Meta para cobertura de fibra ótica 99% dos municípios até 2024

Decreto aprovado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (30), com obrigações impostas às concessionárias de telefonia fixa em um período de cinco anos, incluindo a meta para cobertura de internet por fibra ótica.

O Plano Geral de Metas de Universalização (PGMU5) do setor de telecomunicações foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (28), trazendo obrigações impostas às concessionárias de telefonia fixa. Entre as principais normas, está o investimento na implantação de redes de fibra ótica para alcançar 99% dos municípios brasileiros até 2024.

As metas valem por um período de cinco anos, a partir de 2021, e abrangem as operadoras Oi, Telefônica, Claro e Algar. Essas normas foram aprovadas em decreto em novembro de 2020, pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A expectativa é de que 1,5 mil municípios brasileiros recebam a internet por fibra ótica, alcançando cerca de 5.500 cidades nos próximos três anos. 

O plano detalha que a rede de fibra deverá ter capacidade mínima de 10 gigabits por segundo (Gbps), cobrindo, até o final de 2021, até 10% do respectivo município. Essa instalação de fibra ótica substitui uma meta do PGMU anterior, que previa a implementação do 4G em localidades sem essa tecnologia.

Em parceria com Brasil 61

Gostou de “Meta para cobertura de fibra ótica 99% dos municípios até 2024”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Meta para cobertura de fibra ótica 99% dos municípios até 2024

Now disponibiliza séries indicadas ao Critics’ Choice Awards

Entre produções indicadas ao prêmio, estão “Lovecraft Country” e “Schitt’s Creek”.

No último dia 18 de janeiro, as séries indicadas ao Critic´s Choice Awards 2021 foram anunciadas e clientes Claro podem assistir a mais de 15 indicadas por meio de uma pasta especial no NOW, serviço de streaming da operadora. No próximo dia 07 de fevereiro, é a vez dos filmes indicados, que fazem parte do catálogo do NOW, entrarem na pasta especial do streaming. A cerimônia de premiação, que ocorrerá no dia 07 de março, pode ser assistida ao vivo pelos clientes da Claro no canal TNT.
Dentre as produções indicadas, está o sucesso do Fox Premium, This Is Us, com três indicações ao prêmio. A série acompanha a história da família Pearson, a partir do dia que os trigêmeos Jack, Kate e Randall chegam em casa da maternidade. Diversas revelações surgem nos momentos de amor, mas também de dor, e moldam para sempre a vida de todos.
Com cinco indicações, Lovecraft Country, exibida pela HBO, se destaca por sua temática onde na década de 1950, nos Estados Unidos, Atticus Black se junta a sua amiga Letitia e seu tio George em uma viagem em busca de seu pai desaparecido no sul do país sob forte segregação racial.
Também disponibilizada pela HBO e com quatro indicações, a série The Plot Against America conta uma história alternativa e improvável, na qual um antissemita é eleito presidente dos Estados Unidos. Outra produção que se destacou foi Schitt’s Creek, exibida pelo canal Paramount +. Na história, a família Rose, dona de uma rede de videolocadoras, perde toda a fortuna após um de seus sócios cometer uma fraude financeira milionária. Quebrados, eles se mudam para a pequena Schitt’s Creek, cidade que haviam comprado como uma brincadeira. A série recebeu cinco indicações ao prêmio.
Além dessas, séries como Perry Manson; The Undoing; I May Destroy You; Mrs. America e Normal People também receberam diversas indicações.

NOW

Todos os conteúdos do NOW podem ser acessados pelos clientes da Claro pelo site nowonline.com.br ou app NOW para dispositivos móveis e tablets. Os assinantes que possuem pacote de TV da operadora também possuem a opção de assistir através do canal 1 do controle remoto.
Clientes que possuem plano móvel pós-pago da operadora podem usufruir do benefício Extraplay, uma franquia de dados exclusiva para consumo de filmes e séries no NOW, com mais conforto no uso da sua internet móvel.
O Extraplay dobra a quantidade de dados do plano e são para uso exclusivo nos aplicativos de streaming de vídeo compatível com a funcionalidade, incluindo o próprio NOW, YouTube, Claro Video, Netflix.
Fique por dentro de tudo sobre o mundo do entretenimento e diversão, conheça Entre Séries.

Jornal Grande ABC

O Jornal Grande ABC é feito para você, e por vocês. Nossos colaboradores e jornalistas estão todos dias buscando novidades e matérias. Sendo assim, produzindo material especial para nossos leitores. Portanto, nosso foco são as cidades de Mauá, Diadema, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo e Santo André. Além disso, cobrimos o que acontece no Brasil e no Mundo, incluindo esporte, entretenimento e tecnologias. Entretanto, não possuímos nenhuma vinculação política ou partidária. Da mesma forma, sem ligações com outras mídias já existentes na região. Nossa fundação se deu em 07 de Setembro de 2020. Desde então, cada dia estamos crescendo e chegando em mais dispositivos e usuários. Por isso, nossa maior satisfação é entregar material de qualidade para nossos leitores. Portanto, cada nova visita e comentário, nos dão mais fôlego para seguirmos firmes e fortes neste projeto.

Ações da Oi sobem com possível venda da operação para Claro, Tim e Vivo

Fonte: Natália Flach, do CNN Business Brasil
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Rodrigo de Abreu, presidente da Oi: no ano, as ações da companhia registram valorização de 131,7%

As ações da Oi subiram nesta terça-feira (8) impulsionadas pelo anúncio de conclusão das negociações com Vivo, Tim e Claro. As empresas de telefonia chegaram a um acordo sobre os principais termos relativos à alienação da operação de telefonia móvel da Oi e de suas subsidiárias. Os papéis resgistravam alta de 5,96%.

Os papéis da Tim, por sua vez, avançaram 1,7%, já os da Telefônica Brasil (Vivo) caíram 1,06%. No ano, as ações da Oi registram valorização de 131,7%.

Na segunda à noite (7), a Oi divulgou, em fato relevante, que aceitou a proposta vinculante revisada que inclui a compra de ativos móveis, caso a Vivo, Tim e Claro sejam vencedoras do processo competitivo por R$ 16,5 bilhões, dos quais R$ 756 milhões referem-se a serviços de transição a ser prestados por até 12 meses, acrescido do compromisso de celebração de contratos de longo prazo de prestação de serviços de capacidade de transmissão junto à Oi de R$ 819 milhões.

Dessa forma, Tim, Vivo e Claro devem ser qualificadas para participar do processo competitivo de venda dos ativos móveis, caso a Assembleia Geral de Credores — que será realizada nesta terça — autorize.  As três terão o direito de cobrir a oferta de maior valor que seja eventualmente apresentada no referido processo competitivo, desde que a nova oferta seja no mínimo 1% superior ao montante equivalente à soma do valor proposto a ser pago em dinheiro.