Manifesto do Partido Comunista

O Manifesto do Partido Comunista está dividido em um preâmbulo e quatro seções, a última delas uma curta conclusão. A introdução começa: “Um espectro está assombrando a Europa – o espectro do comunismo. Todas as potências da velha Europa firmaram uma aliança sagrada para exorcizar esse espectro”. Ressaltando que os partidos em todos os lugares – incluindo aqueles no governo e na oposição – lançaram a “crítica marcante do comunismo” uns nos outros, os autores inferem disso que os poderes constituídos reconhecem o comunismo como um poder em si.

Em seguida, a introdução exorta os comunistas a publicarem abertamente seus pontos de vista e objetivos, para “enfrentar esta história infantil do espectro do comunismo com um manifesto do próprio partido”.

Primeira Seção

A primeira seção do Manifesto, “Burgueses e proletários”, elucida a concepção materialista da história, de que “a história de todas as sociedades até então existentes é a história das lutas de classes”. As sociedades sempre assumiram a forma de uma maioria oprimida explorada sob o jugo de uma minoria opressora. No capitalismo , a classe trabalhadora industrial, ou proletariado , engaja- se na luta de classes contra os proprietários dos meios de produção , a burguesia. Sendo assim, esta luta terminará em uma revolução que reestrutura a sociedade, ou a “ruína comum das classes em conflito”.

A burguesia, através da “revolução constante da produção e perturbação ininterrupta de todas as condições sociais” emergiu como a classe suprema da sociedade, deslocando todos os antigos poderes do feudalismo. Portanto, a burguesia explora constantemente o proletariado por sua força de trabalho, criando lucro para si e acumulando capital. No entanto, ao fazer isso, a burguesia serve como “seus próprios coveiros”. O proletariado inevitavelmente se tornará consciente de seu próprio potencial e subirá ao poder por meio da revolução, derrubando a burguesia.

Segunda Seção

“Proletários e comunistas”, a segunda seção, começa afirmando a relação dos comunistas conscientes com o resto da classe trabalhadora. O partido comunista não se oporá a outros partidos da classe trabalhadora, mas ao contrário deles, expressará a vontade geral e defenderá os interesses comuns do proletariado mundial como um todo, independente de todas as nacionalidades. Então, a seção segue defendendo o comunismo de várias objeções, incluindo alegações de que defende a prostituição comunal ou desincentiva as pessoas de trabalhar.

A seção termina delineando um conjunto de demandas de curto prazo. Por exemplo, um imposto de renda progressivo; abolição de heranças e propriedade privada; abolição do trabalho infantil; educação pública gratuita; nacionalização dos meios de transporte e comunicação; centralização do crédito por meio de um banco nacional; expansão de terras públicas, etc.. Nesse sentido, a implementação resultaria no precursor de uma sociedade sem estado e sem classes.

Terceira Seção

A terceira seção, “Literatura Socialista e Comunista”, distingue o comunismo de outras doutrinas socialistas prevalentes na época. Todavia, estas sendo amplamente categorizadas como Socialismo Reacionário; Socialismo conservador ou burguês; e Socialismo e Comunismo Crítico-Utópico. Embora o grau de reprovação em relação às perspectivas rivais varie, todos são rejeitados por defenderem o reformismo e por não reconhecerem o papel revolucionário preeminente da classe trabalhadora.

“Posição dos comunistas em relação aos vários partidos da oposição”, a seção conclusiva do Manifesto, discute brevemente a posição comunista sobre as lutas em países específicos em meados do século XIX, como França, Suíça, Polônia e Alemanha. Este último “na véspera de uma revolução burguesa” e prevê que uma revolução mundial virá em breve. Por fim, termina declarando uma aliança com os socialistas democráticos, corajosamente apoiando outras revoluções comunistas e apelando para uma ação proletária internacional unida – “Trabalhadores de todos os países, uni- vos!”.

Baixe Manifesto do Partido Comunista

Link para download da obra, clique aqui.

Gostou de Manifesto do Partido Comunista?

Assine nossa Newsletter e fique por dentro das notícias, assim que forem publicadas, ou como desejar. Portanto, confira informações no email recebido. Leia mais no Caderno Cultural.

Conheça nossos parceiros Entre Séries, Dica App do Dia, Passa de Fase, Rogério de Caro, Graça Decaro, Amorarica, Excelsior Serviços, Blog PS, DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES e Márcio Pinheiro Advocacia

Manifesto do Partido Comunista