Sonho de criança: de Santo André para Campo Grande

Toda criança, e mesmo adultos, ao ouvirem a música do comercial da Dolly irão, inevitavelmente, cantarolarem, nem que seja apenas nos pensamentos. Foi o que aconteceu com Rian, de 10 anos e morador de Campo Grande. Assíduo espectador dos desenhos em canais fechados, frequentemente assiste também os comerciais para todo o país. E o sonho de uma criança faria o inusitado trajeto Santo André x Campo Grande.

Para uma mãe da região sudeste, por exemplo, não seria problema se deparar com o pedido do filho. Rian desejava experimentar o guaraná Dolly. Porém, não há distribuição da bebida em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. O que fazer?

Rian é autista, e Viviane, sua mãe, procurou as formas possíveis para presentear seu filho, criança amável e carinhosa. A primeira alternativa seria enviar pelos Correios. Todavia, os valores para frete eram absurdos, inviabilizando o envio. A segunda, veio de forma inusitada. A família tem como amiga Luciana, moradora de Santo André, e a solução veio por meio do Senhor Getúlio, em conversa sobre … uma horta.

Luciana havia solicitado carro de aplicativo para ir ao dentista. No farol da Avenida Giovanni Bastista Pirelli, o motorista Getúlio fez um comentário sobre a Horta que estava ao lado, e começaram a conversar sobre mandioca (em Mato Grosso do Sul, a mandioca é tradicional). Getúlio disse que iria pra lá no dia seguinte, pois seu pai estava doente e tinha comprado a passagem, mas infelizmente ele veio a falecer. Ainda assim, disse que iria pra rever a irmã. Luciana comentou sobre Rian e sonho de conhecer o guaraná Dolly. De prontidão, Senhor Getúlio aceitou o pedido, mesmo de luto.

Liguei para Viviane e combinei com ela, falei para que tava levando um presente para o Rian. Não falei o quê que era, falei para ela que dentro de 2 minutos eu chego aí na sua casa e já tava perto já tava na rua.

Sr Getúlio

Rian era só alegria com a surpresa, agradecendo ao Sr. Getúlio todo instante. “Estou muito feliz mamãe, ele trouxe pra mim, ele lembrou de mim”, disse o pequeno fã da Dolly.

Ela já veio me receber e o garoto veio também para receber o presente, que era o guaraná Dolly. Eu me senti assim muito feliz de realizar o sonho do garoto. Porque para uma criança, uma simples bebida faz muita diferença. Ele ficou muito feliz, a gente tirou uma foto eu a minha irmã ele. E assim foi graças a Deus deu tudo certo!

SR GETÚLIO

A mãe ainda relata que ficou muito feliz e agradecida pelo gesto de bondade, que para muitos não significa nada, mas que para ela e o filho é um ato para ser lembrado e guardado com todo o carinho.

Sonho de criança: de Santo André para Campo Grande
Rian, com Sr. Getúlio e sua irmã, e o presente vindo de Santo André Foto: Arquivo de família

Gostou “Sonho de criança: de Santo André para Campo Grande”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Leia as últimas notícias e conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.253 outros assinantes