O medo

O medo pode ter significados diferentes de pessoa para pessoa. Quando vivemos com este sentimento, qualquer atividade pode se tornar muito mais
difícil e desgastante.

Qualquer situação que seja percebida como ameaçadora, gera o medo. Esta ameaça pode ser física, moral ou de qualquer outra ordem.
Sair da zona de conforto, realizar coisas sem a ajuda de outras pessoas ou até, simplesmente, pensar em algo que remeta a uma experiência do passado, pode trazer lembranças negativas e gerar o medo de viver.

Normalmente, para surgir o medo é necessária a presença de um estímulo que provoque ansiedade e insegurança no indivíduo. O aumento do batimento cardíaco, a aceleração da respiração e a contração muscular são algumas das características físicas desencadeadas pelo medo.

Medo é uma característica inata do ser humano. Todo ser humano tem medo, e este faz parte da evolução humana e está relacionado com o nosso instinto de sobrevivência, mas, em alguns casos, o medo pode nos paralisar e impedir de executarmos determinadas atividades, cumprir nossas metas e objetivos.

Existem os medos reais (que sinalizam possibilidades reais de perigo) e os medos irracionais (que são a maioria dos medos que temos). É aquele medo que paralisa e que se torna um grande vilão da prosperidade.

Ele é criado a partir de uma ilusão mental de que algo ruim possa acontecer no futuro.

Quer saber mais sobre os meus trabalhos, entre em contato:

Graça Decaro o que é medo

Coach Metafísica, Terapeuta Holística, Escritora do Ebook Depressão: A solidão da “Alma” e A Arte de Ser Feliz “Parar, Sentir e Perceber”.,
Site: https://gracadecaro.wixsite.com/lifecoach-metafisico
Telefone: 11 98588-3262
e-mail: graca.decaro@outlook.com.br
Instagram@graca.decaro