Arquivo da tag: ubereats

Marketing Gastronômico: Agência Transforma como Setor se Comunica

Com uma clientela cada vez mais exigente e um mercado bastante competitivo, as empresas precisaram inovar em seus negócios, e o marketing se tornou um aliado fundamental nessa caminhada, principalmente, quando se fala de marketing gastronômico em tempos de redes sociais e marketplaces, como IFood e UberEats. 

E se o segredo de uma boa receita é saber dosar e equilibrar temperos e quantidades, a MarketingChef não deixa a desejar. A empresa que traz na bagagem aprendizados enriquecedores no setor A&B, se dedica a entregar melhores resultados desde 2012.

Antes mesmo do termo marketing gastronômico ganhar força, a agência já ajudava empresas a trabalhar corretamente sua identidade gastronômica. Afinal, como atrair a atenção do consumidor? O que faz com que ele escolha entre consumir no seu estabelecimento ou no do concorrente? “Essa é uma pergunta constante e um desafio estratégico e saboroso que adoramos solucionar. Sabemos que nestas horas, é a presença da marca que predomina, ou seja, se as pessoas te conhecem, se identificam com o seu negócio e com os seus valores, as suas chances são maiores e é aqui que nós entramos, ajudando os empresários do setor a encontrar e a ressignificar, quando necessário, a sua marca no mercado” – pontua Juliana Avila, comunicóloga e co-fundadora da MarketingChef. 

Com isso, a agência gastronômica foca em entender o comportamento de consumo no digital para desenvolver suas receitas de sucesso. “Tudo que pensamos e projetamos é baseado no relacionamento e na fidelização dos clientes, sem deixar de lado as novidades e tendências do setor, fortemente inseridas  em nossos serviços” – resume.

E não foi por acaso que estabelecimentos na França, Austrália e EUA e empresas como Sodexo, Ajinomoto, Istambul recorreram aos temperos da MarketingChef e com isso, os sócios, conquistaram não só uma visão diferenciada do setor, mas também a parte analítica e estratégica do negócio criando uma maneira personalizada de atender e surpreender aos seus clientes.

Na agência, é possível desfrutar de serviços que vão desde a concepção de uma nova marca, criação de logotipo, branding, marketing digital e websites. A co-fundadora da MarketingChef reforça que eles não criam, por criar e que a alquimia produzida na agência possui significado e história. “Na hora de definir uma estratégia, focamos em explorar as sensações do público final, assim nosso conhecimento em foto e vídeo faz toda a diferença para criarmos essa atmosfera de desejo nos consumidores”.

Para Avila, investir em marketing é tão importante quanto elaborar um cardápio para o estabelecimento e por isso, no começo do próximo ano, a agência promete tirar do forno um infoproduto, para pequenos empreendedores aprenderem melhor sobre essa área e aplicarem em seus negócios. 

Para saber mais sobre a empresa e os seus projetos, acesse: www.marketingchef.com.br

Mais Vagas no Grande ABC

Gostou “Marketing Gastronômico: Agência Transforma como Setor se Comunica”?

Marketing Gastronômico: Agência Transforma como Setor se Comunica
Foto: Redes Sociais da Naam Esfihas

Assine nossa Newsletter e receba nossas publicações em seu email assim que estiverem online em nosso site. Aproveite e leia sobre Carreiras e Trabalho, com os ensinamentos de Rogério de Caro. Veja também as Últimas Notícias. Conheça nosso site para o Rio de Janeiro, o Jornal Grande Rio.

Junte-se a 2.703 outros assinantes

Veja como funcionam atividades com restrição na fase emergencial

A fase emergencial do Plano São Paulo estabelece medidas mais duras de restrição de circulação pública e funcionamento de algumas atividades até o dia 11 de abril, inclusive parte daquelas classificadas como essenciais. Veja como funcionam atividades neste período.

A meta é reforçar o distanciamento social e reduzir a circulação urbana. Confira um resumo a seguir:

Veja como funcionam atividades



ESCRITÓRIOS EM GERAL E ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS – Obrigatoriedade de teletrabalho (home office).

COMÉRCIO DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO – Proibido o funcionamento e atendimento presencial, mas ficam liberados os serviços de retirada por clientes com veículo (drive-thru) e entrega na casa do comprador (delivery).

ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS (COMÉRCIO EM GERAL) – Somente entrega (delivery) e retirada de automóvel (drive-thru), com proibição de retirada de produtos no local.

REPARTIÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA – Obrigatoriedade de teletrabalho (home office).

RESTAURANTES, BARES E PADARIAS – Somente entrega (delivery) e retirada de automóvel (drive-thru), com proibição de retirada de produtos no local. Mercearias e padarias podem funcionar seguindo as regras de supermercados, com proibição de consumo no local.

TRANSPORTE COLETIVO – Recomendação de escalonamento de horário para os trabalhadores da indústria, serviços e comércio. Os horários indicados são de entrada das 5h às 7h e saída das 14h às 16h para profissionais da indústria, entrada das 7h às 9h e saída das 16h às 18h para os de serviços; e entrada das 9h às 11h e saída das 18h às 20h para os do comércio.

EDUCAÇÃO ESTADUAL – Unidades abertas para distribuição de merenda a alunos carentes e entrega de materiais mediante agendamento prévio.

COMÉRCIO DE PRODUTOS ELETRÔNICOS – Somente entrega (delivery) e retirada de automóvel (drive-thru), com proibição de retirada de produtos no local.

SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO – Obrigatoriedade de teletrabalho (home office).

SUPERMERCADOS – Recomendação de escalonamento de horário para os funcionários utilizarem o transporte público para irem ao trabalho (entrada das 9h às 11h e saída das 18h às 20h).

HOTELARIA – Proibição de funcionamento de restaurantes, bares e áreas comuns dos hotéis. Alimentação permitida somente nos quartos.

ESPORTES – Atividades coletivas profissionais e amadoras suspensas.

TELECOMUNICAÇÕES – Teletrabalho (home office) obrigatório para funcionários de empresas de telecomunicação.

ATIVIDADES RELIGIOSAS – Proibição de realização de atividades coletivas como missas e cultos, mas permissão para que templos, igrejas e espaços religiosos fiquem abertos para manifestações individuais de fé.

Com informações do Governo do Estado de São Paulo.

Gostou de “Veja como funcionam atividades com restrição na fase emergencial?

Então, aproveite e assine nossa newsletter e seja noticiado assim que publicarmos novas matérias! Ah, leia mais sobre o que acontece no ABC Cidades todo dia no Grande ABC.

Junte-se a 2.703 outros assinantes