Projeto de nova rodovia com destino ao Porto de Santos é lançado

O Governo do Estado de São Paulo planeja construir um corredor multimodal com destino ao Porto de Santos, no litoral paulista. O projeto da nova rodovia, chamado de ‘Linha Verde’, tem por objetivo ser uma alternativa inteligente e moderna para o escoamento de toda a produção nacional. A Manifestação de Interesse Público para as empresas foi publicada na última quinta-feira (25), no Diário Oficial.

Segundo a Secretaria de Logística e Transporte de São Paulo, a expectativa é receber projetos para um corredor multimodal no eixo Planalto/Baixada Santista, o que pode incluir, além de uma rodovia, a construção de uma ferrovia. A ideia é que o novo corredor logístico faça a conexão do Rodoanel à Margem Esquerda do Porto e à Rodovia Cônego Domênico Rangoni.

Conforme explica o governo estadual, os trabalhos fazem parte do planejamento da pasta para criar uma nova matriz de logística no estado, que ofereça modelos mais eficientes no trânsito de cargas e mercadorias.

De acordo com o secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto, essa nova estrutura logística poderá trazer um grande ganho à economia, já que boa parte do Produto Interno Bruto (PIB) nacional passa pelo Porto de Santos.

A secretaria explica que a nova rodovia também permitirá a implantação de novas tecnologias, como compensação de emissões de gás carbônico decorrentes da operação, veículos com energia limpa, iluminação com energia solar, sistema de monitoramento inteligente e integração com o Centro de Controle.

Ainda segundo o governo, a implantação desse novo ramo logístico cria, também, um novo acesso ao litoral paulista, e pode melhorar o fluxo do Sistema Anchieta/Imigrantes, além de trazer outros benefícios, como:

Plataformas logísticas mais eficientes;

Ter uma nova e eficiente via para o escoamento da produção;

Viagens mais rápidas para a Baixada Santista;

Redução no tempo de abastecimento dos caminhões;

Redução no custo de frete;

Possibilidade de conexão com ferrovias que abastecem o estado;

Agilidade no escoamento da carga de contêineres.

Como participar

Conforme definido pelo governo estadual, os interessados têm 30 dias para apresentar projetos ou estudos nesse sentido, por meio de uma Manifestação de Interesse Privado (MIP). Os estudos devem conter a viabilidade técnica e econômico-financeira dessa nova rodovia, podendo ou não incluir uma malha ferroviária integrada para o transporte de cargas, especialmente de contêineres, originados ou destinados diretamente de ou para os terminais portuários.

A opção pela tecnologia a ser sugerida é livre, e terá que atender aos requisitos operacionais para fluxo de veículos em ambos os sentidos, transpondo a Serra do Mar que se interpõe entre o Planalto e a Baixada Santista.

Fonte: G1 Santos

Gostou de “Projeto de nova rodovia com destino ao Porto de Santos é lançado?

Projeto de nova rodovia

Então, aproveite e assine nossa newsletter e seja noticiado assim que publicarmos novas matérias! Ah, leia mais sobre o que acontece no ABC Cidades todo dia no Grande ABC.

Junte-se a 1.323 outros assinantes

Acidentes em rodovias caem em 2020, mas mortes ficam estáveis

O número de acidentes em rodovias brasileiras diminuiu 6% em 2020 se comparado a 2019. Foram 63.447 acidentes no ano passado, 4 mil a menos do que o registrado no ano anterior. Acidentes em rodovias caem em 2020.

A crise gerada pelo coronavírus influenciou o resultado. Segundo o diretor-executivo da Confederação Nacional do Transporte, Bruno Batista, os meses mais críticos da Covid-19 também foram os que tiveram maior queda no número de acidentes por causa da redução de veículos circulando nas estradas.

Menos acidentes, porém, mais graves e mais letais. De acordo com o levantamento, o número de mortos também diminuiu, mas apenas 1%. Em 2020, 5.287 pessoas morreram nas rodovias, contra 5.332 em 2019, 45 vidas perdidas a menos. As colisões de veículos foram responsáveis por quase 62% das mortes ocorridas nas estradas.

Para o diretor-executivo da CNT, Bruno Batista, os acidentes também são resultado das características viárias do país.

O painel da CNT com dados da Polícia Rodoviária Federal ainda aponta que 55% das mortes foram aos finais de semana, principalmente no domingo.

A rodovia com o maior número de acidentes, ao longo do ano passado, foi a BR-101, que atravessa o país e liga o Rio Grande do Norte ao Rio Grande do Sul. Já a BR-116, que começa em Fortaleza e também termina no Rio Grande do Sul, é a rodovia que mais mata.

A CNT estima que os acidentes em rodovias federais produziram um prejuízo de mais de R$ 10 bilhões só no ano passado, e afirma que, para reduzir os acidentes e mortes, é preciso investir em infraestrutura rodoviária e na formação dos condutores.

Em parceria com Agência Brasil.

Gostou de “Acidentes em rodovias caem em 2020, mas mortes ficam estáveis”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Acidentes em rodovias caem em 2020, mas mortes ficam estáveis

Caminhoneiros realizam protestos nesta segunda-feira

Manhã tranquila na maioria das rodovias do país, apesar da promessa de paralisação por algumas associações e sindicatos de caminhoneiros. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, houve um ponto de retenção, registrado às 11h na rodovia BR-304 Rio Grande do Norte, na altura de Mossoró. Caminhoneiros realizam protestos em pontos do país.

As entidades representativas dos caminhoneiros ficaram divididas quanto à decisão de paralisar nesta segunda-feira (1).

O Conselho Nacional de Transporte Rodoviários de Cargas, por exemplo, alega que as tentativas administrativas de negociações ficaram esgotadas e reivindicam, por exemplo, o cumprimento da lei do frete e a revogação da política de preços de importação da Petrobrás. O representante do Conselho em São Paulo, Luís Fernando comentou a baixa adesão ao movimento.

Por outro lado as associações de caminhoneiros como a CNTA e Abrava afirmaram que não participariam da paralisação. Entendem que, em tempos de pandemia, não seria o  momento de parar.

Osmar Gonçalves, do Sindicato dos Caminhoneiros Autonômos de São Paulo, diz, que mesmo assim, haverá cobrança quanto ao cumprimento de promessas do governo.

O único ponto de protesto registrado nesta manhã no estado de São Paulo ocorreu na rodovia Castelo Branco, entre os quilômetros 24 ao 26 na direção à capital.

Os manifestantes pediam a diminuição do ICMS dos combustíveis por parte do governo do estado e diminuição também do valor dos pedágios.

Em nota, o governo do estado de São Paulo respondeu que já cobra o menor ICMS sobre os combustíveis dentre os estados da federação, que 47% do preço do Diesel vem de determinação da Petrobrás e que o reajuste de pedágios previsto para julho de 2020 acabou adiado para dezembro do mesmo ano.

O ministério da Infra-estrutura enviou nota afirmando que o ministro Tarcísio Freitas conversou com representantes da categoria e reafirmou total abertura para o diálogo. Acrescentou, ainda, que não vão negociar com qualquer indicativo de paralisação.
Com produção de Michele Moreira.

Com informações de Agência Brasil.

Gostou de “Caminhoneiros realizam protestos nesta segunda-feira”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Caminhoneiros realizam protestos

Governo restringe entrada de estrangeiros no Brasil

O Governo Federal restringe entrada de estrangeiros no território brasileiro por rodovias, meios terrestres ou transporte aquaviário. A medida está valendo desde a última terça-feira (26), com a publicação da Portaria Nº 652, que trata sobre a restrição excepcional conforme recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O texto cita como justificativa os potenciais riscos das duas variantes da Covid-19 detectadas originalmente no Reino Unido e na África do Sul – consideradas versões com maior poder de contaminação pelo vírus.

Segundo a portaria, essas restrições não impedem a entrada de estrangeiros no País  por via aérea “desde que obedecidos os requisitos migratórios adequados à sua condição, inclusive o de portar visto de entrada, quando este for exigido pelo ordenamento jurídico brasileiro”. Assim, para entradas por avião, o governo exige comprovante de um teste negativo para a Covid-19 do tipo RT-PCR, que precisa ter sido realizado em um intervalo de no máximo 72 horas antes do embarque. Além disso, ficam proibidos voos internacionais para o Brasil que tenham origem ou passagem por aeroportos do Reino Unido ou da África do Sul.

Em parceria com Brasil 61

Gostou de “Governo restringe entrada de estrangeiros no Brasil
“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia sobre Desenvolvimento Sustentável.

Governo restringe entrada de estrangeiros
Photo by Pixabay on Pexels.com

Operação Verão Seguro: RP inicia ações 2020/2021

Operação Verão Seguro: Defesa Civil mobiliza a sociedade civil e membros do Poder Público com ações de prevenção durante o período de fortes chuvas

A Defesa Civil de Ribeirão Pires iniciou nesta terça-feira, dia 1, a Operação Verão Seguro (OVS) com objetivo de prevenir e reduzir os danos causados durante o período de chuvas fortes – previstos entre dezembro 2020 e abril de 2021.

Conjunto de ações preventivas e procedimentos emergenciais são estabelecidos na Operação. O Poder Público Municipal e a comunidade deverão adotar tais ações. Portanto, promovendo a organização e preparação de órgãos públicos para o gerenciamento de emergência e situações de perigo aos cidadãos durante os meses com maior intensidade de chuvas.

Com o objetivo de ampliar o entendimento da população sobre as ações de segurança durante o período, as redes sociais oficiais da Prefeitura compartilharão conteúdo de conscientização. Além disso, a prefeitura realizará vistorias e orientações nas áreas de maior atenção.

As atividades preventivas já começaram. Na última semana, por exemplo, a galeria pluvial localizada na região Central da cidade recebeu limpeza preventiva. Além da limpeza e desassoreamento do Ribeirão Grande. Da mesma forma, a Avenida Prefeito Valdírio Prisco, córregos na Quarta Divisão, Estrada da Cooperativa e em Ouro Fino, também foram ações já realizadas pela Prefeitura.

Orientações da Defesa Civil – Operação Verão Seguro

Com a previsão de chuvas fortes, as indicações feitas pela Defesa Civil são:

– Não jogue lixos e entulhos nas ruas e beiras de rios;

– Verifique calhas e telhas quebradas;

– Fique atento ao surgimento de goteiras, estufamentos e trincas em paredes, terrenos e muros;

– Fique atento a árvores, muros e postes inclinados; estalos ou aumento de trincas em pedras; águas mais barrentas.

Ao verificar algum destes sinais, saia imediatamente do local e acione a Defesa Civil.

– Em caso de emergência, acione a Defesa Civil Municipal. Telefones 199 ou 4825-1830.

Operação Verão Seguro
Defesa Civil inspecionando bueiro em Ribeirão Pires. Foto: Divulgação

Mobilidade urbana tem cerca de R$ 1,7 bi de investimentos

Recursos foram alocados para o Programa Avançar Cidades, do Ministério do Desenvolvimento Regional

Em pouco mais de um ano, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) liberou aproximadamente R$ 1,7 bilhão para projetos de mobilidade urbana por meio do Programa Avançar Cidades. Segundo o governo federal, os recursos foram encaminhados a 179 cidades brasileiras das cinco regiões do país. Os investimentos contemplam cidades da Bahia, Ceará, São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Maranhão, Minas Gerais, entre outros estados. 

Os repasses foram utilizados em obras de pavimentação asfáltica, construção de terminais e corredores de ônibus, Instalação de sinalização viária e calçadas com acessibilidade e elaboração de estudos e projetos.

Criado em 2017, o Programa Avançar Cidades – Mobilidade Urbana tem o objetivo de melhorar a circulação das pessoas nos ambientes urbanos por intermédio do financiamento de projetos por parte do governo federal. 

Fonte: Brasil 61

Jornal Grande ABC

COMUNICAÇÃO: Existem formas de falar

O Jornal Grande ABC é feito para você, e por vocês. Nossos colaboradores e jornalistas estão todos dias buscando novidades e matérias. Assim, produzindo material especial para nossos leitores. Nosso foco são as cidades de Mauá, Diadema, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo e Santo André. Além disso, cobrimos o que acontece no Brasil e no Mundo, incluindo esporte, entretenimento e tecnologias.

Não possuímos nenhuma vinculação política ou partidária. Da mesma forma, sem ligações com outras mídias já existentes na região. Nossa fundação se deu em 07 de Setembro de 2020. Desde então, cada dia estamos crescendo e chegando em mais dispositivos e usuários. Por isso, nossa maior satisfação é entregar material de qualidade para nossos leitores. Portanto, cada nova visita e comentário, nos dão mais fôlego para seguirmos firmes e fortes neste projeto.

Quer receber mais notícias, em qualquer momento? Assine nossa Newsletter, basta inserir seu e-mail logo abaixo, e receba as publicações todos os dias.

Junte-se a 1.323 outros assinantes

É um prazer ter você conosco. Aproveite para deixar comentário aqui embaixo. Salve nosso Site. Volte Sempre!

Ministério da Infraestrutura inicia estudo para concessão

Previsão é de que leilões ocorram em 2022O Ministério da Infraestrutura realizou a primeira reunião com as consultorias responsáveis por realizar os estudos para a concessão de 5.348 km de rodovias federais, que cortam 11 estados no país.

O Ministério da Infraestrutura realizou a primeira reunião com as consultorias responsáveis por realizar os estudos para a concessão de 5.348 km de rodovias federais, que cortam 11 estados no país. O projeto a ser entregue serviços técnicos de apoio, avaliação, estruturação e implementação da desestatização.

Ao todo, quatro consultorias formam um consórcio que realizará os estudos. No encontro, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, citou  que algumas  rodovias são prioridade no processo por terem corredores logísticos estratégicos no escoamento da produção nacional de commodities e produtos manufaturados. 

De acordo com o governo federal, a previsão é de os estudos sejam concluídos no terceiro trimestre de 2021, o que permitirá a realização dos leilões em 2022. Serão objetos do estudo 12 trechos rodoviários, a maior parte deles está localizado na BR-101, entre Feira de Santana (BA) e Natal (RN).
 

Fonte: Brasil 61

Jornal Grande ABC

COMUNICAÇÃO: Existem formas de falar

O Jornal Grande ABC é feito para você, e por vocês. Nossos colaboradores e jornalistas estão todos dias buscando novidades e matérias. Assim, produzindo material especial para nossos leitores. Nosso foco são as cidades de Mauá, Diadema, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo e Santo André. Além disso, cobrimos o que acontece no Brasil e no Mundo, incluindo esporte, entretenimento e tecnologias.

Não possuímos nenhuma vinculação política ou partidária. Da mesma forma, sem ligações com outras mídias já existentes na região. Nossa fundação se deu em 07 de Setembro de 2020. Desde então, cada dia estamos crescendo e chegando em mais dispositivos e usuários. Por isso, nossa maior satisfação é entregar material de qualidade para nossos leitores. Portanto, cada nova visita e comentário, nos dão mais fôlego para seguirmos firmes e fortes neste projeto.

Quer receber mais notícias, em qualquer momento? Assine nossa Newsletter, basta inserir seu e-mail logo abaixo, e receba as publicações todos os dias.

Junte-se a 1.323 outros assinantes

É um prazer ter você conosco. Aproveite para deixar comentário aqui embaixo. Salve nosso Site. Volte Sempre!