Mulheres Revolucionárias: Marie Van Brittan Brown

Em uma época onde a criminalidade só aumentava e muitas vezes não era possível contar com a ajuda da polícia para a segurança, Marie Van Brittan Brown percebeu que se quisesse se sentir mais protegida, deveria fazer o trabalho por conta própria.

Mulheres Revolucionárias: Marie Van Brittan Brown

Na década de 1960, o racismo e o medo em homens e mulheres era muito comum, mesmo dentro da própria casa. Com a ajuda de seu marido,

Pensando nisso, Marie começou a planejar como faria para que conseguisse saber quem estava em sua porta de qualquer lugar de sua casa. Com a ajuda de seu marido, Albert Brown, que era técnico em eletrônica e assim criaram o primeiro sistema de segurança residencial.

O sistema funcionava com câmeras e microfones bidirecionais vinculados com uma televisão, possibilitando áudio e imagem ao vivo quando alguém estivesse na porta de sua casa, podendo ser identificado facilmente. Além disso, ele também contava com um botão para ligar imediatamente para a polícia e um controle remoto que trancava as fechaduras das portas.

Em 1969 Marie e Albert conseguiram uma patente pelo design do projeto.

Gostou de “Mulheres Revolucionárias: Marie Van Brittan Brown?

Então, aproveite e assine nossa newsletter e seja noticiado assim que publicarmos novas matérias! Ah, leia mais sobre o que acontece no História e Luta e no Blog PS toda semana.

Junte-se a 2.155 outros assinantes

Vaga para Instalador Técnico de sistemas de segurança

O Grupo Citech está contratando para vaga de instalador técnico, para atuar em condomínios com os sistemas de segurança. Necessário conhecimentos e experiência com os recursos utilizados pela empresa.

Conheça nossa parceria com o site Lista de Vagas. Visite e confira mais vagas verificadas e reais.

Grupo de divulgação de vagas no Facebook
Canal de divulgação de vagas no Telegram

OBS: Apenas divulgamos as vagas, não solicitamos nenhum dado pessoal ou currículo. Nos canais compartilhamos mais publicações sobre vagas, NUNCA exigimos cadastro no Jornal Grande ABC. Responsabilidade das ofertas é por parte dos contratantes.

Vaga para Instalador Técnico de sistemas de segurança

Instalador Técnico para Condomínios

Requisitos: Candidato precisa ter experiência com instalação e configuração de equipamentos de segurança eletrônica. Além disso, conhecer de instalação de sistemas de biometria, fechaduras e saber o básico sobre automação de portaria. Nós trabalhamos com manutenção de interfones, sistema de CFTV (IP e analógico), cercas elétricas, entre outros serviços pertinentes ao ramo de SEGURANÇA ELETRÔNICA.
Trabalhamos com as marcas Linear, Intelbras, PPA, Control ID, Conduvox…
Salário: R$1.800 (período de experiência) R$2000 (efetivo) + Benefícios.
Local: São Bernardo do Campo
Envie currículo para contato@grupocitech.com.br, com o assunto “Instalador Técnico para Condomínios

Mais Vagas no Grande ABC

Gostou “Vaga para Instalador Técnico de sistemas de segurança”?

Vaga para Instalador Técnico de sistemas de segurança

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro.

Sobre a empresa (extraído do site oficial)

Ci/Tech Tecnologia existe desde 1996, sempre oferecendo soluções em tecnologia, seus sócios são executivos das áreas de Tecnologia da Informação e Automação atuantes no mercado e apaixonados por inovação e pelo que fazem e oferecem. Em 2018 passamos à ser o Grupo Ci/Tech.

Na Ci/Tech Security Solutions, todos os nossos projetos são tratados com o respeito e o profissionalismo que você espera ao contratar um serviço, principalmente, quando seu objetivo visa automação, Controle de acesso ou segurança eletrônica, seja ela sistêmica, patrimonial ou intelectual.

E em 2018 para completar nosso portfólio focado em inovação, inauguramos a Ci/Tech Energy Solutions voltada a soluções em energia solar fotovoltaica.

Nossos executivos possuem alto nível técnico e importantes certificados dentro das áreas em que atuamos (COBIT, CRISC, MCSE e PMP) e nossos técnicos são treinados e certificados pelos fabricantes das soluções que oferecemos.

Por fim, entendemos que “o que é bom, não necessariamente, precisa ser caro” e baseados nesta filosofia exercitamos a “arte de fazer mais por menos” em cada projeto e com cada Cliente.