Condicionamento operante, você já ouviu falar?

Condicionamento operante, trata-se de um comportamento voluntário. Ex: correr, pular, sentar dentre outros, sendo voluntário, o mesmo não depende de um estímulo antecedente para ocorrer, mas é seguido de consequências futuras sendo assim chamadas de reforçamento. ☝️

Exemplo de reforçamento: Seu gatinho 😻está em um momento tranquilo ao seu lado sentadinho ou deitadinho na caminha dele (comportamento operante) e ganha uma guloseima (petisco). …rs a guloseima que ele ganhou, passa a ser uma consequência futura mediante aquela ação. (reforçamento)

Outro exemplo muito comum☝️🐱:

O seu gatinho começa a miar incansavelmente ao te ver e você na tentativa de ele parar de miar, enche o potinho de comida. Bingo!

Mais um comportamento reforçado, mediante a ação de miar incansavelmente.

A grande questão está em: no primeiro caso pode-se notar que o reforçamento da ação foi em um momento de calma e tranquilidade, já o segundo case o reforçamento foi pela agitação e vocalização excessiva (ansiedade).

E assim sucessivamente, como no segundo caso, vamos reforçando os maus comportamentos dos nossos animais de estimação muitas vezes de forma inconsciente.

Boa parte do comportamento do nosso animal de estimação (sejam eles bons ou maus comportamentos) refletem a forma como eles são condicionado por nós!

Os benefícios de treinarmos nossos amiguinhos de outra espécie por condicionamento operante são inúmeros, tanto para os animais quanto para o manejo.

As sessões de treinamento para os BONS☝️😻 comportamentos são uma excelente forma de estimulação física e mental através de desafios que os nossos amiguinhos animais de outras espécies enfrentam, sempre buscando algo prazeroso nas recompensas recebidas.

Agora me conte, você reforça o seu companheiro sempre que ele tem uma boa ação? rs

Por Fernanda Nogueira – Consultora comportamental de felinos domésticos.

Condicionamento operante, você já ouviu falar?
Foto de Alex Andrews no Pexels

Gostou da nossa matéria “Condicionamento operante, você já ouviu falar?“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.352 outros assinantes

Humanos, eu sou um gato

Ei humanos, ☝️hoje venho aqui como gato falar um pouquinho sobre os meus super poderes (habilidades naturais) de gato que sou😻! Você sabia que eu (gato) possuo uma grande agilidade, equilíbrio e por vezes tenho força acima do nível natural que me permite realizar movimentos rápidos e precisos para atingir minhas presas? Sim, minhas presas, isso porque tenho como minha principal característica ser caçador! 😻

Humanos, eu sou um gato
Humanos, eu sou um gato

Também sou dotado de garras, sabia? Minhas garras são capazes de perfurar superfícies como madeira, dentre outros😼😼além disso, eu tenho uma grande capacidade de saltar e os meus sentidos são bem apurados, tenho uma boa visão no escuro que me permite caçar a noite.

A vida com os humanos me permite socializar e conhecer a espécie de vocês (humanos), mas por outro lado às vezes esqueço-me de quem sou por faltar recursos no ambiente o qual vivo. 😿😿😿😿
Isso acaba me deixando sedentário, muito estressado e deprimido. Muitas vezes não sou compreendido embora eu tente mostrar quando tem alguma coisa errada no meu ambiente.

☝️Ah, minha espécie é territorialista, isso não quer dizer que gosto somente do ambiente, pelo contrário, gosto e preso muito os humanos 😻👧🧑que nele habitam e quero a todo custo viver em harmonia e segurança, por isso marco meu local através da minha caixinha sanitária, arranhaduras e também quando me esfrego. Esta ação demarca minha segurança territorial.

Adoro rotinas, portanto que tal brincarmos de caçar a noite ou ao entardecer? Isso me ajudará a lembrar de que sou um gato dotado de habilidades.🤩

Você humano🧑👧, pode me ajudar a lembrar de que sou um gato🐱? Eu gosto de acessórios que me estimulem a ser o melhor caçador da terra! 🙏

👉Os acessórios humanos (óculos, sapatinhos dentre outros) ou que fazem barulho o dia todo no meu ouvido (gizo o sininho na coleira) podem me fazer esquecer de quem eu SOU. 😿😿

Eu sou um GATO(A) e gosto de ser quem sou😻, só não posso me esquecer disso.

Por Fernanda Nogueira – Técnica em Veterinária, consultora comportamental de felinos domésticos.

Gostou da nossa matéria “Humanos, eu sou um gato“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.352 outros assinantes

Beleza Oculta

Lorena Pelais é a autora de “Beleza Oculta”, confira:

Não se trata de imagens visíveis a olho nu, relaciona-se a sentimentos vindos da alma.
Alegria e tristeza, do medo à superação, da angústia ao refrigério e por aí vai…

Incontável , imensurável, disponível a quem sente.
Empatia, compaixão compartilham parte das sensações que o outro pode sentir, nunca com a mesma intensidade, cada um tem seu jeito próprio e tempo certo para sentir, individualmente, os conceitos, sentimentos que habitam um ser jamais serão os mesmos do outro, possuem semelhanças e com imaginário deduzimos a sensação que o outro possa sentir.

O que fere a uns por tempo, pode durar segundos para o outro, que abstrai e reverte essa energia transformando em uma experiência “positiva” menos dolosa.
Tudo depende do ângulo, ponto de vista.

Relacionar a beleza aos momentos difíceis é a tarefa mais árdua, é justamente quando estamos totalmente envolvidos em algo de corpo e alma , onde tudo parece interminável e insolúvel.

Somos assim em nossa maioria, extremistas , imediatistas e um tanto dramáticos por assim dizer. Quando na verdade, tudo parece perdido , esquecemos que sempre surge uma inesperada luz.

“Quando uma porta se fecha, duas novas se abrirão!”
Momento em que o que aparenta ser impossível se torna possível repleto de novas possibilidades inimagináveis.

Fé, foco e determinação, quem te ampara , não te desampará.

“Não existe vitória sem luta, a luta nos eleva a glória”, não de vencer a guerra, mas sim de derrubar os gigantes que nos habitam, criados pela nossa própria mente, superando-os um a um.

Obter clareza dos fatos vivenciados, com lucidez, maturidade, sabedoria o que for mais conveniente e próximo ao seu ser no momento da experiência.

Não importam, todas as situações existentes te encaminham para algo maior e melhor imperceptível à razão momentânea , que foge nosso conhecimento imediato, mas que lá na frente, bem adiante reconheceremos que tudo era preciso e necessário.

Trabalhe a aceitação em sua vida atual, “tudo que não mata te fortalece”, poderás padecer por alguns intermináveis segundos , mas retomará às rédeas no segundo seguinte , pronta, renovada, revigorada para novos desafios mais à frente.

E, é mais ou menos assim que é..
A vida inicia e finda a cada adormecer na verdade já “nascemos mortos”, temos metas a cumprir até chegada da vida eterna no paraíso.

O céu é o limite e a prova final fazemos aqui!
Observemos o belo que há dentro e em cada um de nós, apreciar a beleza Oculta que carregamos esse é nosso grande e próprio mistério a ser descoberto.

Lorena Pelais ॐ∞.

beleza oculta
Foto de Anna Shvets no Pexels

Gostou de “Relações sociais e o fluxo da vida”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu emai. Aproveite, leia mais artigos da autora Lorena Pelais. Veja também nosso parceiro Entre Séries.

Junte-se a 1.352 outros assinantes