, foi o pouco alcance de medidas eficazes sobre os efeitos da pandemia na vida dos mais pobres. Do ponto de vista sanitário, tentou-se o negacionismo, bem como as “terapias alternativas” como forma de socorrer os infectados. Uma arriscada medida que se baseou em uma receita dos EUA chancelada pelo ex-presidente Donald Trump e implementada aqui no Brasil, violando e contrariando conceitos científicos que recusavam essa “terapia cloroquínica”.

Tal situação levou o Brasil a um desdobramento da pandemia que foi muito mais mortífero entre pessoas negras do que entre as brancas no estado de São Paulo ao longo de 2020 – até por ser este, do ponto de vista alimentar, um grupo muito mais carente. Morreram 46,7 mil pessoas em decorrência dessa doença no território paulista segundo um estudo da Vital Strategies com apoio do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento.

Isso corrobora aquilo que prevíamos, ou seja, em São Paulo, em que 40% da população é negra (preta ou parda), em virtude de um racismo estrutural, o número de mortes entre essa população aumentou em 25%, enquanto entre a população branca o aumento foi de 11,5%. Muito embora esses dados sirvam apenas para sublinhar um recorte da miséria que assola todas as etnias, afinal, no Brasil, mais de 125,6 milhões de pessoas não se alimentam como deveriam ou já anteriormente avistavam problemas futuros com a pandemia de coronavírus no tocante à segurança alimentar, segundo estudo da Universidade Livre de Berlim, na Alemanha. O estudo também demonstra que 31,7% disseram ter insegurança alimentar leve, 12,7% disseram ter insegurança moderada e 15% demonstraram insegurança grave (fome propriamente dita).

Nesse quadro, o Nordeste apresenta situação mais grave, pois a insegurança alimentar atinge 73,1% das pessoas, a região Norte apresenta com 67,7%, a Centro-Oeste aparece com 54,6% e o Sudeste com 53%. A região com melhor situação é o Sul, com 51,6%, o que tampouco representa um cenário favorável, pois, do ponto de vista estatístico, mais da metade dos lares apresentam insegurança. É interessante notar que todos diminuíram em 44% o consumo de carne e 41% o de frutas.

Isto posto, a condição epidemiológica da população está mais vulnerável, quer por questões não só do aumento da miséria como pelas condições raciais, que se somam ao contexto do desemprego generalizado e das poucas contrapartidas do governo federal no sentido de salvaguardar uma renda mínima digna, e que tampouco foi provedor no auxílio a pequenos e microempresários, que tiveram seus negócios fechados. Hoje o trabalhador tem duas opções: ou fica em casa sofrendo com a fome ou se expõe à procura de um emprego, arriscando-se em aglomerações que muitas vezes o acabam infectando.

O atraso nas demandas de contenção da pandemia por parte do governo federal é mais uma faceta da sombria condição de vulnerabilidade social, em que o fogão a gás foi trocado pelo fogão a lenha, pois pagar R$ 100,00 (cem reais) pelo bujão de gás significa muito para quem está sem condições verdadeiras de levar uma vida digna.

Fernando Rizzolo é advogado, jornalista, mestre em Direitos Fundamentais.

Gostou da nossa matéria “A pandemia e a insegurança alimentar“?

A pandemia e a insegurança alimentar

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

minha casa minha vida programa casa verde amarela

Minha Casa Minha Vida: O que mudou em 2021?

Maior programa habitacional da história do Brasil, que já entregou em torno de 4,5 milhões de unidades habitacionais em todo o país, o Programa Minha Casa Minha Vida já não existe mais. Ele foi substituído pelo Programa Casa Verde e Amarela, sancionado pelo Presidente Jair Bolsonaro em janeiro deste ano.

Com o objetivo de atender a 1,6 milhão de famílias de baixa renda até 2024, o Programa Casa Verde e Amarela traz algumas mudanças estruturais, que alteram sua própria forma de atuação. Mas quais são essas mudanças? A Plano&Plano preparou este conteúdo especialmente para você entender as diferenças entre o antigo e o novo programa e saber o que mudou no novo programa habitacional do governo.

O que é o Programa Minha Casa Minha Vida?

Lançado em 2009 pelo então Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o objetivo do Programa Minha Casa Minha Vida era combater o problema do déficit habitacional, incentivar a economia, gerar empregos por meio da construção civil e, principalmente, oferecer à população de baixa renda a possibilidade de realizar o sonho da casa própria. Esse foi um dos principais programas de seu governo, ao lado do Bolsa Família, com amplo alcance social e econômico.

Em 2008, o Brasil contabilizava um déficit habitacional de nada menos do que 7,9 milhões de moradias, segundo Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Tal número significa que 21% da população brasileira da época não tinha onde morar.

Programa Minha Casa Minha Vida oferecia condições especiais de financiamento para a população de baixa renda, por meio de subsídios, e taxas de juros abaixo do valor de mercado. Quando criado, o PMCMV estava disponível para famílias com renda mensal de até R$ 7 mil, mas esse valor passou, em 2017, para R$ 9 mil. Em cidades como Rio de Janeiro e São Paulo, por exemplo, o imóvel financiado não podia ultrapassar o valor de R$ 240 mil. Em capitais do Norte e Nordeste, o teto limite era de R$ 180 mil.

A meta do programa era construir e entregar à população um milhão de habitações até 2012, o que foi plenamente alcançado. Até aqui, o PMCMV já formalizou contratos para a construção de quase 6 milhões de unidades habitacionais , entregando cerca de 4,5 milhões de casas e apartamentos.

Como funcionava o Programa Minha Casa Minha Vida?

As concessões de benefícios do Programa Minha Casa Minha Vida eram feitas por faixa de renda. Os beneficiados foram divididos em quatro grandes grupos:

  • Faixa 1 (renda familiar mensal de até R$ 1.800,00) – até 90% de subsídio do valor do imóvel. O financiamento é pago em até 120 prestações mensais, que não podem passar de R$ 270,00, sem cobrança de juros.
  • Faixa 1,5 (renda familiar mensal até R$ 2.600,00) – até R$ 47.500,00 de subsídio, com cobrança de 5% de juros ao ano.
  • Faixa 2 (renda familiar mensal de até R$ 4 mil)- subsídio de até R$ 29 mil, com cobrança de juros de 5 a 7% ao ano.
  • Faixa 3 (renda familiar mensal de até R$ 9 mil) – sem subsídio e cobrança de juros de 8,16% ao ano.

Os interessados em adquirir uma casa ou apartamento pelo Programa Minha Casa Minha Vida não podiam ser donos de outro imóvel e estar negativados, a exceção daqueles que estavam na faixa 1 do programa. O imóvel a ser financiado devia ser novo, e a contratação podia ser feita junto a Caixa Econômica Federal ou diretamente com uma construtora parceira, como a Plano&Plano, especialista na construção de apartamentos do programa Minha Casa Minha Vida.

O que é o Programa Casa Verde e Amarela?

O Programa Casa Verde e Amarela foi criado pelo Presidente Jair Bolsonaro para substituir o Programa Minha Casa Minha Vida. Lançado em agosto de 2020, sob coordenação do Ministério do Desenvolvimento Regional, sua meta é atender a 1,6 milhão de famílias de baixa renda até 2024.

Além de financiamento habitacional, o Programa Casa Verde e Amarela também atua na regularização fundiária e na melhoria de residências. A meta do governo é regularizar 2 milhões de moradias e melhorar 400 mil unidades habitacionais também até 2024. O Presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.118/21 em 13 de janeiro, instituindo o Programa Casa Verde e Amarela, que substitui e elimina o Programa Minha Casa Minha Vida.

 Quais são as principais mudanças do Programa Casa Verde e Amarela?

 O Programa Casa Verde e Amarela traz algumas importantes mudanças, que ampliam sua atuação:

  • PMCMV atuava apenas com a construção e financiamento da casa própria. O programa habitacional do atual governo constrói e financia unidades habitacionais, mas também atua na regularização fundiária e na melhoria de casas e apartamentos já construídos.
  • O programa habitacional extinto tinha uma taxa de juros única para todo o país, variando apenas de acordo com a faixa do mutuário. O Programa Casa Verde e Amarela tem taxas de juros variadas de acordo com a faixa de renda e, também, a cidade onde o imóvel financiado está localizado. Cidades das regiões Norte e Nordeste tiveram uma redução nas taxas de juros em até 0,5% para famílias com renda mensal de até R$ 2 mil e 0,25% para as que ganham entre R$ 2 mil e R$ 2,6 mil.
  • Em relação à melhoria habitacional, serão contemplados proprietários de imóveis selecionados para a regularização fundiária, cuja renda familiar mensal não ultrapasse R$ 2 mil. O proprietário precisa estar cadastrado no CadÚnico.
  • Já em relação à regularização fundiária, o governo concederá o título que garante o real direito sobre o imóvel para famílias com renda mensal de até R$ 5 mil. Casas localizadas em áreas de risco ou não passíveis de regularização não serão contempladas.
  • A segmentação dos beneficiados também mudou. Agora, são 3 faixas na área urbana e mais 3 na área rural.

Na área urbana:

Faixa 1 – renda familiar até R$ 2 mil mensais

Faixa 2 – renda familiar entre R$ 2 mil e R$ 4 mil mensais

Faixa 3 – renda familiar entre R$ 4 mil e R$ 7 mil mensais

Na área rural:

Faixa 1 – renda familiar até R$ 24 mil anuais

Faixa 2 – renda familiar entre R$ 24 mil e R$ 48 mil anuais

Faixa 3 – renda familiar entre R$ 48 mil e R$ 84 mil anuais

  • As regiões Norte e Nordeste também passaram a ter um limite do valor dos imóveis financiados mais alto em cidades com até 100 mil habitantes, passando de R$ 78 mil para R$ 90 mil.
  • Valores recebidos como auxílio-doença, auxílio-acidente, seguro-desemprego e Bolsa Família, entre outros, não contarão mais no cálculo de renda para definição da faixa do programa do beneficiado.

Você sabia que a Plano&Plano é especialista em construção e financiamento de apartamentos do Programa Casa Verde e Amarela?

As mudanças do novo programa habitacional do governo e a menor taxa de juros para financiamento imobiliário da história deste País facilitaram ainda mais a possibilidade de você realizar o sonho da casa própria. Criada na década de 90, a Plano&Plano é, hoje, uma das maiores construtoras e incorporadoras do Brasil, e é uma referência quando se fala em Programa Minha Casa Minha Vida e, agora, Casa Verde e Amarela.

Além de contar com toda a segurança e confiabilidade de uma marca de sucesso, você encontrará, na Plano&Plano, condições especiais para a compra da sua tão sonhada casa própria. Converse com um de nossos especialistas e saiba como ter direito a documentação grátis (registro e ITBI) e entrada em até 60 vezes, entre outras vantagens e diferenciais que a construtora e incorporadora oferece. A Plano&Plano dispõe de apartamento em todas as regiões de São Paulo, com as melhores condições de mercado, subsídios de até R$ 29 mil e prestações mensais a partir de R$ 276,00.

Gostou de “Minha Casa Minha Vida: O que mudou em 2021??

Minha Casa Minha Vida: O que mudou em 2021?
Foto de banco / Direção de arte F&G Consultoria / Logo by logodownload.org

Então, aproveite e assine nossa newsletter e seja noticiado assim que publicarmos novas matérias! Confira mais das últimas notícias. Confira nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

Inscrições abertas em programas da Ambev; Estágio e Trainee.

A Ambev está com inscrições abertas em três programas de seleção, neste primeiro semestre de 2021. Entre as oportunidades, estão o estágio regular e o estágio representa, o qual é voltado para jovens negros, além do trainee, este direcionado para recém formados.

Estes processos seletivos compõem parte do programa #AmbevMeContrata, com a finalidade de quebrar os estereótipos na empresa. Para superar estes padrões, a Ambev não terá obrigatoriedade do inglês.

Os estudantes da áreas de negócios, tecnologia e produção estão dentro do foco. O programa de trainee é voltado para formandos de dezembro de 2018 até julho de 2021.

Já os programas de estágio são para universitários com formação entre dezembro de 2021 até agosto de 2023.

Como no ano anterior, as seleções serão completamente online e terão requisitos mais inclusivos: não vai ser exigido um curso específico ou um nível de inglês. A empresa vai oferecer treinamento para quem precisar desenvolver o conhecimento da língua. E também serão aceitos os cursos de tecnólogo.

Para a gerente de Gente e Gestão na Ambev, Illana Kern, as frentes distintas de divulgação ajudam a atrair perfis diversos e complementares de candidatos. Além disso, a divulgação de informações servirá como preparação para as diferentes etapas, tornando o processo mais democrático.

As vagas são para todo o Brasil, e salário pode ser de até R$ 7 mil. Os estagiários e trainees atuarão nas áreas de negócios, tecnologia e produção.

As inscrições acontecem entre os dias 23 de março e 12 de abril de 2021, e o cadastro é apenas no no site da Ambev (https://www.ambev.com.br/carreiras/trabalhe-conosco/programa-estagio-representa/).

Conheça todos nossos canais (Whatsapp, Telegram, Facebook, Buscador): https://jornalgrandeabc.com/inicio/nossas-redes-sociais/

Termomecanica está com vagas abertas

Conheça nossa parceria com o site Lista de Vagas. Visite e confira mais vagas verificadas e reais.

Mais Vagas no Grande ABC

Vagas de hoje 16 de março 2021

Pensando em mudar de carreira ou se preparar melhor para entrevistas de emprego? Conheça a RC Locus, referência em Recrutamento & Seleção, em todos os níveis.

Gostou “Inscrições abertas em programas da Ambev”?

Inscrições abertas em programas da Ambev

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Junte-se a 2.704 outros assinantes

Estágio e Aprendiz no Feirão do CIEE terá 12 mil vagas

O feirão de vagas do CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola) começará amanhã (22/02) e irá até sexta-feira (26/02), e estará com cerca de 12 mil oportunidades de estágio e jovem aprendiz. A Maratona de Vagas será totalmente através da internet.

Já está disponibilizado o cadastro para as 12 mil vagas abertas, para candidatos de todo o país. Por volta de 8.000 vagas serão dedicadas a possíveis estagiários. As demais 4.000 para jovens aprendizes.

Jovem aprendiz – Podem se candidatar pessoas de 14 a 24 anos não-completos, que estão terminando o ensino fundamental ou cursando o ensino médio.

Estágio – Podem se candidatar estudantes matriculados em uma escola do ensino médio ou na faculdade, com 16 anos ou mais (sem limite de idade)

A bolsa estágio está entre R$ 600 a R$ 1.100 (estudantes do ensino médio) ou de R$ 800 a R$ 2.000 (nível superior). Já os aprendizes receberão um salário mínimo, de acordo com a carga horária.

Empresas dos setores do agronegócio e de serviços são os destaques, nesta inciativa que conta com oportunidades por todo o Brasil. Administração, psicologia e pedagogia são as áreas predominantes quando o assunto são vagas em Ciências Humanas. As engenharias são mais presentes entre as de Ciências Exatas.

Ao acessar o site, o interessado preencherá formulário com dados pessoais e informações sobre seu perfil profissional, para efetuar o cadastro na plataforma do CIEE.

O programa Saber Virtual permitirá ao estudante realizar vários cursos para ampliar seus conhecimentos e elevar suas chances de conquistar uma vaga. Nesta plataforma, disponível no site do CIEE, estão disponíveis treinamentos que incluem Pacote Office, redação e matemática.

O estudante escolherá as vagas de interesse, de acordo com seu perfil. Antes mesmo do início da maratona, já é possível se vincular a algumas oportunidades e ganhar preferência. Ao longo da semana, novas vagas poderão surgir. Portanto, fique atento durante os dias próximos.

O processo de seleção passará pela realização de avaliações, tal qual como testes de idiomas e informática.

As vagas são pausadas tão logo os primeiros estudantes a preencherem os requisitos se candidatem. Os candidatos selecionados serão encaminhados para as empresas ofertantes. em seguida, há o início das etapas finais do processo.

É importante observar que, em que pese a quantidade elevada de vagas, contudo, a disputa sempre é acirrada. Portanto, aqueles que não conseguirem vaga nesta oportunidade, é recomendado que sigam acessando o portal do CIEE, concluindo os cursos disponíveis, acumulando certificados e sempre de olho quando aparecerem vagas do seu interesse.

Sem mais delongas, se apresse e faça seu cadastro! https://portal.ciee.org.br/maratona

Mais Vagas no Grande ABC

Gostou de “Estágio e Aprendiz no Feirão do CIEE?

Estágio e Aprendiz no Feirão do CIEE

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Vendas de automóveis, comerciais leves e ônibus caem em janeiro

Números divulgados pela Fenabrave, a associação que representa as concessionárias de automóveis, revelam que as vendas de carros e veículos comerciais leves caíram 11,7% no primeiro mês de 2021, na comparação com igual período do ano passado.

No total, foram emplacadas 162 mil, 567 unidades, entre carros de passeio e utilitários leves

Comparando com dezembro, que tradicionalmente é um mês mais aquecido que janeiro, a queda é ainda maior: 30%.

Importante lembrar que os números de janeiro já não contam com a produção de carros pela Ford, que anunciou nos primeiros dias do ano sua saída do País, com fechamento da fábrica em Camaçari, na Bahia, onde montava os modelos Ka e EcoSport, e da unidade em Taubaté, no interior de São Paulo, onde produzia motores e transmissões.

Também houve retração, em janeiro, no mercado de ônibus, que somou 1.324 unidades comercializadas, total quase 40% inferior a  janeiro de 2020 e queda próxima de 15% sobre dezembro passado.

Segundo a Fenabrave, o segmento ainda sofre com os efeitos da pandemia. As restrições de circulação e os cancelamentos de viagens afetaram muito as empresas de ônibus, o que acabou desmotivando a compra de novas unidades.

Já o mercado de caminhões apresenta resultados mais animadores.

As vendas de caminhões iniciaram 2021 em bom ritmo. Em janeiro, foram emplacados 7.262 veículos, alta de pouco mais de 1% na comparação com o primeiro mês de 2020, mas ainda com retração de quase 25%, na comparação com dezembro do ano passado.

Com informações de Rádio2.

Gostou de “Vendas de automóveis, comerciais leves e ônibus caem em janeiro“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Vendas de automóveis, comerciais leves e ônibus caem em janeiro
BRA10. RÍO DE JANEIRO (BRASIL), 04/09/2012.- Fotografía de archivo del 13 de noviembre de 2008 donde se ven cientos de coches importados de las firmas Chrysler, Dodge, Fiat y Citroen en el puerto de la ciudad de Río de Janeiro (Brasil), a la espera de ser puestos a la venta en los diferentes concesionarios de esas marcas en todo el país. Brasil registró en agosto una venta récord de 420.101 vehículos gracias a las reducciones de impuestos concedidas por el Gobierno para incentivar uno de los sectores más afectados por la crisis económica internacional, informó hoy, martes 4 de septiembre de 2012, la Federación de Distribuidores de Vehículos Automotores (Fenabrave). EFE/Marcelo Sayão

Divulgados os resultados da pré-seleção do Fies 2021

O resultado da pré-seleção do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) 2021 está disponível no site do programa.

Os candidatos para as cerca de 93 mil bolsas oferecidas pelo Ministério da Educação (MEC) já podem consultar o resultado no site do programa ou na instituição para a qual se inscreveu.

De acordo com o MEC, serão disponibilizados R$ 500 milhões para as bolsas de financiamento estudantil. Os candidatos pré-selecionados deverão complementar sua inscrição entre os dias 3 e 5 de fevereiro de 2021. Além disso, os candidatos não selecionados integrarão uma lista de espera, podendo ser convocados a qualquer momento, entre os dias 3 de fevereiro e 18 de março.

Com informações de Brasil 61.

Gostou de “Divulgados os resultados da pré-seleção do Fies 2021“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Divulgados os resultados da pré-seleção do Fies 2021

Conta de luz impulsiona queda da inflação nas capitais em janeiro

A inflação nas quatro semanas de janeiro deste ano ficou em 0,27%, abaixo da taxa de 1,07% registrada no mesmo período de dezembro de 2020. Em boa parte, queda se deve à conta de luz, esta impulsiona o índice para baixo.

Em todas as sete capitais do país, onde o IPC-S Capitais, o Índice de Preços ao Consumidor Semanal das Capitais é apurado pela Fundação Getúlio Vargas, o indicador caiu na mesma comparação. São elas:  Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Recife, Porto Alegre e Salvador. Já em relação à semana de 22 de janeiro, apenas Brasília registrou taxa mais alta.

Os dados foram divulgados nesta terça-feira (2).  A tarifa de eletricidade residencial foi a que mais contribuiu para a queda da inflação nas quatro semanas do mês passado. Depois veio a queda nos preços das frutas, dos artigos de higiene e cuidado pessoal e dos calçados.

Em contrapartida, os itens que mais subiram em janeiro foram passagem aérea, gasolina, conselho e associação de classe e combo de telefonia, internet e TV por assinatura.

E ainda falando sobre economia, o IBGE informou nesta terça que a indústria brasileira não pára de crescer após os meses de março e abril de 2020, por causa da pandemia de covid-19. 

Depois disso, nos oitos meses seguidos, a  produção industrial só registrou alta. Em dezembro de 2020 cresceu 0,9%, na comparação com o mês anterior. O setor já acumula um avanço de 41,8% nesses oito meses. 

Veículos automotores, reboques e carrocerias seguem como maiores influências para o resultado. Nos oito meses encerrados em dezembro, a atividade acumulou expansão de 1.308%, e eliminou a perda de 92,3% registrada em março e abril do ano passado.

Em parceria com Agência Brasil.

Gostou de “Conta de luz impulsiona queda da inflação nas capitais em janeiro“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Conta de luz impulsiona queda da inflação nas capitais em janeiro
Indústria Textil ,SENAI CETIQT – Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil. Planta piloto de tecelagem. Indústria Textil

Balança comercial tem déficit de US$ 1,12 bilhão em janeiro

A balança comercial – diferença entre exportações e importações – brasileira registrou déficit de cerca de US$ 1,12 bilhão em janeiro. Naquele mês, as exportações somaram aproximadamente US$ 14,8 bilhões, contra cerca de US$ 15,93 bilhões em importações. Balança comercial brasileira tem déficit no primeiro mês do ano.

Apesar do resultado negativo, houve uma melhora em relação ao rombo registrado em janeiro de 2020, quando o déficit somou US$ 1,684 bilhão. Os dados são da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia.

De acordo com o órgão, em comparação a janeiro de 2020, o País exportou 12,4% a mais pelo critério da média diária e as importações cresceram 8,3%.

Em parceria com Brasil61.

Gostou de “Balança comercial tem déficit de US$ 1,12 bilhão em janeiro”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Balança comercial tem déficit de US$ 1,12 bilhão em janeiro
Rio de Janeiro – Fotos do porto do Rio de Janeiro
silver ipad on white book page

Escolas privadas de SP começam 2021 com sistema híbrido

As escolas particulares de São Paulo começaram o ano letivo de 2021 nessa segunda-feira, com atividades presenciais. As escolas privadas de SP começam 2021 com sistema híbrido de ensino.

Mas, por enquanto, as aulas vão funcionar em sistema híbrido, com parte das atividades presenciais e parte por internet.

Isso porque todas as regiões do estado estão classificadas ou na fase laranja ou na fase vermelha, as fases mais restritivas do Plano São Paulo, que orienta as medidas de combate à pandemia do novo coronavírus.

Com isso, as escolas vão ter que organizar grupos de estudantes que se revezam ao longo da semana, mantendo máximo de 35% da ocupação.

Apesar das restrições, o presidente do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de São Paulo, Benjamim Ribeiro da Silva, avaliou que o retorno às atividades presenciais foi positivo.

Ele calcula que mais de 95% das escolas particulares do estado abriram as portas nessa segunda-feira.

Já os professores não ficaram felizes. Na verdade, estão preocupados. Para o presidente do Sindicato dos Professores de São Paulo, Luiz Antonio Barbagli, o protocolo de segurança que está sendo exigido, como uso de máscaras e álcool gel, é o mesmo que vem sendo adotado nos estabelecimentos comerciais, como as padarias, realidade diferente das salas de aula.

Na próxima semana, dia 8, está prevista a retomada das aulas presenciais das escolas públicas estaduais, e no dia 15 de fevereiro nas escolas públicas municipais.

Em parceria com Agência Brasil.

Gostou de “Escolas privadas de SP começam 2021 com sistema híbrido”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Escolas privadas de SP começam 2021 com sistema híbrido
Photo by Pixabay on Pexels.com

Estudante já pode conferir aprovação na primeira fase da Fuvest

Fuvest divulga a lista dos aprovados para a segunda fase do vestibular 2021. Estudante já pode conferir.

São 33 mil 315 candidatos aptos para participar da próxima etapa, no dias 21 e 22 de fevereiro.

Desse total, 21 mil 262 foram convocados pela modalidade de ampla concorrência.

Outros oito mil 997 são estudantes que, independentemente da renda, cursaram o ensino médio em escola pública.

A lista ainda inclui três mil e 56 candidatos que se autodeclararam pretos, pardos ou indígenas, além de terem cursado o ensino médio na rede publica.

A Fuvest oferece neste vestibular oito mil 242 vagas em cursos de graduação da Universidade de São Paulo, a USP.

Para outras duas mil 905 vagas, os estudantes são selecionados por meio do Sistema de Seleção Unificada, o Sisu, que utiliza a nova do Enem.

Na próxima fase da Fuvest, o primeiro dia será de provas de língua portuguesa e literatura, além da redação.

No segundo dia, os candidatos responderão questões de duas a quatro disciplinas, de acordo com o curso escolhido.

A primeira chamada dos aprovados no vestibular da Fuvest será em 19 de março. 

Em parceria com Rádio2.

Gostou de “Estudante já pode conferir aprovação na primeira fase da Fuvest”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Estudante já pode conferir aprovação na primeira fase da Fuvest

68% de abstenção no Enem Digital; Prova foi nesse domingo

Com uma abstenção de 68%, o Enem Digital foi realizado neste domingo (31) em 104 municípios. A taxa de ausências repetiu o ocorrido nos últimos finais de semana, durante a aplicação do Enem tradicional. Foram 93.079 inscritos, mas apenas 29.703 participaram.

Após o encerramento das provas, o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, Alexandre Lopes, disse que a pandemia foi, de novo, a responsável pelo alto número de faltas.

Além das faltas, 70 participantes foram eliminados por irregularidades.

E essa nova versão do Enem também não foi aplicada em algumas cidades. Foi o caso de Macapá, no Amapá, onde houve a interdição do  Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá por problemas estruturais.

Já no Amazonas e em mais dois municípios de Rondônia – Espigão D’Oeste e Rolim de Moura –  não houve o exame por causa da pandemia. Os candidatos que não fizeram podem participar da reaplicação do exame nos dias 23 e 24 deste mês.

Esta foi a primeira vez que o Inep realizou o Enem Digital no país. Para Alexandre Lopes, este é o início da digitalização de todos os exames e avaliações feitos pelo instituto. A perspectiva é que em 2026, o Enem seja totalmente em formato digital. A ideia é possibilitar a aplicação de provas ao longo do ano para milhões de pessoas.

A possibilidade de informações em tempo real foi o destaque o diretor de Tecnologia do Inep, Camilo Mussi.

O Enem Digital contou, neste domingo,  com uma redação. O tema foi: “O desafio de reduzir as desigualdades entre as regiões do Brasil”. Além disso, teve ainda 45 questões sobre linguagens, códigos e suas tecnologias; e ciências humanas e suas tecnologias. A prova durou cinco horas e meia. 

No próximo domingo, dia 7 de fevereiro,  será a vez das avaliações sobre ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

Com informações de Agência Brasil.

Gostou de “68% de abstenção no Enem Digital”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

68% de abstenção no Enem Digital
Estudantes de todo Brasil, fazem o segundo dia de prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio

Diadema adia vencimento do IPTU e da Taxa de Lixo para dia 5/2

A Prefeitura de Diadema adiou mais uma vez os vencimentos da parcela única e da primeira parcela dos carnês de IPTU e da Taxa de Lixo. O novo prazo para pagamento dos carnês é 5 de fevereiro. Diadema adia vencimento do IPTU por conta de atrasos no recebimento dos carnês, por parte dos contribuintes.

Mesmo que o munícipe receba o carnê com o primeiro vencimento, ele poderá pagar os tributos até a nova data sem juros.

No caso da parcela única, terá direito aos descontos legais. “Identificamos que muitos moradores ainda não haviam recebido os carnês e não podemos deixar que sejam prejudicados por erros cometidos pela gestão anterior”, afirma Francisco Funcia, secretário de Finanças de Diadema.

Ele reforça que tanto a confecção quanto a logística da entrega desses carnês foram responsabilidade da administração passada.

Taxa de Lixo

A decisão de retirar  a taxa da coleta e destinação de resíduos domiciliares (Taxa de Lixo) do carnê do IPTU para ser cobrada separadamente na conta de agua e esgoto da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo)  ou por outro carnê da Prefeitura também  foi decisão do governo passado, conforme Lei Municipal nº 3.949/20. A atual administração está estudando como resolver essa questão, que tem gerado muitas dúvidas e reclamações por parte da população.

Para tirar dúvidas, entre em contato com a Secretaria de Finanças de segunda a sexta-feira no telefone: 4057.8066 ou no e-mail – central.atendimento@diadema.sp.gov.br. Acesse também o portal da Prefeitura – www.diadema.sp.gov.br – e conheça as sete principais dúvidas que os cidadãos e cidadãs têm sobre o assunto.

Gostou de “Diadema adia vencimento do IPTU e da Taxa de Lixo para dia 5/2“?

Então, assine nossa Newsletter e receba nosso conteúdo em seu email, assim que publicarmos. Não deixe de comentar logo abaixo também. Leia mais no sobre Nossa Região.

Diadema adia  vencimento do IPTU e da Taxa de Lixo para dia 5/2

Tendências Inverno 2021

Assim como está sendo tão lindo este verão falando em cores e modelagens, pode se preparar pois o inverno será ainda melhor. Confira o artigo de hoje, sobre as tendências de inverno em 2021.

A modelagem vem com tudo sendo amplas, minimalista e muito volume. Já as cores para quem pensa que inverno será cores neutras como sempre o preto, cinza e marrom e as estampas de onça está muito enganada.

Neste inverno a tendência é seguir como foi o verão. Muitas cores vivas mas nos tons mais fechados.

Veremos de tudo um pouco, mangas bufantes, manhãs princesas, calça corte reto, pantalona, teremos muitos babados, volume e transparência.

O couro será a aposta neste inverno. Então pode investir nele sem medo.

Tendências Inverno 2021

Você conseguirá aproveitas muitas peças do verão neste inverno, pois as cores permanecerão, aposte nas estampas como xadrez e listras, floral e animal print.

Jéssica Ereno
Estilista Profissional
@jessica_ereno

Proprietária da Loja Online Amora Rica 💛
Instagram @amorarica
http://www.amorarica.com.br

Gostou de “Tendências Inverno 2021“?

Então, assine nossa Newsletter. Não deixe de comentar logo abaixo também. Leia mais no Bate Papo de Moda.

Sobre Amorarica

Muito prazer sou Amora e irei te contar como tudo começou.

Nascida e criada por uma mãe costureira, desde pequena acostumada com os ruídos das maquinas, retalhos e linhas espalhados pelo quarto.

Cresci vivenciando moda, auxiliando minha mãe com desenhos, provas e atendimentos das clientes.

Desde pequena já tinha minha opinião formada com relação a moda e com cinco anos de idade já escolhia minhas próprias roupas.

Enraizada nesse mundo, decidi ir além das maquinas de costuras.

Realizei meu sonho me formando em moda e me tornando uma Estilista profissional de sucesso, assim desenvolvendo para grandes marcas e magazines.

Com tantas experiências e habilidades decidi criar minha própria marca, a Amora.

Vista Amora, eleve sua autoestima e sinta-se linda.

Trabalhamos com produtos de qualidade, moda fashion e preço justo.

País registrou 2,6 milhões de novos MEIs em 2020

Brasil tem cerca de onze milhões e 300 mil empreendedores individuais, os MEIs. Apenas em 2020, o país registrou 2,6 milhões novos MEIs.

O programa foi criado para permitir que pequenos empresários saiam da informalidade e abrange mais de 460 atividades.

O profissional recebe o CNPJ MEI e pode cadastrar uma atividade principal e até 15 secundárias.

Em 2020, o País registrou dois milhões e 600 mil novos microempreendedores individuais, a maior adesão dos últimos cinco anos.

O número foi levantado pelo Serviço de Apoio à Pequena e Média Empresa, o Sebrae, com base nos dados da Receita Federal.

Em entrevista ao G1, o analista de Gestão Estratégica do Sebrae, Thomaz Carrijo, diz que em tempos de recessão é comum que os brasileiros recorram ao empreendedorismo como alternativa de ocupação e renda.

De acordo com o especialista, a tendência foi verificada entre 2014 e 2016, período em que o Brasil passou por uma crise econômica.

Uma das exigências para se tornar MEI é ter faturamento de no máximo 81 mil reais por ano.

O empreendedor paga todos os impostos pelo Documento de Arrecadação do Simples Nacional, o DAS, e o valor pode variar entre 55 reais e 61 reais por mês.

Em parceria com Rádio2.

Gostou de “País registrou 2,6 milhões de novos MEIs em 2020”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

País registrou 2

Enem digital começa domingo (31) com aplicação em 104 cidades

O próximo domingo (31) marca a data de início do primeiro Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) digital da história. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) aplicará o modelo-piloto em 31 de janeiro e 7 de fevereiro, em locais de provas escolhidos pelo órgão. 

Essa é a primeira vez que o exame conta com opções de realização de provas digitais. Foram disponibilizadas 100 mil inscrições para esse modelo. Ao todo, 96.086 pessoas confirmaram a participação, em 104 cidades brasileiras. A implementação do modelo será progressiva, com previsão de se consolidar em 2026. 

Essa edição digital é voltada exclusivamente para concluintes do ensino médio e pessoas que já concluíram essa etapa de ensino em anos anteriores. O Inep avalia que a alternativa digital flexibiliza a logística, permite maior economia e agilidade e ainda possibilita uma possível aplicação do exame em várias datas ao longo do ano, por agendamento. 

Realizada pelo computador, a prova exige que os candidatos estejam nos locais de prova e levem caneta esferográfica de cor preta, para aplicação da redação, que continua sendo feita em papel, escrita à mão. Neste momento, não haverá aplicação para os 2.896 inscritos do Amazonas, por conta do agravamento da pandemia. As datas previstas para a reaplicação são os dias 23 e 24 de fevereiro.

Em parceria com Brasil 61

Gostou de “Enem digital começa domingo (31) com aplicação em 104 cidades”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil, e fique por dentro dos principais assuntos do momento.

Enem digital
Aplicativo de Celular ENEM 2019

Índice que reajusta contratos de aluguel sobe 2,58% em janeiro

O IGP-M, Índice Geral de Preços-Mercado, que é usado como referência para reajustar os contratos de aluguel, subiu 2,58% em janeiro. Essa taxa ficou bem mais alta do que a registrada em dezembro do ano passado, de 0,96%.

Foi a Fundação Getulio Vargas que divulgou os dados nesta quinta-feira (28). E mostrou que nos últimos 12 meses, o indicador registra uma inflação de 25,71%, bem acima dos 7,81% acumulados nos 12 meses anteriores. Em janeiro de 2020, o IGP-M havia subido 0,48%.

Essa alta da taxa foi puxada pelo avanço do Índice de Preços no Atacado. O índice tem o maior peso na formação do IGP-M. Os destaques foram os reajustes nos preços dos combustíveis e do minério de ferro. Já o grupo dos alimentos teve queda nos preços em janeiro.

Outro componente do IGP-M é o Índice de Preços ao Consumidor, que registrou em janeiro taxa menor do que em dezembro. A queda do indicador foi impulsionada pela redução da tarifa de eletricidade residencial, que passou de 8,59% para -1,06% este mês.

Por fim, vem o Índice Nacional de Custo da Construção, que também subiu por causa da alta dos serviços e da mão de obra.

Com informações de Agência Brasil.

Gostou de “Índice que reajusta contratos de aluguel sobe 2,58% em janeiro”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Índice

Reaplicação da prova do Enem 2020: prazo até 29 de janeiro

Os candidatos que não puderam participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) por motivos de doença infectocontagiosa, como a covid-19, ou por problemas de logística têm até o dia 29 de janeiro para pedir a reaplicação da prova do Enem 2020. O Enem 2020, na versão impressa, foi aplicado neste ano, nos dias 17 e 24 de janeiro.

De acordo com o edital, considera-se doença infectocontagiosa covid-19, sarampo, influenza e rubéola, entre outros. Quem ainda não enviou a documentação pode fazê-lo pelo sistema on-line. As provas serão reaplicadas nos dias 23 e 24 de fevereiro.

Quem teve problema de logística também poderá refazer o Enem. O edital traz como esse tipo de problema desastres naturais que afetem a infraestrutura do local de prova, falta de energia elétrica, falha no dispositivo eletrônico fornecido ao participante que solicitou uso de leitor de tela ou erro de execução de procedimento de aplicação que incorra em comprovado prejuízo ao participante. 

Nesse ano, outro problema também foi considerado, o da superlotação nas salas devido à pandemia. No primeiro dia de prova, alunos em pelo menos 11 cidades foram impedidos de realizar a prova. Também terão direito os estudantes dos estados do Amazonas e de Rondônia. O exame foi suspenso por causa dos impactos da pandemia nesses lugares. 

Os pedidos de reaplicação serão analisados pelo Inep. A aprovação ou a reprovação do pedido de reaplicação pode ser consultada na Página do Participante ou pelo telefone 0800 616161. O Inep recomenda, no entanto, que os candidatos façam a solicitação pela internet, na página enem.inep.gov.br

Com informações de Brasil 61

Gostou de “Reaplicação da prova do Enem 2020: prazo até 29 de janeiro”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia sobre ENEM 2020.

Reaplicação da prova do Enem 2020: prazo até 29 de janeiro
Estudantes de todo Brasil, fazem o segundo dia de prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio

Inscrições para o Prouni estão abertas até sexta (15)

Estão abertas até sexta-feira (15) as inscrições para o Prouni (Programa Universidade para Todos). De acordo com o Ministério da Educação (MEC), há mais de 162 mil bolsas para instituições de ensino superior. A pasta vai divulgar o resultado da primeira chamada da seleção no dia 19 de janeiro. 

Além da primeira chamada, o Prouni dá mais duas chances para os candidatos que concorrem às bolsas de estudo: a segunda chamada, cujo resultado sai em 1º de fevereiro, e a lista de espera, a qual o aluno já inscrito no programa manifesta interesse em participar. 

O Prouni é uma oportunidade de acesso ao ensino superior para quem não tem diploma de graduação. O programa oferta bolsas integrais, que cobrem o custo da mensalidade do curso, e parciais, que cobrem 50% do valor da mensalidade, em instituições privadas de ensino. 

O candidato que deseja se inscrever deve acessar a página prouniportal.mec.gov.br/ e inserir a senha e o login dos portais de serviços do governo federal.

“Inscrições para o Prouni estão abertas até sexta (15)” é com informações de Brasil 61

Gostou da matéria “Inscrições para o Prouni estão abertas até sexta (15)”?

Assine nossa Newsletter e fique por dentro das notícias, assim que forem publicadas, ou como desejar. Portanto, para periodicidade, confira informações no email recebido. Então, aproveite e leia mais sobre o ENEM.

Inscrições para o Prouni estão abertas até sexta (15)
13º salário mais cedo para aposentados do INSS

13º salário mais cedo para aposentados do INSS

O décimo terceiro salário de aposentados e pensionistas deverá ser novamente antecipado este ano. 13º salário mais cedo, em parte, confira.

Com o fim do auxílio emergencial, o Ministério da Economia pretende liberar parte do abono ainda no primeiro trimestre, para estimular o consumo.

Em 2020, os beneficiários receberam a primeira parcela na folha de abril e a segunda na de maio, como medida de enfrentamento à pandemia.

De acordo com a coluna de Monica Bergamo, da Folha de S.Paulo, em 2021 o pagamento pode começar entre fevereiro e março.

Os recursos já estavam previstos no orçamento deste ano, apenas serão desembolsados com antecedência.

Outras medidas em estudo pela equipe econômica são reformular ou ampliar o Bolsa Família e tentar aprovar a Carteira Verde e Amarela, que reduz o custo de contratação de funcionários jovens.

“13º salário mais cedo para aposentados do INSS” com informações de Rádio2.

Gostou da matéria “13º salário mais cedo para aposentados do INSS”?

Assine nossa Newsletter e fique por dentro das notícias, assim que forem publicadas, ou como desejar. Para periodicidade, confira informações no email recebido. Então, aproveite e leia mais sobre INSS.

13º salário mais cedo para aposentados do INSS
emprego trabalho oportunidade vaga

Tecnologia e saúde vão liderar ofertas de emprego em 2021

Mercado de trabalho vai ficar mais aquecido, neste ano, para profissões das áreas de tecnologia e saúde.

Profissionais que atuam no agronegócio, mercado financeiro, infraestrutura e logística também terão um cenário promissor.

A previsão apurada de empresas de recrutamento consultadas pelo Estadão.

Boa parte dessa perspectiva é reflexo da necessidade de adaptação das atividades aos meios digitais, imposta pela pandemia de Covid-19.

É o que dizem especialistas, levando em conta o crescimento de 25 POR CENTO no setor de tecnologia em 2020.

Sendo assim, a estimativa otimista é um crescimento de até 50 POR CENTO na oferta de vagas neste ano. Com ênfase nas carreiras de desenvolvimento de softwares e business intelligence.

Então, esse é o ponto de partida que vai aquecer outros setores, que fazem uso das ferramentas tecnológicas e os profissionais a ela associados.

A área da saúde também continua em alta, com a demanda crescente de pesquisadores, profissionais de assistência e suporte em saúde, produção e distribuição de insumos e medicamentos.

A construção civil, beneficiada por juros mais baixos, deve seguir em expansão, junto com atividades ligadas ao e-commerce e serviços digitais bastante ativos em 2020.

Nesse sentido, o perfil profissional mais procurado deve ser do chamado “soft skill” – que se traduz em habilidades para o trabalho colaborativo, em equipe, com boa comunicação, foco e autonomia.

“Tecnologia e saúde vão liderar ofertas de emprego em 2021” com informações de Rádio2.

Gostou de “Tecnologia e saúde vão liderar ofertas de emprego em 2021”?

Assine nossa Newsletter e fique por dentro das notícias, assim que publicadas, ou como desejar. Portanto, para periodicidade, confira informações no email recebido. Então, aproveite e leia mais sobre Emprego.

Tecnologia e saúde
Photo by Pixabay on Pexels.com

Bebidas mais caras em 2021

Os tradicionais encontros após o trabalho, apesar reduzidos ou até proibidos por conta da pandemia, ficarão mais caros este ano. Portanto, bom preparar o bolso, pois as bebidas estarão mais caras em 2021.

Como forma de reduzir o impacto, o consumidor poderá recorrer as latinhas. Incluindo bebidas conhecidas por suas garrafas. Por exemplo, espumantes, gim e vinhos.

O setor de bebidas sofreu um baque múltiplo na estrutura de preço. A disparada do dólar (a moeda subiu 29% no ano) representou uma explosão de custos para toda a cadeia produtiva. Enquanto importadores digerem uma tabela de preço bem mais salgada que muito amendoim de aperitivo, produtores compram insumos pelo dobro do preço, e a indústria sofre com a falta de embalagens.

“O lúpulo, o malte, as embalagens, tudo depende do dólar”, afirma Marcelo de Sá, diretor-executivo do Grupo Petrópolis, responsável por rótulos como Itaipava, Petra e Crystal. A venda para bares e restaurantes, principalmente de vasilhames, representava uma fatia considerável para o setor.

Bebidas mais caras em 2021?

De acordo com pesquisa da Associação Brasileira de Bebidas (Abrabe) realizada no fim de 2019, 61% do consumo de bebidas alcoólicas acontecia em locais de convívio social. Esse comportamento mantinha espaço para o uso das garrafas. A pandemia mudou a dinâmica.

“Para nós, a lata representava 78% das vendas, e a garrafa, 22%”, afirma Sá. “Nos meses de março e abril chegamos a ter um consumo de 92% em lata, e foi aí que entendemos que o consumo ficou em casa.”

Até agosto, a empresa perdeu rentabilidade com a queda nas vendas da embalagem retornável, diz o executivo. “Mas o consumidor continuou a comprar no mercado, então o volume não caiu.”

“O que nos ajudou nesse período foi o auxílio emergencial. Mas, quando diminuíram para R$ 300, o faturamento caiu em duas semanas e depois voltou ao normal”, afirma Marcelo de Sá.

Divisão

O ano de 2020 para o mercado de bebidas pode ser dividido em dois momentos bem distintos, diz Rodrigo Mattos, analista da Euromotior.

Segundo ele, no primeiro semestre, com as incertezas sobre como seria o distanciamento social, o consumo foi todo deslocado para casa. Então, as empresas que tinham uma estratégia online mais estruturada conseguiram se manter mais saudáveis. Quem não tinha uma estratégia digital pré-crise patinou para se adaptar ao novo cenário.

Já no segundo semestre, avalia Mattos, com a flexibilização do distanciamento, o consumo fora de casa foi retornando aos poucos. Mas, acompanhado da inflação e do declínio da renda.

Foi aí, ele relembra, que as empresas começaram a sofrer com os impactos do câmbio e com a falta de embalagens. Problemas com o vidro já havia pelo menos cinco anos, mas a pandemia agravou a deficiência.

Para Mattos, daqui para a frente, as classes média e as mais baixas vão ser as mais impactadas.

“Para essas camadas, existem dois caminhos: ou diminuir no volume ou na qualidade”, diz o analista. “Já os importadores de vinhos e destilados vão procurar opções mais baratas lá fora para vender com o mesmo preço aqui.”

Mercado nos últimos anos

Segundo a Euromonitor, o mercado de alcoólicos já estava mudando desde 2017. O consumidor passou a beber menos, mas com mais qualidade. O setor viu o lucro aumentar e o volume diminuir gradualmente. Foi nesse momento que gim e vinho começaram a ter um crescimento significativo entre os brasileiros.

“Aqui também tem brecha para a cerveja zero álcool, que tem sido bem recebida no mundo. Essa ideia de ‘bebidas não alcoólicas para relaxar’ está sendo bem aceita na Europa, por exemplo”, disse.

Para escapar da crise atual, Mattos diz que as marcas devem investir em novas embalagens para reduzir o gargalo da falta de insumo e trazer inovações.

“É um momento em que vamos ver mais versões em lata. A pessoa não precisa comprar uma garrafa de vinho, que é muito mais cara. A lata tem uma dosagem perfeita para beber e manter qualidade”, afirma.

Bebidas mais caras em 2021

Bebidas mais caras em 2021 no país

Mas há quem veja oportunidades em todo esse desarranjo. Existe a percepção de que, enquanto o dólar aumenta o preço das bebidas importadas, o fabricante nacional tem espaço para avançar.

“É uma oportunidade para o brasileiro finalmente valorizar o produto nacional”, diz Rodrigo Marcusso, fundador da Draco, destilaria paulista de gim fundada em 2016.

Antes da pandemia, a marca tinha foco em vendas para bares e restaurantes e se viu empurrada a fazer uma adaptação rápida para o ecommerce. Marcusso diz que o ano que passou foi um período para expandir o portfólio.

“Também sofremos com o câmbio. Se é complicado para o grande, imagina para pequeno produtor”, diz.

Marcusso conta que enfrentou, por exemplo, a falta de caixa de papelão, de vidro e até de álcool. “Quase todos os botânicos são importados. O zimbro dobrou de preço desde o começo do ano. Nosso maior concorrente é a falta de matéria-prima.”

Ele afirma que o consumidor não pagou o repasse. Sendo assim, a estratégia foi ganhar nas vendas. O preço mínimo de uma garrafa da Draco é R$ 72, enquanto marcas importadas não artesanais saem por no mínimo R$ 100.

Impacto da pandemia para bebidas mais caras em 2021

Na avaliação de Rodrigo Mattos, a pandemia promove um movimento duplo no mercado de bebidas, com uma certa polarização do consumo local. Enquanto boa parte do brasileiro médio se viu obrigada a reavaliar o que consome, a venda de bebidas premium pouco foi afetada, já que o público-alvo não teve perda significativa de renda.

Desde a reabertura, o movimento no Fel, coquetelaria premiada que ocupa o térreo do icônico edifício Copan, no centro de São Paulo, é descrito pelos funcionários como satisfatório. Nesse sentido, seguindo todos os protocolos de segurança, o lugar pequeno e com poucos lugares manteve os preços dos drinques em R$ 37.

“O que fazemos para não ter um aumento de custo é ter bons parceiros, tanto fornecedores quanto marcas”, diz Felipe Rara, bartender da casa.

Bares

A tabela de preços para os bares pode ser um revés para o setor. A tabela para os bares costuma ser anual. Então, até o momento, não houve um impacto forte da variação do câmbio na compra de bebidas. Portanto, fica para o proprietário buscar um bom fornecedor e fazer um bom negócio com a virada do ano.

Durante o período mais duro da quarentena, um sócio-investidor fez um aporte e não dependeu do Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte).

“Mas temos dívidas a pagar”, afirma Bruno Bocchese, sócio do Fel e do Cama de Gato, também na região central paulistana. O Mandíbula, outro bar de Bocchese, não sobreviveu à crise e fechou no início de abril.

“No Cama de Gato, tenho parceria com a Ambev, sendo a Becks o carro-chefe”, afirma o empresário. Todavia, a situação do bar é diferente do Fel. Com um público mais jovem, o Cama de Gato sentiu o impacto na diminuição da renda dos clientes.

“O movimento caiu cerca de 30%, são perfis bem diferentes de consumidor”, diz.

Bebidas mais caras em 2021: com informações do Diário do Nordeste

Conflitos do mundo moderno

Análise resumida dos conflitos do mundo e a esperança de paz.

Nós vivemos em um mundo cheio de idas e vindas. Mas, os piores momentos são aqueles em que nos esquecemos que todos dependem um do outro para sobreviver.

conflitos do mundo
Imagem de Forbes Brasil

Desde o ano de 1495 o mundo não conhece um período maior que 25 anos sem ter guerras. Sendo assim, é possível contar mais de 200 guerras entre Estados desde 1815.

A guerra mais longa da história foi a Guerra dos Cem Anos. Todavia, na verdade durou 116 anos.

Conflitos do mundo: E as Guerras Mundiais?

Já durante as Grandes Guerras, a expectativa de vida de um único soldado era de apenas seis semanas. Essa realidade fica ainda mais pesada quando paramos para pensar que até os dias de hoje existam cerca de 250 mil crianças que atuam como soldados em conflitos armados.

O fim da Primeira Guerra foi um dos momentos mais esperados do início do século 20, todos pensavam que ao final de toda aquela confusão, haveria paz, mas infelizmente não foi isso que aconteceu.

O objetivo do tratado de Versalhes era terminar formalmente a guerra. Entretanto, mesmo com mais de um ano entre conferências de paz para propor um acordo bom para todos, esse tratado apenas estimulou o começo da Segunda Guerra.

Mesmo depois de todos esses anos, não podemos dizer que todos nós vivemos em paz. Afinal, cerca de 500 milhões de pessoas vivem em locais com alta instabilidade e grandes riscos de conflito.

É preciso urgentemente agir para que todos possamos viver com paz e tranquilidade. Portanto, pequenas ações são tão importantes quanto qualquer outra.

Comece um ano com positividade e aos poucos, faça do mundo um lugar melhor.

Visite e conheça o Blog PS

Gostou de “Conflitos do mundo moderno“? Então, comente logo abaixo e assine nossa Newsletter também.

Veja mais em História e Luta.

Conta de energia em janeiro

Conta de energia em janeiro será em bandeira amarela

A conta de energia em Janeiro terá bandeira amarela. A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) mudará a bandeira tarifária, com relação ao mês de Dezembro. Sendo assim, o valor cobrado deixará a bandeira vermelha para amarela, no início de 2021. Portanto, é provável que as contas dos consumidores sejam menores.

Segundo a agência, a previsão de janeiro do aumento da quantidade de água nos principais reservatórios de água. Portanto, maior produção hidrelétrica é esperado, o que diminuirá os custos relacionados ao risco hidrológico, o que permite a redução da tarifa.

Conta de energia em janeiro

Quanto será a conta de energia em janeiro?

A taxa extra será de R$ 1,343 a cada 100kWh consumidos, a partir de 1º de janeiro. Todavia, a taxa na bandeira vermelha patamar 2, utilizada em dezembro, era de R$ 6,243 para cada 100KwH.

O sistema de bandeiras tarifárias esteve suspenso, desde maio, para reduzir as contas dos consumidores. Nesse sentido, uma das medidas de enfrentamento aos efeitos econômicos da crise do coronavírus. Porém, a cobrança da taxa extra retornou agora em dezembro.

A atualização das bandeiras tarifárias são feitas todos os anos. A Aneel leva em conta parâmetros diversos. Por exemplo, estimativas de mercado, inflação, projeção de volume de usinas hidrelétricas, histórico de operação do Sistema Interligado Nacional.

A Aneel criou o sistema de bandeiras em 2015. O intuito original era de ressarcir os custos com as usinas termoelétricas. Esta fonte de energia é mais cara, frente ao gerado nas hidrelétricas. A indicação do valor da tarifa é feito com as cores verde, amarela ou vermelha, na conta de energia.

A variação ocorre, em especial, em épocas com menos chuvas nas bacias dos principais reservatórios do sistema elétrico nacional. Neste cenário, a agência poderá acionar as bandeiras amarela e vermelha. Por outro lado, quando o nível está dentro do esperado e operacional, a bandeira verde é mantida e sem valores adicionais.

Quando chove menos os reservatórios das hidrelétricas ficam mais vazios e é preciso acionar mais térmicas para garantir o suprimento de energia no país. Nesse caso, a bandeira fica amarela ou vermelha, de acordo com o custo de operação das termelétricas acionadas.

Boas Festas 2020

Boas Festas 2020: Google Doodle celebra Natal e Ano Novo

O dezembro no seu Google Doodle tem uma imagem festiva. Sendo assim, focando as comemorações de fim de ano, Natal e Ano Novo, sim 2020, finalmente, está acabando. Boas Festas 2020! 2021 está aí!

O Google celebra desde o início de dezembro em seu tradicional Google Doodle. Portanto, este é uma imagem festiva focando as comemorações de fim de ano. Sim 2020, finalmente, está acabando.

Então, para dar um ar mais leve, agradável, para o início deste mês de dezembro de 2020, quando você clicar no Google Doodle, as buscas são relacionadas a frase Boas Festas 2020.

Boas festas 2020 – Saiba o que tem no Doodle

  • Imagens natalinas
  • Imagens de fim de ano
  • Mensagens de Boas Festas
  • Cartões de Natal
  • Cartões de Ano Novo
  • Mensagens Natalínas
  • Mensagens de Feliz Ano Novo
  • Vídeos no Youtube sobre boas festas.
Boas festas 2020
Doodle do Google. Acesse http://www.google.com e clique na imagem

Você não conhece o Google Doodle? São versões diferentes do logotipo do Google para homenagear um personagem histórico ou datas comemorativas. Assim, neste caso falando sobre as Boas festas de 2020.

Portanto, o que podemos esperar para este mês de dezembro? Bom, apenas o futuro dirá. Contudo, esperamos com certeza que seja um mês mais leve, mais afetivo, com mais amor, mais bondade, mais união.

Sabemos que será um dezembro atípico por conta da quarentena do COVID-19, mas que nunca venhamos a perder nossa fé, nossa esperança, nosso amor ao próximo.

Que assim como o Google Doodle, possamos ver coisas boas neste mês de dezembro e que 2021 comece incrivelmente melhor e totalmente diferente de 2020.

Por fim, mas não última, a tão esperada vacina contra o coronavírus chegue até a população o mais rápido possível para nossa vida voltar ao normal.

Boas festas 2020

O Jornal Grande ABC e nossos parceiros desejam a todos Boas Festas, Feliz Dezembro e que as celebrações renovem as esperanças para 2021.

Fique por dentro sobre tudo que envolve tecnologias e novidades, acesse Dica App do Dia.