Jogue Limpo com Diadema: 90 dias de trabalho completados

Trabalhando muito para deixar a cidade mais bonita e saudável. Esse é o dia a dia da Campanha Jogue Limpo com Diadema que está completando três meses. Nesse período, a prioridade foi tirar, emergencialmente, das ruas mais de 11.200 toneladas de entulhos e outros resíduos.

De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, o Jogue Limpo com Diadema é responsável pela execução de diversas atividades. Nesses três meses de trabalho, os principais serviços apresentaram os seguintes números: varrição (1.732.707 metros);  capinação (62.939 metros); roçada (1.000.182 m²); limpeza de feira livre (1.410.239 m²); manutenção arbórea (1.060 podas; 48 cortes; 80 plantios; 48 pedidos de rebaixamento à ENEL); zeladoria (18 praças).

Outras medidas para melhorar a limpeza urbana estão no plano de trabalho da Campanha Jogue Limpo com Diadema. Já em execução, constam a intensificação da fiscalização integrada contra o descarte irregular de resíduos, com o apoio da GCM Ambiental, e a recuperação e revitalização de pontos críticos de despejo ilegal de lixo.

No campo da limpeza urbana, o objetivo da Prefeitura, nos próximos meses, é ampliar o número de ecopontos municipais, implantar e promover a coleta seletiva na cidade, estimular a organização cooperativa de catadores, entre outras ações.

“A avaliação positiva da limpeza urbana anima ainda mais a nossa equipe e mostra que a Gestão Filippi está no caminho certo. É muito importante destacar que a maior parte da população também está de parabéns, porque colabora para manter a cidade mais limpa e bonita, fazendo uso dos ecopontos”, disse o secretário de Meio Ambiente de Diadema, Vagner Feitoza, o Vaguinho. “Se todos colaborarem, vamos economizar recursos e poder investir mais em outras áreas”, finalizou.

Pesquisa INDSAT

De acordo com a pesquisa publicada no site da INDSAT, especializada em medir a satisfação de serviços públicos, Diadema registrou Alto Grau de Satisfação em Limpeza Pública em levantamento realizado na primeira semana de maio. 

Ainda segundo a INDSAT, a Campanha Jogue Limpo com Diadema é conhecida por 42,7% dos moradores e obteve 72,6% de ótimo e bom, 17,1% de regular e apenas 10,3% de ruim e péssimo.

Ao todo, a INDSAT ouviu 600 moradores da cidade maiores de 16 anos. A Limpeza Pública obteve 49% de ótimo e bom, 31,5% de regular e 19,5% de ruim ou péssimo. O importante resultado do setor teve na campanha “Jogue Limpo com Diadema” o seu principal propulsor, destacou a INDSAT. “Os números revelam que a campanha deu certo. Em apenas 3 meses, ela já é reconhecida por quase metade dos moradores de Diadema. Mantendo esse ritmo, é muito provável que os resultados da Limpeza Pública tornem-se ainda mais expressivos nos próximos levantamentos”, analisou Paulo Ricardo Gomes, diretor de Planejamento da INDSAT.

Segundo a INDSAT, a margem de erro do estudo em Cidades de Grande Porte (CGP) é de 4% sob um intervalo de confiança de 95%. Embora seja esse o primeiro estudo realizado em Diadema, a medição já é existe na Grande São Paulo, desde 2016, utilizando a mesma metodologia nas cidades de São Paulo, São Bernardo do Campo, Santo André, Guarulhos, Osasco e Mauá.

Com informações da Prefeitura de Diadema.

...

Gostou de “Jogue Limpo com Diadema: 90 dias de trabalho completados”?

Jogue Limpo com Diadema: 90 dias de trabalho completados
Fotos: Dino Santos

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Junte-se a 1.032 outros assinantes

Jogue Limpo com Diadema: apreensão de carro e multa para sujão

Desde o início do ano, a nova gestão da Prefeitura tem recolhido milhares de toneladas de entulhos e outros resíduos jogados ilegalmente por toda a cidade. Para acabar com esse descaso, a partir de hoje, 26/4, a Campanha “Jogue Limpo com Diadema”, com apoio da GCM, vai apertar a fiscalização contra os sujões.

O primeiro flagrante, ocorrido por volta das 12 horas, nas proximidades da avenida Brasília, no Jardim Campanário, resultou na apreensão do automóvel e multa de dois mil reais, por despejar dez sacos de entulho no passeio público. O infrator, que é morador da cidade, teve seu veículo guinchado e recolhido ao pátio.

A multa para quem despejar irregularmente lixo e entulho varia de acordo com a quantidade e o local. Na ocorrência acima, a multa foi de natureza leve. Mas a multa para os sujões pode alcançar o valor de até R$ 4 mil e outras penalidades junto a Delegacia de Crimes Ambientais.

Na cidade, a Prefeitura mantém dez ecopontos municipais para que os moradores descartem, gratuitamente, até 1 m³ de entulho por semana. Além de resíduos da construção civil, os locais também recebem móveis velhos, outros bagulhos e também materiais recicláveis. Não há mais serviço de recolhimento porta a porta.

A operação integrada de fiscalização da Campanha “Jogue Limpo com Diadema” conta com fiscais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA), do Departamento de Limpeza Urbana e integrantes da GCM Ambiental.

“É um absurdo a falta de consciência e cidadania dos sujões. Esse local, no qual fizemos o apreensão havia sido limpo na sexta passada. Desde o começo do ano, estamos investindo em ações educativas, mas agora vamos multar e apreender quem sujar a cidade”, explica o secretário municipal de Meio Ambiente, Vagner Feitoza, o Vaguinho. “Com a cidade mais limpa, a Prefeitura vai economizar recursos e investir em outras áreas como saúde, educação, segurança e outros”, completou.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente de Diadema, a Prefeitura gasta cerca de R$ 13 milhões por mês para recolhimento geral desses entulhos e bagulhos. A maior parte desse valor é para fazer a limpeza desses pontos críticos de descarte irregular.

A SEMA fez um mapeamento dos pontos críticos de descarte de lixo e entulho. Em janeiro, eram 180 pontos de sujeira pela cidade. Agora, depois das primeiras ações da Campanha “Jogue Limpo com Diadema”, a pasta contabiliza cerca de 120 locais. Mas o objetivo da pasta é reduzir ainda mais os pontos de descarte e aumentar o uso dos ecopontos por parte dos moradores.

Além de intensificar a fiscalização, a SEMA vai continuar fortalecendo ações de educação ambiental por toda a cidade. Outra medida a ser adotada, visando a limpeza da cidade e a valorização dos catadores e a defesa do meio ambiente, é a implantação da coleta seletiva.

A população pode ajudar a fiscalizar também e denunciar pelo telefone 4059-7600.

Os endereços e horários dos ecopontos municipais estão disponíveis no site www.diadema.sp.gov.br .

Gostou da nossa matéria “Jogue Limpo com Diadema: apreensão de carro e multa para sujão“?

Jogue Limpo com Diadema: apreensão de carro e multa para sujão
Foto: Divulgação

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias e mais vagas de emprego abertas. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.032 outros assinantes

Auxiliar de Serviços Gerais Hospitalar, em Santo André

Oportunidades para auxiliar de serviços gerais hospitalar são para o Mário Covas, em Santo André. É necessário ter o ensino fundamental concluído. Vaga disponível também para PCD.

OBS: Apenas divulgamos as vagas, não solicitamos nenhum dado pessoal ou currículo. Nos canais abaixo compartilhamos mais publicações sobre vagas, NUNCA exigimos cadastro no Jornal Grande ABC. Responsabilidade das ofertas é por parte dos contratantes.

Grupo de divulgação de vagas no Facebook (clique aqui)
Canal de divulgação de vagas no Telegram (clique aqui)

Conheça nossa parceria com o site Lista de Vagas. Visite e confira mais vagas verificadas e reais.

Auxiliar de Serviços Gerais Hospitalar

Auxiliar de Serviços Gerais (clique aqui)

Contratação Efetiva – CLT (Disponível também para PCD)
Salário: R$ 1.277,0
Benefícios: VALE-TRANSPORTE, ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA, ASSISTÊNCIA MÉDICA, REFEIÇÃO NO LOCAL e CESTA BÁSICA
Horário: Não informado
Local de Trabalho: Hospital Mário Covas, Santo André
Requisitos: Ensino Fundamental Completo
ATIVIDADES: Atuar conforme os procedimentos corretos de coleta; Recolher dos expurgos, todos os grupos de resíduos; Pesar os resíduos por grupo; Conferir identificação dos resíduos por grupo, antes do descarte; Verificar nível de acondicionamento por grupo de resíduos nos abrigos externos;

Segregar os resíduos por grupo em cada abrigo externo; Passar todas as informações de peso dos resíduos por grupo, no livro diário de coleta; Executar o acondicionamento dos resíduos por grupo; Realizar vistoria nos expurgos do hospital, a fim de manter a ordem durante o plantão;

Acompanhar a segregação coleta seletiva; Zelar pela manutenção e limpeza dos equipamentos, ferramentas, EPI’s e uniformes; Cumprir as normas e procedimentos estabelecidos pela empresa; Efetuar outras atividades correlatas à função.

Mais Vagas no Grande ABC

Pensando em mudar de carreira ou se preparar melhor para entrevistas de emprego? Conheça a RC Locus, referência em Recrutamento & Seleção, em todos os níveis.

Gostou “Auxiliar de Serviços Gerais Hospitalar”?

Auxiliar de Serviços Gerais Hospitalar
Foto: Divulgação

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Junte-se a 1.032 outros assinantes

Diadema adia vencimento do IPTU e da Taxa de Lixo para dia 5/2

A Prefeitura de Diadema adiou mais uma vez os vencimentos da parcela única e da primeira parcela dos carnês de IPTU e da Taxa de Lixo. O novo prazo para pagamento dos carnês é 5 de fevereiro. Diadema adia vencimento do IPTU por conta de atrasos no recebimento dos carnês, por parte dos contribuintes.

Mesmo que o munícipe receba o carnê com o primeiro vencimento, ele poderá pagar os tributos até a nova data sem juros.

No caso da parcela única, terá direito aos descontos legais. “Identificamos que muitos moradores ainda não haviam recebido os carnês e não podemos deixar que sejam prejudicados por erros cometidos pela gestão anterior”, afirma Francisco Funcia, secretário de Finanças de Diadema.

Ele reforça que tanto a confecção quanto a logística da entrega desses carnês foram responsabilidade da administração passada.

Taxa de Lixo

A decisão de retirar  a taxa da coleta e destinação de resíduos domiciliares (Taxa de Lixo) do carnê do IPTU para ser cobrada separadamente na conta de agua e esgoto da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo)  ou por outro carnê da Prefeitura também  foi decisão do governo passado, conforme Lei Municipal nº 3.949/20. A atual administração está estudando como resolver essa questão, que tem gerado muitas dúvidas e reclamações por parte da população.

Para tirar dúvidas, entre em contato com a Secretaria de Finanças de segunda a sexta-feira no telefone: 4057.8066 ou no e-mail – central.atendimento@diadema.sp.gov.br. Acesse também o portal da Prefeitura – www.diadema.sp.gov.br – e conheça as sete principais dúvidas que os cidadãos e cidadãs têm sobre o assunto.

Gostou de “Diadema adia vencimento do IPTU e da Taxa de Lixo para dia 5/2“?

Então, assine nossa Newsletter e receba nosso conteúdo em seu email, assim que publicarmos. Não deixe de comentar logo abaixo também. Leia mais no sobre Nossa Região.

Diadema adia  vencimento do IPTU e da Taxa de Lixo para dia 5/2

Coleta e limpeza do Centro comercial é reforçada pela SEMASA

Por causa do aumento do fluxo de pessoas no Centro comercial de Santo André, em razão das compras de fim de ano, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) está reforçando as ações de zeladoria, limpeza e coleta na região. Dessa forma, a ação se concentra no calçadão da rua Coronel Oliveira Lima e nas vias do entorno.

Foram instalados dez Postos de Entrega Voluntária (PEVs) para facilitar o descarte de resíduos secos, principalmente pelos comerciantes. Apesar da pandemia, a expectativa é que as vendas aumentem em dezembro. Portanto, outra medida tomada foi a extensão de horário da passagem do veículo elétrico que atua na coleta de resíduos no calçadão. Sendo assim, com o objetivo de acompanhar o fechamento do comércio.

Coleta e limpeza do Centro comercial
Coleta e limpeza do Centro comercial

Além dos serviços especiais, a região conta com varrição noturna e aos domingos, o que garante a limpeza e conservação. A coleta de resíduos úmidos acontece diariamente, também no período noturno.

Para garantir a zeladoria da região e o descarte correto de lixo, o Semasa disponibiliza ao longo de toda a rua Coronel Oliveira Lima e nas vias adjacentes 57 papeleiras. Constantemente, os equipamentos são esvaziados e recebem higienização sempre que necessário.

| Texto: Paloma Alvarez  

Mais que resíduos, recursos!

Um dos maiores problemas da humanidade é como agir em relação ao lixo. Lixo? Primeiramente, já começamos desmistificando esse termo horrível, do qual se subentende ‘sem serventia’.  Tudo que consumimos é considerado ‘resíduo’ e, mais que isso, Recurso; afinal, é um recurso natural extraído da natureza, que causa grandes impactos negativos à biodiversidade e aos próprios seres humanos e que pode ser utilizado novamente. Portanto, essa mudança de perspectiva é importante para tratarmos de forma mais adequada a questão.

Entre os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODSs – da ONU, que representam metas de todos os países para serem cumpridas até o ano de 2030, o 12º ODS ‘Consumo e produção sustentáveis’, define objetivos para governos, empresas, população e todos os outros setores da sociedade, como responsáveis e peças-chave para uma reflexão sobre o consumismo desenfreado que instiga a produção de novos bens: faz-se urgente o repensar sobre um novo modo de vida, menos capitalista, que privilegie o não consumo exagerado, o compartilhamento desses bens e retorno a um ciclo produtivo.

São os 5 Rs da Sustentabilidade que nos direcionam para um melhor entendimento e proposição de ações em relação aos resíduos, reduzindo a quantidade que é destinada a aterros sanitários (a maioria em seu limite de recebimento e tratamento de resíduos), um grande problema de saneamento básico do Brasil – os lixões a céu aberto:

– Repensar: 1º passo, relacionado às mudanças de mentalidade e comportamento, que direciona a um consumo mais consciente;

– Recusar: se eu repenso, automaticamente, recuso-me a comprar o que é desnecessário, o que a mídia me impõe como ‘receita de felicidade’;  

– Reduzir: se eu repenso e recuso, consequentemente, reduzo meu consumo;

As etapas acima são as mais importantes!

– Reaproveitar: se eu adquiri, posso reutilizar/reusar o produto, do jeito que comprei, por exemplo, potes de conserva de vidro, garrafas PET, entre tantos outros materiais, dando um novo significado, como produtos de artesanato com conceito sustentável, o que dá mais valor e abrange um público novo, cada vez mais preocupado com as questões socioambientais;

– Reciclar: a reciclagem, isto é, a transformação químico-física do produto inicial no mesmo ou em outro, pela indústria, seria a etapa menos importante. Porém, até quando não diminuirmos nosso consumo, ela deve ser incentivada e realizada pelos governos e empresas, como ‘solução’ para utilizarmos menos recursos naturais novos.  

Somos corresponsáveis, enquanto cidadãos com direitos e deveres, pela destinação correta desses recursos e, principalmente as empresas, que devem realizar a logística reversa (está prescrito em legislação esse compromisso, com penalidades às empresas caso comprovado descarte incorreto), ou seja, as embalagens devem retornar à empresa de origem ou outra, para que os resíduos voltem ao ciclo produtivo por meio da reciclagem.   

Podemos em casa, no trabalho e locais de estudo, separar nossos resíduos em 2 tipos, para facilitar o incentivo e ação efetiva: em orgânicos (restos de alimentos), para serem utilizados na compostagem (adubo para plantas, natural) e recicláveis (papel, metal, plástico e vidro). Tantos outros produtos podem ser reaproveitados, como materiais de construção e óleo de cozinha usado, reciclados, como pilhas, baterias, eletrônicos e descartados de forma adequada a não contaminarem o meio e pessoas, como medicamentos vencidos e materiais hospitalares utilizados em casa, como agulhas para tratar diabetes. 

Há cidades com coleta seletiva porta-a-porta, operação cata-bagulho, com ecopontos em que você leva seus resíduos, ‘ferros-velhos’ e catadores autônomos que sobrevivem desses materiais e os recolhem em sua porta também. Para materiais mais específicos, temos que pesquisar os locais que os recolhem e destinam corretamente.

Não há desculpas para não fazermos nossa parte! Reflita sobre suas reais necessidades, seu consumo e as formas de destinação que você pode colaborar, para um meio com mais qualidade de vida e bem-estar a todos.  

Carolina Estéfano

Caminhos Coletivos: educação e gestão socioambientais

https://www.facebook.com/caminhoscoletivos/
carolinaestefano@hotmail.com