Avaí e Corinthians começam a decidir Brasileiro Feminino

Catarinenses buscam título inédito e paulistas a segunda conquista

Avaí/Kindermann e Corinthians começam a decidir neste domingo (22), às 20h (horário de Brasília) no estádio da Ressacada (Florianópolis), o principal Campeonato Brasileiro Feminino do país, chamado de A-1 pela organizadora CBF. O jogo da volta será dia 6 de dezembro na Arena Neo Química, em São Paulo.

As partidas serão acompanhadas atentamente por Pia Sundhage, técnica da seleção brasileira. A última final das Caçadoras foi em 2014, quando ficaram com o vice-campeonato. Já as meninas do Timão chegam à quarta decisão consecutiva e buscam repetir o feito de 2018. Além de emoção, a disputa promete muitos gols por reunir os dois ataques mais positivos da competição. Ao longo de 19 jogos, as corintianas balançaram as redes 53 vezes e as Leoas em 46 ocasiões.

Título inédito

O Avaí nunca deixou de estar dentro da zona de classificação do campeonato, e na fase mata-mata passou por Internacional e São Paulo. Os destaques do time são a goleira Bárbara e as atacantes Catyellen e Lelê, lembradas por Pia na última convocação da seleção. “Batalhamos por quatro anos na reestruturação do clube e fomos aos poucos. No futebol, estamos acostumados com o imediatismo, mas com o tempo foi provado que dá para avançar”, afirmou o treinador Jorge Barcellos.

Timão favorito

O Corinthians chega como favorito pela campanha realizada até agora. Em 45 pontos disputados, conquistou 42. Na primeira fase, dominou o campeonato de ponta a ponta, e despachou nas oitavas de final o Grêmio e nas semifinais o arquirrival Palmeiras. Além do melhor ataque, o Timão também é dono da melhor defesa, sofrendo apenas 8 gols em todo o torneio.

A capitã Tamires é uma das estrelas do elenco alvinegro, treinado por Arthur Elias, que descarta o favoritismo. “A final está totalmente aberta. Ano passado, também fizemos mais pontos que a Ferroviária e perdemos o título”, relembra o técnico do Timão.

Jornal Grande ABC

Avaí e Corinthians começam

O Jornal Grande ABC é feito para você, e por vocês. Nossos colaboradores e jornalistas estão todos dias buscando novidades e matérias. Assim, produzindo material especial para nossos leitores. Nosso foco são as cidades de Mauá, Diadema, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo e Santo André. Além disso, cobrimos o que acontece no Brasil e no Mundo, incluindo esporte, entretenimento e tecnologias.

Não possuímos nenhuma vinculação política ou partidária. Da mesma forma, sem ligações com outras mídias já existentes na região. Nossa fundação se deu em 07 de Setembro de 2020. Desde então, cada dia estamos crescendo e chegando em mais dispositivos e usuários. Por isso, nossa maior satisfação é entregar material de qualidade para nossos leitores. Portanto, cada nova visita e comentário, nos dão mais fôlego para seguirmos firmes e fortes neste projeto.

Quer receber mais notícias, em qualquer momento? Assine nossa Newsletter, basta inserir seu e-mail logo abaixo, e receba as publicações todos os dias.

Junte-se a 1.368 outros assinantes

É um prazer ter você conosco. Aproveite para deixar comentário aqui embaixo. Salve nosso Site. Volte Sempre!

Copa Sul-Americana ganha novo formato em 2021

Brasileiros e argentinos estão garantidos na fase de grupos

Em 2021, a Copa Sul-Americana vai ter uma fase de grupos, antes da etapa eliminatória, também popularmente chamada de mata-mata. A decisão foi comunicada pela Conmebol, nesta sexta-feira (2), após reunião do conselho da entidade.

Segundo o anúncio da Conmebol, a intenção da mudança é democratizar a participação dos países do continente sul-americano em diferentes etapas da competição

Pelas novas regras, equipes bolivianas, chilenas, colombianas, equatorianas, paraguaias, peruanas, uruguaias e venezuelanas participarão de uma etapa preliminar. Quem passar desta fase prévia chega aos grupos, nos quais já estarão times de Brasil e Argentina.

Pelo calendário estipulado, cerca de 56 clubes devem disputar este novo formato em 2021, em 157 partidas e com apenas um jogo como final, marcado para 6 de novembro do próximo ano.

Fonte: Agência Brasil