Escolas de Moda Sigbol: curso com todas etapas da criação na moda

A rede de Escolas de Moda Sigbol, que oferece cursos profissionalizantes há mais de 52 anos, inova mais uma vez com o lançamento da capacitação “Design de Moda”. O objetivo é proporcionar a pessoas com qualquer nível de conhecimento acesso a uma formação completa e capaz de prepará-las para atuar profissionalmente no mercado. A iniciativa acontece em um momento em que o setor têxtil está aquecido, já que foram abertas cerca de 22.602 empresas no segmento, uma alta de 35% em relação ao mesmo período no ano passado. 

“Sentimos a necessidade de desenvolver um curso completo que possibilite aos alunos saírem preparados para trabalhar e com experiência prática na área de criação”, explica Aluizio de Freitas, diretor da rede Sigbol. “Será possível ensinar desde a coordenação motora, técnicas de ilustração, anatomia, coloração de croqui, desenho técnico e ficha técnica utilizando programas como o Corel Draw e também desenvolvimento de coleções”, completa. 

Escolas de Moda Sigbol: curso com todas etapas da criação na moda

A capacitação é composta por 06 (seis) módulos. Esta divisão permite encaixar o perfil do aluno de acordo com sua experiência. Quanto mais avançado for seu conhecimento prévio da área menos etapas ele terá de cursar e o preço fica flexível. 

As aulas são presenciais e seguem todos os protocolos de saúde e segurança contra a propagação da COVID-19.  

“Nosso acompanhamento junto a indústria têxtil e de confecção nos levou a desenvolver este programa com o objetivo de capacitar os alunos nas vertentes do design de moda focando as necessidades observadas junto as empresas do setor e capacitando de maneira mais ampla e completa os profissionais da área de criação”, comenta Andreia Araújo, coordenadora de ensino das Escolas de Moda Sigbol. 

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo site da Escola de Moda Sigbol diretamente em qualquer uma das unidades da rede espalhadas pelo Estado de São Paulo. 

Serviço 

Curso “Design de Moda” da Escola de Moda Sigbol 

Inscrições abertas em www.sigbol.com.br 

Sobre a Sigbol 

A Sigbol oferece cursos especializados em moda. A rede concentra 13 unidades no estado de São Paulo. A marca foi a primeira a oferecer esse tipo de curso no país, com início em 1969. Nos 52 anos de atuação, a Sigbol já formou mais de 130 mil alunos. São mais de 57 cursos que variam de aprendizados básicos em corte e costura até criação e design, moda pet, moda praia, desenho técnico, personal stylist, visual merchandising, produção de moda, entre outros. Recentemente, a rede lançou o curso de Corte e Costura online, uma forma de alcançar novos mercados. 

Mais Notícias do Grande ABC

Gostou “Escolas de Moda Sigbol: curso com todas etapas da criação na moda”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro. Veja também as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Entre Séries.

Junte-se a 2.338 outros assinantes

Capacitação gratuita com inscrições abertas, oferecida pela ONG Instituto PROA

O objetivo é disseminar e proporcionar aos jovens capacitação profissional e comportamental, e prepará-los para o mercado de trabalho. Confira sobre a capacitação gratuita com inscrições abertas.

O Instituto PROA, uma ONG que acredita e tem o compromisso de criar oportunidades reais de desenvolvimento e empregabilidade para jovens de baixa renda, abre nova turma para a Plataforma PROA. Jovens entre 17 e 22 anos de idade, que concluíram o Ensino Médio em escolas públicas, que residam no Estado de São Paulo e que buscam seu primeiro emprego, terão a oportunidade de capacitação e de se aperfeiçoarem para o mercado de trabalho e se conectarem com vagas de emprego.

A Plataforma PROA de formação on-line levará aos jovens 100 horas de aulas, por meio de um modelo de aprendizagem ativa e por projetos, onde os alunos terão a oportunidade de colocarem a mão na massa e se prepararem para iniciar a carreira profissional, além da possibilidade de seguirem uma trilha técnica com mais 50 horas na carreira de vendas ou análise de dados.

Para formatar o curso, profissionais do Instituto PROA entrevistaram mais de 70 empresas com o objetivo de entender as reais demandas do mercado de trabalho, assim como as competências necessárias para os jovens estarem preparados para o início de carreira. Durante o curso os alunos contarão com orientação e apoio de tutores em encontros semanais ao vivo.

A Plataforma PROA tem como objetivo preparar os jovens para o mercado de trabalho dentro dos seguintes temas: Autoconhecimento (20 horas), Planejamento de Carreira (20 horas), Projeto de Vida (20 horas), Raciocínio Lógico (20 horas), Comunicação (20 horas) e Trilha Técnica (50 horas/opcional). Ao final os alunos que concluírem estarão aptos para participarem de processos seletivos para vagas de posições de início de carreira e primeiro emprego. Todos receberão certificado de conclusão emitido pelo PROA e terão acesso a vagas de emprego disponíveis no mercado.

A jornada de estudos será de 7h30 de estudos por semana, de segunda a  sexta-feira, cerca de 1h30 de dedicação por dia. O jovem poderá estudar e fazer as atividades em qualquer horário do dia, com exceção dos encontros mediados pelos tutores, que acontecerão uma vez por semana, às quartas-feiras, com 1h30 de duração e em diversas opções de horários. Será oferecido aos jovens várias opções de horários para os encontros com os tutores. A participação nos encontros e a conclusão de todas as atividades são fundamentais para o jovem seguir para a empregabilidade.

“Nossa meta é contribuir para que os jovens tenham oportunidades de trabalho e estejam preparados para iniciarem a carreira profissional. Segundo dados divulgados recentes pelo IBGE o desemprego entre os jovens de 18 a 24 anos ficou em 31,4% no 3º trimestre de 2020. É o maior índice já registrado. A falta de experiência e oportunidades de estudo, aliado ao cenário da pandemia faz com que os jovens sofram mais com o desemprego.

Por isso, todo esforço e dedicação para ajudar esse jovem é válido. Acreditamos que quanto mais cedo esse jovem tenha contato com habilidades que ainda não foram desenvolvidas ou que precisam ser aprimoradas, mais chances eles terão de serem bem-sucedidos profissionalmente, independentemente do que eles queiram fazer.”, afirma Alini Dal’Magro, CEO do Instituto PROA.

Para participar do curso o jovem passará por uma avaliação de língua portuguesa e matemática. Independentemente de serem aprovados, receberão acesso à uma trilha de língua portuguesa e matemática após a conclusão das avaliações. Desde que estejam dentro dos critérios de idade, escolaridade e geográfico, os jovens poderão participar do processo seletivo quantas vezes quiserem. 

“O PROA tem se provado, cada vez mais, uma escolha fantástica, pois tanto a Plataforma PROA, quanto as pessoas por trás, nos disponibilizam ajuda e conhecimento que vão desde algo simples a mais complicado. Entrei no PROA com uma base de plano de vida e atualmente, após apenas um mês, já posso dizer que meu projeto de vida está mais estruturado! Com o PROA sinto que estou mais perto de realizar meus sonhos e entrar no mercado de trabalho”, afirma Júlia da Silva Rocha, 17 anos que está cursando a Plataforma PROA.

Outra história de sucesso é da Letícia Vitória Salgado da Silva, de 18 anos. “O curso está agregando muito na minha vida. Estou descobrindo muitas coisas sobre mim, e isso está me ajudando a descobrir o meu caminho. Agora tenho mais certeza da carreira que quero seguir, começando por um curso na faculdade. Me sinto mais segura para o mercado de trabalho, graças a Plataforma PROA. Todos os encontros e atividades têm me amadurecido muito, e acredito que todos deveriam ter uma oportunidade assim.”

Conheça todos nossos canais (Whatsapp, Telegram, Facebook, Buscador): https://jornalgrandeabc.com/inicio/nossas-redes-sociais/

Ellen Souza Casto, 18 anos, está amando o curso! “Em cada missão eu me descubro mais, tanto profissionalmente quanto pessoalmente. As missões são muito importantes pois elas nos estimulam a pensar realmente no que queremos para nosso futuro, às vezes eles nos indagam com possibilidades que eu jamais pensaria no meu dia a dia, e eu espero me aprofundar mais sobre os meus sonhos a cada missão. Só tenho a agradecer ao PROA por me proporcionar esse autoconhecimento.”

Como me inscrever?

As inscrições já estão abertas e terminam no dia 11 de junho. As aulas da próxima turma começam no dia 14 de junho. Não percam essa oportunidade!

As inscrições podem ser feitas pelo site: https://plataforma.proa.org.br/ 

Crédito das fotos: Guto Garrote / Divulgação

Mais Vagas no Grande ABC

Gostou “Capacitação gratuita com inscrições abertas, oferecida pela ONG Instituto PROA”?

Capacitação gratuita com inscrições abertas, oferecida pela ONG Instituto PROA
Capacitação gratuita com inscrições abertas. Foto: Guto Garrote / Divulgação

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Junte-se a 2.338 outros assinantes

Jander solicita que a Educação busque recursos do novo FUNDEB

Após a aprovação da Lei do Novo FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) o Vereador Professor Jander Lira identificou que há novos recursos disponíveis para os cursos técnicos profissionalizantes, oferecidos pela tradicional Escola Alcina de São Caetano do Sul.

Jander fez uma indicação para que a Secretaria de Educação busque imediatamente esses recursos com o Ministério da Educação, para proporcionar aos alunos da escola mais recursos e equipamentos.

Ao apresentar essa indicação na sessão virtual desta semana, o vereador e professor Jander salientou que a EME Profª Alcina Dantas Feijão já tem uma tradição de mais de 50 anos na área dos cursos técnicos, mas precisa de muitos investimentos, já que não tem atualmente nenhum laboratório operacional.

“Estou muito preocupado quando voltarem às aulas presenciais, pois os alunos não terão como usar os laboratórios, já que os computadores dos laboratórios do Alcina estão todos sucateados”.

A Secretaria de Educação informa que não tem verbas para modernizar os laboratórios do curso técnico e as emendas ao orçamento municipal propostas nos últimos anos pelo Vereador Jander para aumentar os recursos nessa área foram sempre rejeitadas pela maioria da Casa Legislativa.

“Agora há recursos já que o decreto do FUNDEB admitiu o duplo cômputo de matrículas, aumentando o repasse ao município”, falou Jander na tribuna da Câmara dos Vereadores após o encaminhamento de sua indicação.

Gostou da nossa matéria “Jander solicita que a Educação busque recursos do novo FUNDEB“?

Jander solicita que a Educação busque recursos do novo FUNDEB
Vereador Jander, em sessão da câmara. Foto: Divulgação

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias e sobre as Cidades do Grande ABC. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.338 outros assinantes