Qual o sentido da vida?

Lorena Pelais é autora de “Qual o sentido da vida?”?

Eis a questão mais intensa que possuímos …
Só conseguimos compreender com um pouco talvez de exatidão quando atribuímos nossa existência a um conhecimento externo, assim podemos compreender um pouco melhor o porquê e para que estamos aqui …

Todos como seres já passamos por essa dúvida em algum momento, quem sou, o que vim fazer e seus porquês…

Envolver-se com fatos históricos e com auxílio de uma experiência religiosa contribui positivamente, eliminando dúvidas assertivamente aprimora o “achismo” dando mais certeza que temos uma missão a qual devemos cumprir sem saber com exatidão de qual se trata, mas que temos uma função a ser desenvolvida dentro da sociedade e principalmente, não temos tempo para cultivar dúvidas, temos que ser eficaz e eficiente do erro ao acerto para evitar danos estrondosos a nós mesmos e aos que nos cercam.

Embora, achemos que estamos sós, sempre há alguém a procura de algo que assim como nós desconhece.

Um “ciclo vicioso e contínuo”

Isso resumiria a dádiva da vida e toda sua consistência?? Obtendo resultados expressivos de “plenitude existencial“, pós e contras, toda a dúvida que nos cerca e a força de vontade que nos fortalece continuamente nessa jornada que é Viver Costumam dizer : “A vida é uma festa!

Deleite-se, encha a cara e curta a ressaca, rsrs
Geralmente, nos sentimos embriagados em plena lucidez, delicie-se de uma ressaca moral de vez enquanto, é bom pra rever-se no todo em tudo como ser humano.

Repita esse processo quantas vezes for necessário, tire as melhores lições, cresça, evolua, liberte-se , nascemos livres, mas nos permitimos ser acorrentados a pensamentos hipócritas de uma sociedade insana devido ao cansado mental de ideias mal planejadas que são ditadas todos os dias para quem se acha ter o poder.

Somos seres pensantes e temos a obrigatoriedade de fazer adaptações aos termos definidos para que se enquadrem à realidade geral que cada um vive de acordo com os recursos morais, financeiros, culturais, religiosos que herdamos de nosso núcleo familiar, ao invés de, seguir “modinha”, batalhar pelas futilidades sociais que buscam nos entubar que saltam os olhos deslumbrando-se ao desnecessário e evasivo.

Batalhemos por um bom caráter, condições de educação, saúde e profissional dignas para que, assim, possamos reestruturar e moldar os conceitos arcaicos que nos forçam a seguir sem opção de escolha, só nos apresentam como o que é certo a fazer sem orientações específicas de sobrevivência na selva, “somos ovelhas lançadas ao lobo faminto” que nos persegue uma vida inteira, sem que possamos ter espaço e ar fresco para solidificar nossos pensamentos.

Obviamente, os tais ditadores das regras sairiam em desvantagens, uma multidão em prol de uma reforma existencial e quem sabe assim teríamos as amarras cortadas e desfrutaríamos da plenitude da liberdade de Ser e Existir em um mesmo espaço em tempo em uma só conexão extremamente harmoniosa e feliz!!!

Lorena Pelais ॐ∞

Leia mais em Xicas

Gostou “Qual o sentido da vida?”?

Photo by Lucas Pezeta from Pexels

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e veja nosso Caderno Cultural. Veja também as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 1.087 outros assinantes

10 filmes sobre saúde mental que te farão refletir

Transtornos mentais e tudo que envolve a saúde mental costumam ser carregados de preconceitos e na maioria das vezes esses preconceitos acabam prejudicando quem mais precisa de ajuda.

Para entendermos melhor, e nos colocarmos no lugar do outro, aqui vai uma lista de filmes que te farão entender melhor alguns problemas sérios, como a depressão.

  • Felicidade Por Um Fio
  • Querido Menino 
  • O Mínimo para Viver
  • Na Natureza Selvagem
  • Uma Mulher Sob Influência
  • O Lado Bom da Vida
  • Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças
  • As Vantagens De Ser Invisível
  • A Garota Ideal
  • Demolição 

Júpiter e Saturno: A Estrela de Belém

Nesta segunda (21), ocorreu o ápice de um evento astronômico raro: o alinhamento dos planetas Júpiter e Saturno. Os maiores do sistema solar.

Em um ano tão difícil e cheio de desafios, como 2020, o mês de dezembro trouxe essa surpresa especial. Nesse sentido, veio com muita inspiração e energias positivas para todos nós no novo ciclo que se aproxima.

Os astros pedem por mudanças e transformações. Seja na forma de pensar, de sentir ou de agir em relação a si mesmo e aos outros também. Portanto, é o momento de muita reflexão interior.

Júpiter e Saturno, e nós

Repense os seus projetos e reflita sobre o que gostaria de “SER”, “TER” e “FAZER” em 2021. O que gostaria de ver realizado? Além disso, saiba que é no momento de decisão que o seu destino é traçado.

Segundo a Lei da Atração: Tudo vibra. O que você pensa e sente está vibrando. E tudo o que vibra atrai algo na vibração semelhante para a sua vida. Então, se algo não muito bom acontece com você, comece a prestar atenção no que está vibrando, para poder atrair algo melhor. Segundo essa lei, tudo no que você foca a atenção será atraído pela força do pensamento.

Dessa maneira, a Lei da Atração diz que você atrai a realidade, ou seja, você acaba atraindo para sua vida tudo que sente ou pensa, sejam elas situações negativas ou positivas.

Caro leitor, desejo que 2021 seja o seu ano da mudança. Além disso, que possa realizar tudo aquilo que deseja e prioriza para sua vida.

Boas Festas e até breve!

Graça Decaro

Coach Metafísica, Terapeuta Holística, Escritora do eBook Depressão: A solidão da “Alma” e A Arte de Ser Feliz “Parar, Sentir e Perceber” Sitehttps://gracadecaro.wixsite.com/lifecoach-metafisico Telefone11 98588-3262 e-mailgraca.decaro@outlook.com.br Instagram@graca.decaro

Júpiter e Saturno

Então, assine nossa Newsletter e seja notificado em primeira mão.

A Sinceridade

Reflexões e dissertação sobre a sinceridade e nossa relação com ela.

O quão sinceros costumamos ser?!?
Se pararmos para uma reflexão, no entanto, qual seria a pontuação?!?
Será que dá pra pontuar?!?

Sinceramente, tenho minhas dúvidas.
A sinceridade abre muitas portas e fecha outras.
Muitas pessoas não estão dispostas a ouvir. Afinal, a verdade nem sempre é algo que massageia o ego, geralmente é o tapa sem mão que não se vê. Mesmo assim, em alguns casos, é necessário. Dessa forma, existem tantas formas de a expor, é uma questão de escolher bem as palavras que serão usadas.

A sinceridade fortalece laços e cria um ambiente confiável estabelecendo boas relações.
Permitindo conhecer o outro um pouco melhor e seus respectivos sentimentos, (não por completo, mas pelo menos a ideia central), mantendo o elo e criando relações vindouras.

Há muitos anos ouvi a seguinte frase:
“O excesso de sinceridade, se torna falta de educação!!”
De fato, marcante e muito útil.

A vida exige moderação. Desta forma, devemos ter uma cautela a mais, para que não haja ferimentos graves.

A sinceridade é um compromisso interno e pessoal. Portanto, você deve ser meticuloso e pensar, antes de exteriorizar.

Palavras podem ser “duras”, pesadas, ganham força através da entonação que são usadas. Sendo assim, uma opinião pode tornar-se julgamento, sem que essa seja a intenção.

Use as palavras com sinceridade e sabedoria, pense, repense, não se pronuncie em vão.
Como costumam dizer:
“Ouvir é ouro, falar é prata!”
ॐ∞

Leia mais em Xicas

Papai Noel Ho Ho Ho

Com a proximidade do Natal, as crianças ficam enlouquecidas com o bom velhinho, rsrs E quem não?!? Papai Noel Ho Ho Ho

Os pais enlouquecem, estudam táticas,  criam estratégias, se preparam mais do que para a prova do Enem, a fim de confortar os pequenos com suas listas de presentes.

Seria sorte daqueles que devido à prática religiosa não comemoram o Natal?!?
Existem também grupos que julgam que o bom velhinho e toda ornamentação da casa é uma atitude pagã.
(Muitos responsáveis fazem suas escolhas e não dão está opção à criança, nada contra, mas…)
Tá certo, as crianças compreendem que o Papai Noel é um mero homem fantasiado de velho e barrigudo.
(Gosto de acreditar que ele existe, rsrs)

Seria este momento mais propício para revelar que Papai Noel não existe?!?
E acabar com a infância da criança?!?
Óh dúvida cruel!! Kkkkkk

É tão gostoso ver a alegria das crianças, seus olhinhos brilhantes e o entusiasmo pela celebração.

Ser criança é apenas uma vez…
É tão curto esse período.

Existem tantas maneiras de esclarecer uma criança sobre o Natal sem dar sumiço no Papai Noel.

Natal representa o nascimento do Menino Jesus, Filho da Virgem Maria, concedido pelo Espírito Santo de Deus.

E quanto aos presentes, Papai Noel visita tantas crianças, que não pode priorizar.
E como lidar com as perguntas, mas mãe “fulaninho” ganhou o “Overboard” e eu não, nessa hora , tu pensa, putz….

Rapidamente, lembramos da nossa nacionalidade e damos nosso jeitinho brasileiro, escorregadio e revelamos que provavelmente, não sabemos ao certo, mas já pensou que , os pais de “fulaninho” talvez tenham enviado um valor pro Papai Noel pra ajudar no presente?!?

Temos o direito de dar essa dúvida a criança como parte do presente de Natal, rsrs, assim eliminamos de nós mesmo a culpa por não atendermos a todas as vontades, rsrs, soa cruel, mas nem tanto de acordo com a realidade de cada família.

Não podemos esquecer de incentivar nossas crias de doarem os brinquedos que não usam mais, porque assim ajudamos ao Papai Noel a levar alegria a outras crianças, deixando-as felizes e o aniversariante do dia, O Menino Jesus, se alegra ainda mais com a nossa atitude.

Afinal , o Natal representa alegria.
O pouco que fazemos, para uns, representa muito para quem recebe.
Que seja Natal todos os dias!!
Doe, compartilhe, apadrinhe, faça como achar melhor, mas participe, seja como uma visita a orfanatos, casa de idosos, hospitais, incentive!

Papai Noel Ho Ho Ho , ॐ∞.