Receita de Carne ao Molho de Laranja e Parmesão Gratinado

Receita de Carne ao Molho de Laranja e Parmesão Gratinado
Por Olivardo Saqui INGREDIENTES:

3 c. de sopa de óleo
2 cebolas picadas
5 dentes de alho picados
1 peça de carne (1.5kg)
2 xíc. de suco de laranja natural
30g de creme de cebola em pó
1 latinha de extrato de tomate (130g)
1 lata de creme de leite

300g Mussarela em fatias
Q/B parmesão ralado
4 batatas já cozidas em rodelas
Q/B água
Q/B Sal
Q/B Pimenta do reino
1 folha de louro
Pimenta e salsa( p/ decorar)

QB = Quanto Basta

MODO DE PREPARO:

Tempere a carne com sal e pimenta do reino.
Em uma panela de pressão já aquecida com óleo, coloque a carne e sele os dois lados da peça. Em seguida adicione a cebola e o alho para refogar. Depois acrescente o suco de laranja, a folha de louro e coloque água até cobrir a carne.
Feche a panela, espere pegar a pressão e conte 45 minutos em fogo médio/baixo.

Desligue fogo, espere sair pressão, abra a panela e adicione:
O creme de leite, extrato de tomate e o creme de cebola em pó.
Mexa por 5 minutos ou até engrossar.
Retire a carne.

Fatie-a sem cortar até o final.
Coloque a carne em um refratário que possa ir ao forno.
Entre as fatias da carne, coloque fatias de batata e de queijo muçarela, faça isso em toda a carne, em seguida regue com o molho que ficou na panela.

Salpique parmesão ralado.
Leve ao forno a 200ºC até dourar.
Sirva com arroz branco e salada verde.
Decore com pimenta e salsinha.

Receita de Carne ao Molho de Laranja e Parmesão Gratinado

Gostou da nossa matéria “Receita de Carne ao Molho de Laranja e Parmesão Gratinado”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias, e também conheça o nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.325 outros assinantes

Que tal provar em casa o Sobá, um prato bem diferente?

Prato mais tradicional da culinária de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, o Sobá à Moda de Campo Grande é uma especialidade da chef Vanessa Carvalho que você pode provar em casa neste final de semana gastando a partir de R$ 34,00.

O Sobá é o prato mais tradicional da culinária de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, daí o seu nome correto ser “Sobá à Moda de Campo Grande”. Há centenas de restaurantes especializados nele em Campo Grande, e uma indústria por trás disso – que inclui, além dos restaurantes, fabricantes artesanais de macarrão e empresas que fabricam utensílios necessários para a elaboração do prato, como um cortador manual da massa e uma espécie de “varal culinário” onde o macarrão é pendurado em tiras para não grudar uma na outra. Em resumo, é um mercado imenso, responsável pelo sustento de muita gente. Na capital paulista, por outro lado, existem apenas dois restaurantes que servem Sobás – e um deles é o Sim Sobá, criado em 2016 pela chef Vanessa Carvalho, que funciona apenas pelo Delivery ou Take Away, de sexta-feira a domingo, das 18h às 22h.

Por isso mesmo, o Sobá ainda é uma iguaria praticamente desconhecida do consumidor paulistano. E o que é um Sobá? “O Sobá é um prato elaborado com cinco componentes básicos: uma proteína (carne bovina, carne suína, frango ou shimeji), omelete, macarrão, cebolinha e um caldo com temperos”, explica a chef Vanessa. Além disso, é um prato complicado e demorado de fazer, pois tudo é elaborado artesanalmente. A casa abre de sexta a domingo, mas, já na quarta-feira, a chef Vanessa começa a produzir seu macarrão artesanal, que é servido fresco e no ponto certo todas as semanas. É uma massa diferente da que conhecemos na culinária italiana.

De origem japonesa, o Sobá ganhou fama no Brasil no Mato Grosso do Sul. A combinação de macarrão, omelete, carne de porco (na versão mais tradicional), cebolinha e um caldo com temperos típicos foi trazida para o Matato Grosso do Sul na década de 50, por Eiho Tomoyohe e, já em 2006, virou patrimônio histórico e cultural de Campo Grande. A história do Sobá caminhou com a “Feirona” de Campo Grande, fundada em 1925. No começo, eram barracas, montadas na calçada. Hoje, a Feira Central, denominada oficialmente Feira Central e Turística, ocupa a Esplanada Ferroviária, um amplo espaço coberto que reúne 200 lojas de artesanato regional e produtos hortifrutigranjeiros, onde o carro-chefe são dezenas de restaurantes especializados em Sobá. Há até uma estátua de um Sobá no local, que virou atração turística e ponto obrigatório para fotos.

O cardápio do Sim Sobá inclui seis opções de Sobá à Moda de Campo Grande: “Bovino” (R$ 40,00); Suíno (R$ 36,00); Frango (R$ 34,00); Shimeji (R$ 44,00); Vegetariano de Shimeji (R$ 44,00) e Vegano de Shimeji (R$ 46,00). Todos os Sobás levam, como tempero, um caldo especial feito com ossobuco e temperos secretos de Campo Grande, que garantem o sabor todo especial do prato. O Sobá de Shimeji é uma criação de Vanessa que deu certo em São Paulo. Na versão Vegetariana, a diferença é que o caldo de ossobuco é trocado por um caldo de legumes, também criado pela Chef. Já na versão Vegana, além desse caldo de legumes, o prato, sua massa é elaborada sem ovos e não vai omelete.

DRINKS EXCLUSIVOS COM INGREDIENTES DO MATO GROSSO DO SUL

A chef Vanessa desenvolveu uma linha exclusiva de sucos elaborados com produtos tradicionais DA cozinha de Mato Grosso do Sul. São ingredientes como capim-santo, gengibre e a erva natural utilizada numa bebida muito comum no estado, o Tereré. O resultado são combinações incríveis no sabor e muito refrescantes que remetem à rica gastronomia e cultura sul-mato-grossense.

“Minha intenção era criar uma linha de bebidas inédita, que remetesse à culinária de Campo Grande, cidade onde nasci e vivi muitos anos, para acompanhar justamente um dos pratos mais tradicionais de lá, que é o Sobá”, explica Vanessa. Para chegar aos três sucos que compõem a linha hoje, chamada de Varanda’s Drinks, a chef precisou fazer muitos testes, experimentando a combinação de diferentes ingredientes. Foram desenvolvidos três sucos naturais que integram o cardápio:

Varanda’s. É um mix de capim-santo (também conhecido como capim-cidreira) e xaropes artesanais de gengibre e limão feitos pela própria Vanessa. Custa R$ 13,00 (500 ml).
Varanda’s Tereré. Uma combinação de chá da erva utilizada na elaboração do famoso Tereré (bebida muito tradicional do Mato Grosso do Sul) e xaropes artesanais de gengibre e limão. Custa R$ 14,00 (500 ml).
Flor de Varanda’s. É elaborado com chá de canela, xarope artesanal de hibisco (também produzido pela chef Vanessa) e um toque de limão. Custa R$ 14,00 (500 ml).

SOBREMESAS TRADICIONAIS

O Sim Sobá também sobremesas que fazem sucesso na culinária de Mato Grosso do Sul:

Doce de abóbora com coco – R$ 8,00 (100 gramas)
Doce de abóbora em pedaços – R$ 6,00 (100 gramas)
Cachorrada Pantaneira – R$ 8,00 (100 gramas)
Geleia de Mocotó Pantaneira – R$ 4,00 (barra de 60 gramas)
Cocada Pantaneira – R$ 4,00 (barra de 55 gramas)

Que tal provar em casa o Sobá, um prato bem diferente?
Chef Vanessa Carvalho. Foto: Divulgação

SOBRE A CHEF VANESSA CARVALHO

Nascida em Campo Grande (MS), Vanessa tem 45 anos. Ela nasceu numa família com cinco mulheres que adoram cozinhar – a mãe e quatro tias. “Em todas as reuniões e festas familiares são elas que preparam tudo”, conta Vanessa. Ela nasceu nesse ambiente gastronômico cheio de sabores e temperos e combinações intensos, uma marca da comida de Campo Grande. A mãe foi sua grande professora na cozinha. Com 5 anos ganhou de presente um jogo de panelas de verdade, e começou a aprender a cozinhar numa mini cozinha que montou no quintal.

Aos 8 anos já sabia, e bem, fazer o tradicional Arroz de Carreteiro Pantaneiro, típico do Mato Grosso do Sul, e virou a responsável pela sua preparação nos encontros familiares. Mesmo assim, não trabalhou com comida em Campo Grande (embora tenha feito um curso de Gastronomia no Senac) e, em 1996, veio morar em São Paulo. Aqui, trabalhou como modelo, foi empresária do ramo de iluminação para shows e atuou como corretora de imóveis no Campo Belo durante cerca de 13 anos. Em 2006 morou na Suíça, perto da fronteira com a Itália. Trabalhava numa empresa durante o dia e nos finais de semana fazia bicos num restaurante na cidade italiana de Lugano. Preparava pratos típicos do Brasil.

Em 2018, voltou a Campo Grande e a vontade de trabalhar com gastronomia já era forte – sobretudo depois de ver que uma amiga havia aberto um restaurante. Decidiu voltar a São Paulo e abrir um restaurante especializado em Sobá. Seus amigos, surpresos, logo perguntavam: “Sobá? Ninguém sabe o que é Sobá em São Paulo!”. A resposta dela sempre foi rápida: “Sim, Sobá”. Aliás, foi daí que surgiu o nome do restaurante Sim Sobá.

SERVIÇO

Restaurante Sim Sobá (só Delivery e Take Away)
Rua Zacarias de Góes, 1770 (Campo Belo)
Funcionamento: sexta-feira a domingo, das 18h às 22h
Fone: 2892-0527
Fone/whatsapp: 98696-5212
www.simsoba.com.br
www.facebook.com/simsoba
Instagram: @simsoba

Gostou da nossa matéria “Que tal provar em casa o Sobá, um prato bem diferente?“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.325 outros assinantes

Esfiha igual da cantina da escola?

Atire a primeira pedra quem não fica com água na boca ao pensar naquela receita caseira de esfiha quentinha que aquece a alma e arrasa corações?

A esfiha sempre foi a pedida certa na cantina da escola e nas lanchonetes. Agora, ganha uma versão prática e saborosa pelas mãos do Chef Melchior Neto.

Confira! 

Esfiha da Cantina da Escola
Por Chef Melchior Neto

INGREDIENTES
Massa
10g de fermento biológico seco2 colheres (sopa) de açúcar
200ml de água morna
1 colher (sopa) de azeite
350 g de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal

Recheio
300g de carne moída
Suco de 2 limões
2 tomates picadinhos
½ cebola picada
Sal e pimenta Síria a gosto

MODO DE PREPARO
Massa
Em um recipiente misture o açúcar e o fermento biológico seco na água morna e deixe descansar por 15 minutos. Coloque o sal e o azeite e depois acrescente a farinha de trigo, dando aquela sovada até a massa ficar lisa. Cubra a massa com um pano seco e deixe descansar até que a massa dobre de tamanho.

Recheio
Em uma panela refogue a carne moída com a cebola picada, o suco de limão, o tomate e finalize temperando com sal e pimenta síria. Depois, retire toda a água da carne com uma peneira e reserve o recheio.

Montagem
Divida a massa já crescida em 8 bolinhas iguais. Abra a massa, coloque o recheio e feche as três pontas como um triângulo. Use ovo batido como cola nas bordas. Em uma forma com farinha de trigo polvilhada, vire cada esfiha com o lado liso para cima. Passe o ovo batido e leve ao forno pré-aquecido 250° por 20 minutos. Prontinho!

Serviço:
Gema Restaurante
Endereço: Rua das Paineiras, 378 – Jardim, Santo André– SP
Delivery e Drive Thru: 4436-3773/ 94357 8437 (Whatsapp) 

Gostou da nossa matéria “Esfiha igual da cantina da escola?“?

Esfiha igual da cantina da escola?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias e mais vagas de emprego abertas. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.325 outros assinantes

Programa de Estágio Scania 2021

A Scania, que está em atividade em São Bernardo do Campo desde 1962, está com inscrições abertas para seu programa de estágio neste ano de 2021. A empresa busca soluções de transportes mais limpas, eficientes e conectadas, bem como ampliar atuação na era digital. Esta é uma boa oportunidade para universitários alavancarem suas carreiras.

Os estudantes que estiverem matriculados a partir do primeiro semestre em algum destes cursos estarão aptos a participar da seleção: Administração, Economia, Contábeis, Engenharias, Direito, Marketing, Publicidade e Propaganda, Comércio Exterior, Secretariado, Sistemas de Informação, Análise de Sistemas, Comunicação, Relações Públicas, Psicologia, Jornalismo, Rádio TV e Internet, Arquitetura, Gastronomia, Técnico Mecânica, Técnico Mecatrônica, Técnico Logística, Técnico Cozinha e Nutrição.

Além disso, é necessário os estudantes terem disponibilidade de 4h a 6h diárias com flexibilidade de horário. Ainda, conhecimentos do Pacote Office intermediário (Inglês básico, intermediário e avançado, de acordo com a necessidade da vaga).

As etapas do processo seletivo são: INSCRIÇÃO (veja logo abaixo o link para se candidatar), INTERSHIP GAME (em plataforma digital); ENTREVISTA (a princípio remoto, por conta da pandemia); PAINEL DE NEGÓCIOS, ADMISSÃO E ENTREGA DE DOCUMENTOS e INÍCIO previsto para agosto deste ano.

Os admitidos serão contemplados com os benefícios oferecidos pela Scania: Ambulatório Médico, Assistência médica e odontológica, Bolsa-auxílio, Clube Scania, Desconto na compra de veículos VW, Estacionamento, Fretado e auxílio-transporte, Programa de desenvolvimento, Recesso remunerado, Restaurante no local e Seguro de vida.

Faça sua inscrição em https://www.ciadeestagios.com.br/vagas/scania/. Para efetuar seu cadastro, você poderá utilizar seu perfil no Facebook, Linkedin ou Google, ou ainda apenas preencher os dados solicitados.

Veja mais Oportunidades

Gostou da nossa matéria “Programa de Estágio Scania 2021“?

Programa de Estágio Scania 2021
Foto: Divulgação

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.325 outros assinantes