Arquivo da tag: gratuita

Arraiá Itinerante passa pelo Shopping Praça da Moça neste fim de semana

Neste fim de semana, dias 19 e 20, quem passar pelo Shopping Praça da Moça pode aproveitar o Arraiá Itinerante. Às 14h, 16h30 e 19h, o público se diverte com músicas típicas e atores dançando vestidos a caráter para entrar no clima.

Como uma das brincadeiras mais tradicionais das festas juninas, a pesca premiada não poderia faltar. Em carrinhos temáticos, a criançada pode aceitar o desafio e tentar fisgar aquele peixinho especial que vai garantir um brinde na hora.

As inteirações têm duração de 40 minutos e circulam pelo empreendimento a fim de evitar aglomerações, respeitando todos os protocolos contra a Covid-19.

Arraiá Itinerante Shopping Praça da Moça
Dias 19 e 20, às 14h, 16h30 e 19h
Evento Gratuito

Shopping Praça da Moça
Telefone: (11) 4057-8900
WhatsApp: (11) 94709-5754
www.shoppingpracadamoca.com.br
Rua Manoel da Nóbrega, 712 – Centro, Diadema
Estacionamento:  Carros 9 reais até 3 horas + 1 real por hora adicional ou fração / Motos 9 reais a diária

Mais Notícias do Grande ABC

Gostou “Arraiá Itinerante passa pelo Shopping Praça da Moça neste fim de semana”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro. Veja também as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Entre Séries.

Junte-se a 2.706 outros assinantes

Programa de capacitação em Santo André: o maior para a transformação digital do Brasil

Visando contribuir com o processo de transformação digital em curso no Brasil e na cidade de Santo André e colaborar para que não ocorra um “apagão” da mão de obra para o setor de Tecnologia da Informação, a Prefeitura de Santo André, por meio do Parque Tecnológico, lançou nesta sexta-feira (21) o programa CapacitaTech, que reúne e oferece oportunidades para mais de 7.000 cursos de capacitação gratuitos na área de Tecnologia da Informação.

Os cursos de qualificação são ofertados por cerca de 80 organizações e empresas do Brasil e do mundo. Além dos cursos, o CapacitaTech também conta com outras 42 oportunidades para certificações profissionais.

“A capacitação é um recurso valioso para possibilitar novas oportunidades e recolocação no mercado de trabalho. Neste momento de pandemia, em que precisamos fortalecer a retomada econômica, a oferta desses cursos favorece a ocupação de novas vagas de emprego, gerando renda para a nossa gente”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

O CapacitaTech será realizado sem custos por parte da Prefeitura, em parceria entre o Parque Tecnológico com o especialista em TI&C Jaime Linhares Laibda Junior, que junto a uma grande comunidade da área, consolida a informação para interessados no setor.

Segundo Junior, a iniciativa tem despertado a atenção até mesmo de outros países. “Criei o Guia em 2009, durante a faculdade, e hoje os documentos já passaram de 100 mil downloads. Essa semana mesmo um pessoal de Moçambique entrou em contato comigo para agradecer. Achei bem bacana a iniciativa da parceria por parte da Prefeitura, que além de tudo ainda ajuda o alcance do guia. Não é comum ver o poder público ter uma iniciativa assim”, contou.

Para conferir todas as ações oferecidas pelo CapacitaTech, basta acessar o Portal do Parque Tecnológico por meio do link https://bit.ly/capacitatech-santoandre.  Como forma de mapear os alunos que estão buscando a qualificação, a Prefeitura também lançou a campanha #CapacitaTechSantoAndré.

Necessidade de mão de obra – Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (BRASSCOM), até 2024 o setor de Tecnologia abrirá cerca de 290 mil vagas de emprego, uma demanda de mais de 70 mil profissionais por ano em um cenário que o Brasil forma em torno de 46 mil. Segundo a Associação, o investimento de R$ 346 bilhões ao ano até 2024, previsto para o setor, fica comprometido caso a demanda de profissionais não seja atendida.

Da escassez de mão de obra e da importância do setor para a economia local vem o esforço do Parque Tecnológico de Santo André, no âmbito do programa Escola de Ouro Andreense, em apresentar soluções práticas para fomentar a qualificação de profissionais para a área, atuando como um hub de oportunidades gratuitas de cursos ofertados por empresas, organizações e entidades.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato, a iniciativa se previne ao apagão de mão de obra qualificada e de formação acadêmica que tem sido debatido em diversos encontros e debates de políticas públicas.

“Lançamos o CapacitaTech alinhados com o quarto objetivo de desenvolvimento sustentável da agenda 2030 da ONU, que visa assegurar uma educação inclusiva, equitativa, de qualidade e, preferencialmente, gratuita de aprendizagem.  Diante de todas essas informações, estamos lançando a maior iniciativa de qualificação para a transformação digital do Brasil atentos ao cenário do mercado de trabalho e nas perspectivas para o futuro”, disse.

Cursos de qualificação profissional – Com a expectativa de melhora no quadro geral da pandemia, a próxima fase de ação da Prefeitura é iniciar um amplo programa para retomada da atividade econômica, com programas estruturados de qualificação ao pequeno empreendedor e aos trabalhadores em geral para a retomada no mercado de trabalho. Também estão previstos programas de fomento ao comércio local e iniciativas para melhorar o acesso a oportunidades de crédito, dentre outras iniciativas a serem anunciadas nos próximos meses.

Partes destas iniciativas já estão sendo iniciados, como o programa de qualificação ao pequeno empreendedor. Por meio do Travessia Grande ABC, realizado em parceria com o Sebrae e Consórcio Intermunicipal do ABC, há a estimativa de atendimento a cerca de 500 empresas.

Também já foram retomadas as oficinas do Circuito Andreense de Empreendedorismo, que é focado no apoio ao empreendedor de bairro e que prevê o atendimento a aproximadamente 400 empresas no ano.

Os programas de qualificação técnica da Escola de Ouro Andreense também já estão retomando sua força, com a oferta de cinco turmas de qualificação que foram realizadas no mês de abril em diversas áreas  e que contaram com pagamento de bolsa auxílio de R$ 210.

Parque Tecnológico de Santo André – Atualmente, Santo André conta com o Parque Tecnológico e de Inovação, que é parte fundamental da política de desenvolvimento econômico já em operação pela Prefeitura e tem como missão promover a inovação e competitividade nas empresas, potencializando as estruturas já existentes na cidade e região, estimulando a extensão tecnológica nas instituições de ensino superior e atuando nas oportunidades econômicas do ABC.

Em breve, o Parque Tecnológico passará a contar com o Cite (Centro de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo de Santo André), um dos braços que sustentará os trabalhos do Parque, unindo diferentes áreas. Na última quarta-feira (19), inclusive, o prefeito Paulo Serra recebeu em seu gabinete o ex-senador José Aníbal, que acompanhou a explanação de como funcionará o espaço.

O Centro de Inovação terá local físico dentro do Parque Tecnológico, que ficará na antiga área da Rhodia Química, em cerca de 7.000 metros quadrados de área construída. O piso térreo trará áreas de exposição, eventos, apresentações, treinamentos, entre outros. Já o piso superior reservará salas integradas para reuniões, apoio administrativo, coworking, entre outras atividades. Assim, os interessados poderão participar por concessão aberta, direcionada, locação de espaços, parcerias institucionais e naming rights.

O projeto executivo segue em realização, com fase de consolidação e licitação programados para o segundo semestre deste ano. A expectativa de entrega é entre 2022 e 2023. Para a construção serão investidos R$ 27 milhões oriundos do Ministério do Desenvolvimento Regional, somados a R$ 2 milhões de contrapartida da Prefeitura.

O Parque Tecnológico de Santo André traz em sua essência a integração e colaboração entre os atores locais de ciência, tecnologia e inovação, e irá se somar às estruturas já existentes das sete cidades que compõem o Polo Tecnológico do ABC, uma região com economia altamente relevante para o país, com o quarto maior PIB do Brasil, terceiro maior valor adicionado da indústria e com o quinto maior mercado consumidor do país.

Entre as iniciativas do Parque Tecnológico está o Hub de Inovação, que apoia e fomenta empresas que queiram desenvolver pesquisas, novos produtos e processos de forma sistemática e continuada.

No início de maio, com o objetivo de promover a competitividade das empresas locais e fomentar o ecossistema de inovação da cidade, o Parque Tecnológico recebeu representantes do Cofip (Comitê de Fomento Industrial do Polo do Grande ABC) para firmar uma parceria entre o Hub de Inovação e a entidade que representa 16 empresas do polo petroquímico.

O Hub de Inovação do Parque Tecnológico faz a ligação entre estas empresas e startups, universidades, Centros Tecnológicos e ICTs da região, promovendo maior integração e fortalecimento do ecossistema de inovação do ABC.

Mais recentemente, no último dia 12, o Hub de Inovação contou com o início da atuação da Mercedes-Benz, que apresentou em encontro promovido pelo Parque Tecnológico seus cinco desafios ligados à eletrificação e ao desenvolvimento de conhecimento e novas competências em baterias de alta potência.

Além da Cofip e da Mercedes, o Hub também conta com iniciativas juntamente com Prometeon Tyre Goup e Tim.

Outro braço fundamental do Parque Tecnológico é o Bureau de Serviços, uma estrutura integrada de atendimento, que unifica a rede de serviços tecnológicos da cidade de Santo André e região. A ferramenta da Prefeitura de Santo André promove mais de 120 serviços ofertados pela rede de inovação da cidade.

Para conferir todas as iniciativas do Parque Tecnológico de Santo André, basta acessar o site http://www3.santoandre.sp.gov.br/parquetecnologico/.


| Texto: Renan Muniz
| Fotos: Helber Aggio/PSA

Programa de capacitação em Santo André

Gostou da nossa matéria “Programa de capacitação em Santo André: o maior para a transformação digital do Brasil“?

Programa de capacitação em Santo André

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.706 outros assinantes

Qualifica Mais-Emprega Mais com inscrições abertas e gratuitas

Jovens de até 29 anos podem participar de cursos de qualificação profissional gratuita e online, que ainda oferecem auxílio para inserção no mercado de trabalho. As inscrições estão abertas para o programa Qualifica Mais-Emprega Mais.

Isso porque uma parceria dos ministérios da Educação (MEC) e da Economia consolidou o programa Qualifica Mais-Emprega Mais, que oferta 6.069 vagas de estudos na área de tecnologias da informação e comunicação (TICs).

São três cursos oferecidos nessa fase: programador de sistemas, programador web e programador de dispositivos móveis, com duração de cerca de 200 horas cada.

As atividades estão com inscrições abertas neste momento para residentes de 11 regiões metropolitanas do País: Salvador, Fortaleza, Brasília, Belo Horizonte, Recife, Florianópolis, Joinville, Porto Alegre, Curitiba, São Paulo e Campinas. 

A seleção dos estudantes será realizada pela plataforma EduLivre, que permite o preenchimento de uma trilha educacional em que os candidatos se familiarizam com o contexto do mercado de trabalho que pretendem se inserir. 

A trilha ficará aberta até o dia 11 de abril. Um dia depois, os jovens selecionados receberão um e-mail para a confirmação de matrícula. As aulas estão previstas para começar em 10 de maio.

Como participar?

Acesse o site do programa e faça seu cadastro https://www.gov.br/mec/pt-br/acesso-a-informacao/institucional/secretarias/secretaria-de-educacao-profissional/projeto-piloto-qualifica-mais .

Fonte: Brasil 61

Gostou de “Qualifica Mais-Emprega Mais com inscrições abertas e gratuitas?

Então, aproveite e assine nossa newsletter e seja noticiado assim que publicarmos novas matérias! Ah, leia mais sobre o que acontece no ABC Cidades todo dia no Grande ABC.

Junte-se a 2.706 outros assinantes

RP faz testes de covid-19 para moradores acima de 12 anos

Para realizar o exame gratuito, necessária apresentação de comprovante de endereço, documento com foto, CPF e, para profissionais, identificação de trabalho (crachá)

A Prefeitura de Ribeirão Pires realizará até essa sexta-feira, dia 27, os testes gratuitos de covid-19 entre moradores com idade acima de 12 anos. Pessoas com doenças crônicas que residam no município, profissionais da concessionária Rigras, da Segurança Pública e da saúde (redes particular e pública) também podem fazer a testagem. A ação acontece na Escola Municipal Engenheiro Carlos Rohm I – Rua Ana Maria Rodriguez Fernandez de Lima 170 – Centro (antiga Rua 1º de Maio), de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.

Diariamente, são distribuídas 600 senhas – quantidade limitada à capacidade de coleta e processamento dos exames. Para a retirada da senha, é necessária a apresentação de documento com foto (RG ou CNH), CPF, Cartão SUS e comprovante de endereço no município. Para pacientes com doenças crônicas que não passam na rede municipal de saúde (e usam Cartão SUS) será necessária apresentação de receita de medicamento de uso contínuo. Profissionais da saúde da cidade, da segurança ou motoristas de transporte público deverão apresentar identificação de trabalho (crachá).

Reforço na testagem de covid-19 – A Secretaria de Saúde de Ribeirão Pires recebeu neste mês a doação de testes do Instituto Butantan. Além dos kits para testagem, o município foi contemplado com um novo sistema para enviar, via internet, as amostras coletadas, por meio de um leitor chamado Hilab, – dispositivo laboratorial desenvolvido pela Hi Tecnologies em sinergia da Intel e Microsoft.

O novo sistema funciona da seguinte forma: as equipes que estão aplicando o teste registram os dados do paciente no sistema, preenchem questionário com informações sobre a doença, coletam sangue e inserem a amostra no leitor, que envia os dados ao laboratório para análise.

Em cerca de 30 minutos, o resultado do teste é disponibilizado ao paciente por sms e/ou e-mail. Os testes realizados nesta nova fase são do tipo IGG/IGM.

Mutirão de testes para HIV e Sífilis na estação Brás do Metrô

Ações acontecem em 12, 19 e 26 de novembro e ofertam testes rápidos, preservativos e materiais informativos

A Secretaria de Estado da Saúde promove nesta quinta-feira (12), das 10h às 14h30, uma ação de testagem para HIV e Sífilis, IST (infecções sexualmente transmissíveis) que podem ser evitadas com uso de métodos preventivos e diagnosticadas precocemente. Por isso, serão 250 testes rápidos para cada doença, com distribuição de 7,2 mil preservativos masculinos, 600 preservativos femininos, 2 mil sachês de gel lubrificante e materiais informativos. A iniciativa acontece na estação Brás do Metrô, na linha 3-Vermelha, e deve se repetir nos dias 19 e 26 de novembro.

A ação conta com a participação de 50 profissionais do Centro de Referência e Treinamento (CRT) DST/Aids-SP, braço operacional da Secretaria de Saúde de SP que coordena a testagem, com apoio do Metrô. Os testes rápidos são práticos e de fácil execução, com resultado em 30 minutos, além de serem gratuitos, confiáveis e não requererem jejum.

“Anualmente, promovemos ações de conscientização acerca destas doenças infelizmente ainda pouco faladas na sociedade. A ideia é desmistificar os tabus e prestar toda a assistência e orientação à população”, explica o coordenador do Programa Estadual DST/Aids-SP, Alexandre Gonçalves. “A testagem é indicada para todos que têm vida sexual ativa, em especial profissionais do sexo e pessoas com múltiplos parceiros”, completa.

Os testes rápidos possibilitam que a população tenha acesso ao seu resultado de forma ágil e, caso o resultado ateste positivo para HIV ou sífilis, uma nova amostra de sangue é coletada e encaminhada para teste laboratorial para confirmação de diagnóstico. Se o resultado for positivo, o paciente é encaminhado a serviço de referência assistencial para início do tratamento. Nos casos em que o resultado se apresenta negativo, a equipe reforça as formas de prevenção e fornece todas as orientações sobre as doenças, a fim de reduzir cada vez mais o número de pessoas infectadas.

Além destas ações pontuais de testagem, o Programa Estadual DST/Aids-SP disponibiliza tratamento e testes de sífilis e anti-HIV, que visam o diagnóstico precoce e podem ser realizados o ano todo. Essa política tem contribuído para o diagnóstico e tratamento oportuno de gestantes durante o pré-natal.  Mais informações podem ser encontradas no site http://www.crt.saude.sp.gov.br, ou através do telefone 0800 16 25 50.

Dicas de prevenção de ISTs

– Use camisinha do começo ao fim da relação sexual;

– Nunca utilize o mesmo preservativo por mais de uma vez;

– Não compartilhe objetos perfuro-constantes, como seringas e agulhas;

– Gestantes devem realizar os testes de sífilis e Aids, prevenindo e evitando a transmissão das doenças ao feto.

Dados

A sífilis pode ser transmitida através de relações sexuais desprotegidas (sífilis adquirida), que pode acometer a população adulta e as gestantes; por transmissão vertical (sífilis congênita), quando ocorre a transmissão da doença da mãe para o bebê durante a gravidez (sífilis gestacional). No Estado de São Paulo, foram notificados, em 2019, 37.299 casos de sífilis adquirida, 4.013 de sífilis congênita e 12.676 casos de sífilis em gestantes.

Já a Aids, ou Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, é uma doença infectocontagiosa causada pelo vírus HIV (Human Immunodeficiency Virus). Pode ser transmitida através da relação sexual desprotegida, assim como a sífilis, ou por meio do contato com mucosas ou área ferida do corpo, além do compartilhamento de seringas e agulhas. O primeiro caso da doença ocorreu em 1980 e, até junho de 2019, foram notificados 105.422 casos de pessoas infectadas pelo HIV em SP.

Assistência Jurídica Gratuita em São Bernardo do Campo

Os moradores de São Bernardo do Campo podem contar com a assistência jurídica gratuita mantida por uma das mais importantes instituições de ensino jurídico do país, a Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo. Os postos fornecem orientação jurídica nas diversas áreas do Direito, entre elas: previdenciário, trabalhista, consumidor, família.

O Escritório-Escola é um posto de atendimento à população carente de São Bernardo do Campo, destinado a prestar assistência jurídica gratuita, coordenado pelo Prof. Roberto Bahia.

O Escritório-Escola oferece apoio jurídico nas diversas áreas de direito, que pode ir além da orientação. Se necessário, nossos estagiários, supervisionados por advogados e professores, vão à Justiça para realizar separações, divórcios, investigação de paternidade ou buscar pensões alimentícias.

Horário de Atendimento: segundas-feiras e quartas-feiras, das 13h às 16h e às terças-feiras e quintas-feiras, das 8h às 11h.
Endereço: Rua Java, 425 – acesso pela Rua Barentz s/nº – Jardim do Mar – São Bernardo do Campo
Telefone: (11) 3927-0280