Projeto Amorsedoa chega ao Atrium Shopping com campanha de doação de sangue

O estoque de bolsas de sangue atualmente está em alerta, segundo o Banco de Sangue Paulista. Com o momento delicado que o País atravessa por causa da pandemia do Covid-19, é possível que a situação se agrave. O Atrium Shopping, em parceria com o “Projeto Amorsedoa”, abre espaço para seus visitantes participarem da campanha e doarem nos dias 27 e 28 de maio.

Com toda a estrutura montada no Piso 1, ao lado da Casas Bahia, é possível aproveitar aquela passadinha no shopping para fazer uma boa ação e salvar vidas. É necessário estar bem de saúde e, neste momento de pandemia, também há a precaução de não ter apresentado sintomas respiratórios e febre nos 30 dias anteriores. Além disso, em caso de contato com pacientes já testados positivo para Covid-19 ou com sintomas, é preciso esperar no mínimo 14 dias para doação.

Quem tiver entre 16 e 69 anos e pesar pelo menos 50kg pode fazer a doação agendando online, pelo Sympla. As vagas são limitadas e o processo é rápido e muito seguro.

Doação de Sangue
Dia 27 e 28 de maio, das 11h às 17h

Agendamento:
Dia 27/05
https://www.sympla.com.br/doacao-de-sangue-no-shopping-atrium–dia-2705__1212076 

Dia 28/05
https://www.sympla.com.br/doacao-de-sangue-no-shopping-atrium–dia–2805__1212080 

Atrium Shopping
Rua Giovanni Battista Pirelli, 155 – Vila Homero Thon, Santo André
Telefone e WhatsApp: (11) 3135-4500
Estacionamento visitantes:
De segunda-feira a sábado e feriados: 9 reais até 2 horas + 2 reais cada 2 horas adicionais. Aos domingos, 50% de desconto.

Gostou da nossa matéria “Projeto Amorsedoa chega ao Atrium Shopping com campanha de doação de sangue“?

Projeto Amorsedoa chega ao Atrium Shopping com campanha de doação de sangue

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.337 outros assinantes

Doação de sangue: somente 34% do estoque necessário em SP

Vinculada à Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, a Fundação Pró-Sangue está operando com somente 34% da quantidade necessária e precisa urgentemente de doação de sangue.

Os tipos O negativo e O positivo estão em situação emergencial, com abastecimento para menos de um dia. Já os sangues do tipo A negativo e B negativo estão em estado crítico, sendo suficientes para um dia. O estoque da instituição abastece mais de 100 instituições de saúde da rede pública e sofre com a queda do número de doações nessa época por conta do tempo frio na região.

Para doar sangue é muito simples, basta fazer o agendamento online pelo site da Pró-Sangue, estar em boas condições de saúde e bem alimentado, ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 kg e levar documento de identidade original no dia da doação.

Situação em Minas Gerais

Estoques de sangue nos hemocentros do estado de Minas Gerais estão baixos. Em função disso, a Fundação Hemominas está convocando doadores voluntários de todos os tipos sanguíneos a comparecerem nas unidades para fazer a doação.

Os estoques de sangue estão, em média, 48% abaixo do ideal, sendo que a queda dos tipos: O negativo, O positivo e A positivo chegam a 60%. Apesar da suspensão das cirurgias eletivas por conta da Covid-19, a Fundação Hemominas lembra que, a todo instante, pessoas sofrem acidentes, necessitam de cirurgias de urgência, de transplantes e outros cuidados. Além disso, alguns pacientes precisam, constantemente, receber transfusão de sangue e hemocomponentes.

Para ser um doador você precisa fazer o agendamento online no site da Hemominas, além de estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 kg, estar bem descansado e alimentado no momento da doação.

Consulte aqui os endereços e horários de atendimento das unidades Hemominas em todo o estado.

Fonte: Brasil 61

Gostou da nossa matéria “Doação de sangue: somente 34% do estoque necessário em SP“?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email, fique ligado nas notícias e matérias do jornal assim que estiverem online. Então, aproveite e leia as Últimas Notícias. Conheça nosso parceiro Dica App do Dia.

Junte-se a 2.337 outros assinantes

Ministério incentiva doação de sangue antes de receberem vacina

O Ministério da Saúde incentiva os brasileiros para doação de sangue, antes de serem vacinados contra a Covid-19. O apelo ocorre porque após a imunização há um impedimento temporário para doação.

De acordo com a pasta, o período de inaptidão é necessário, uma vez que o microrganismo da imunização, ainda que na forma atenuada, circula no sangue de quem recebeu a vacina por um determinado tempo.
 
Caso quem recebe a doação de sangue seja um paciente imunossuprimido, ou seja, que tem o sistema imunológico debilitado, há risco de que essa pessoa desenvolva a Covid-19. A depender da vacina aplicada, há diferentes intervalos antes da permissão para doação de sangue.

No caso de vacinas compostas por vírus ou bactérias inativadas, o tempo previsto é de 48 horas. Esse é o caso da CoronaVac, imunizante produzido pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

Já após vacinas de vírus ou bactérias atenuados, exigem quatro semanas de inaptidão para doar sangue, caso da vacina produzida pela Universidade de Oxford e, que aqui no Brasil, é responsabilidade da Fiocruz.

Em parceria com Brasil61.

Gostou de “Ministério incentiva doação de sangue antes de receberem vacina”?

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia mais notícias do Brasil.

Ministério incentiva doação de sangue antes de receberem vacina
Para marcar o Dia Mundial do Doador de Sangue, Ministério da Saúde lança campanha de doação de sangue, no Hemocentro de Brasília

Hemocentros realizam ações no Dia Nacional do Doador

Segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue de forma regular. Para a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), o ideal é que esse número chegue a 2%

A partir desta segunda-feira (23), hemocentros de todo o País se unem para fazer parte da campanha ‘Somos todos do mesmo sangue’. A iniciativa é uma homenagem ao Dia Nacional do Doador de Sangue, comemorado no dia 25 novembro.

O objetivo da ação é destacar a relevância desse gesto, principalmente durante a pandemia, já que neste período foi registrado uma redução de até 50% no número de doações em determinadas regiões.

No Rio de Janeiro, por exemplo, pela primeira vez o monumento do Cristo Redentor vai representar uma grande bolsa de sangue. A estátua será iluminada na cor vermelha progressivamente nos dias 23, 24 e 25 deste mês, sempre das 19h às 20h.

O reitor do Santuário Cristo Redentor, Padre Omar, afirma que o intuito dessa iluminação é “reconhecer a importância daqueles que já são doadores de sangue e incentivar aqueles que ainda não se tornaram doadores a darem esse passo, para que haja o constante abastecimento dos bancos de sangue.”

A ideia é que cada hemocentro desenvolva ações locais com os doadores para incentivar a participação. Segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue de forma regular. Para a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), o ideal é que esse número chegue a 2%.

Fonte: Brasil 61